Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Pastor Max visita comunidades rurais de Codó e irá cobrar melhoria para agricultores

IMG_20160226_133237Esta semana o vereador Pastor Max percorreu a zona rural de Codó, visitando várias localidades que haviam pedido sua presença, em razão das dificuldades estruturais enfrentadas pelos seus moradores. O parlamentar, que sempre se colocou a disposição da comunidade e nunca deixou de estar perto e atender o chamado quando necessitam de sua ação, vem realizando esse trabalho itinerante desde que iniciou seu mandato.
IMG_20160226_133324
Melhorias das condições para o homem do campo
Desta vez, o vereador pastor Max percorreu vários quilômetros em estradas ruins para visitar as localidades de Sororoca, Bacaba, Pau Ferro, Bom Jesus e Monduri. Fosse caminhando em vários trechos da estrada ou de carro, o vereador pôde constatar as dificuldades que aqueles moradores enfrentavam todos os dias para se deslocarem até a cidade, principalmente, quando necessitavam escoar aquilo que produziam no local.
Na comunidade Monduri, onde finalizou a sua visita, o parlamentar conversou com os moradores, que relataram as dificuldades que enfrentavam na localidade, ressaltando que a principal delas era a estrada de acesso. Além disso, a construção de uma escola, o poço artesiano e a titulação da terra eram reivindicações antigas da comunidade, conforme relatou o presidente Luís Carlos.
Para o vereador Pastor Max, esse trabalho que o mesmo vem desenvolvendo ao longo do seu mandato tem a intenção de vivenciar de perto as dificuldades que o povo enfrenta, levando suas demandas para os responsáveis e fazendo com que suas vozes sejam ouvidas, além de se aproximar ainda mais das populações carentes do município, principalmente da zona rural. “Falta para essas comunidades a estrutura mínima necessária para melhoria das condições de vida desse povo tão sofrido. Estrutura como a construção da estrada, que liga a sororoca até o Monduri, bem como da estrada que liga a fazenda imperial até a estrada da fazenda abelha”, explicou o edil.
A polêmica questão da Titulação de terras
O Vereador explicou que outra dificuldade que a comunidade tem enfrentado necessita de um olhar especial dos responsáveis, que é a briga pela titulação da terra. “Emperrada nas gavetas dos burocratas, enquanto a comunidade ameaçada vive todos os dias o tormento de serem expulsas das terras em que vivem a gerações, a questão tem que ser resolvida. A titulação é necessária para que produzam sem medo e outros benefícios cheguem como a construção da escola, do poço artesiano, etc”, declarou
Na opinião do parlamentar, os conflitos de terra no município de Codó são intensos e tem dificultado o desenvolvimento da agricultura familiar. “Quantos agricultores não tem suas vidas ameaçadas sob a mira de um revolver, quantos não têm sido expulsos porque um grande latifundiário ao comprar as terras sem dó os expulsam. Precisamos de um olhar sensível do Estado para essas comunidades, precisamos da atenção dos nossos deputados. Briguem por nós, mandem emendas para Codó. O Município precisa dos convênios que o atual governo cancelou. Precisamos de reforma agrária de fato”. Finalizou Pastor Max.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Local
Tag:

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*