Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Direito de Resposta: PM acusado de agredir mulher em Cajari se defende

cajari-169x300O Codo Noticias recebeu, por e-mail, um direito de resposta do Policial Reformado envolvido em um caso de agressão na cidade de Cajari-MA, que foi publicado aqui na última quarta-feira (05) –reveja.
Esta página publica abaixo, na íntegra, o esclarecimento do PM reformado sobre o ocorrido em Cajari
Veja abaixo o direito de resposta na íntegra:
Ilustre Luiz Pablo, venho através desta requerer meu direito Constitucional de resposta por conta de uma publicação feita em seu Blog no dia 05 de outubro do corrente as 16:50 (http://luispablo.com.br/politica/2016/10/apos-confusao-entre-eleitores-pm-reformado-agride-mulher-em-cajari/#comments).
Primeiramente cumpre esclarecer que a origem da discussão que resultou na agressão da suposta vitima Poliana não se deu por culpa única e exclusivamente da minha pessoa, infelizmente temos pessoas que escondem a verdade para denegri a imagem de outras, pois bem vamos a verdade dos fatos.
No dia 03 de outubro de 2016 por volta das 15:00 no povoado Gameleira interior de Cajari, estavam diversas pessoas aliadas do candidato a vereador Heitor Lindoso juntamente com sua família e amigos e alguns simpatizantes da candidata a prefeita eleita, Doutora Camila na casa do Professor Salvador comemorando o resultado das urnas, quando por volta das 15:30 os presentes foram surpreendidos com a chegada de 3 carros, onde estavam presentes o candidato a vice derrotado Adalton, seu filho candidato há vereador eleito juntamente com varias pessoas armadas de faca, facão, pedaços de madeira, momento em que invadiram a casa do professor Salvador sem qualquer motivo aparente e agredindo os ali presentes, o que pode ser comprovado pela foto(anexa) de uma das vitimas ali presentes, o senhor Cassio Lindoso, irmão do candidato a vereador Heitor Lindoso e meu primo, ato continuo os invasores quebraram diversos objetos, telhados da casa do professor Salvador e depois saíram sem paradeiro certo, embora os meus familiares agredidos tentassem ligar para a policia, os mesmos não conseguiram apoio da policia momento em que cheguei no local e apenas usei o direito de defesa de outrem, ou seja todo meu ato foi no intuito de resguardar a integridade dos meus familiares e dos que estavam ali presentes, pois caso não chegasse no local nesse momento poderia ter acontecido coisa pior, haja vista que o vereador Adalton nesse dia estava acompanhado por pessoas dispostas há qualquer coisa, minha presença inibiu todo ato de violência perpetrado contra meus familiares, ressalto mais uma vez que meu ato foi apenas no intuito de defender a integridade física dos ali presentes e que também não houve cunho politico, no que diz respeite as agressões sofridas pela Poliana, apenas respondi há agressões que a mesma dirigiu contra minha pessoa, ou seja agi acobertado pelo mando da legitima defesa.
Atenciosamente Hélio Lindoso.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Estado
Tag:

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*