Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Atentado à liberdade de imprensa em Ribamar

Um absurdo, um atentando à liberdade de imprensa. Assim pode ser definido o episódio que ocorreu nesta terça-feira no município de São José de Ribamar.

O prefeito Luis Fernando Silva (PSDB), após comprar novos transmissores para a Rádio Comunitária Nova 104,7 FM, de propriedade do empreiteiro José de Jesus, mandou demitir o radialista Carlos Afonso, que apresentava o Tribuna Popular, programa no qual o ouvinte podia interagir e fazer suas reclamações e que, por conta disso, sagrou-se como o de maior audiência na cidade.

Afonso, que também coordena e integra a equipe de esportes da Rádio Difusora, de São Luís, foi demitido a mando de Luis Fernando, que não aceita ser criticado pelo povo e, muito menos, pela imprensa livre de São José de Ribamar.

O fato, além de se configurar um grave atentado à liberdade de imprensa, pode se caracterizar crime, uma vez que, até o momento, não se sabe a origem dos recursos utilizados por Luis Fernando para adquirir novos transmissores para uma Rádio Comunitária, que é uma concessão pública do governo federal.

Vale lembrar que Luis Fernando é o verdadeiro proprietário da Rádio FM Verdes Mares, outra comunitária localizada na sede de Ribamar e que é dirigida por um de seus pré-postos, de nome Godinho.

A demissão de Carlos Afonso teve forte repercussão nas redes sociais e grupos de mensagem da cidade nesta tarde.

Em áudios publicados em um destes grupos, o radialista confirmou que José de Jesus, que possui vários filhos e ex-mulheres empregados na prefeitura, o demitiu por determinação de Luis Fernando, que teria comprado os novos transmissores para a Nova 104, que continua fora do ar.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Estado
Tag:

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*