Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Beneficiários dos quintais produtivos comemoram produção em Cidelândia

“Hoje eu sou uma quebradeira de coco muito feliz, o kit de quintais produtivos mudou a minha vida e a minha forma de trabalhar, hoje eu produzo muito mais”, contou com alegria dona Eunice da Conceição Costa, integrante do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu – Miqcb de Cidelândia,  a caminho da sua terceira colheita.

Com a produção de milho, feijão, abóbora e macaxeira dona Eunice ganha o sustento da família composta por cinco pessoas. Depois dos kits do projeto Quintais Produtivos entregues pelo Governo do Estado, por meio do Sistema SAF, em junho de 2016, a produção dela e de mais 100 famílias aumentou e eles estão conseguindo consumir e comercializar o que está sendo produzido, aumentando a renda.

Só nessa última safra, a agricultora colheu 120 quilos de feijão e 200 quilos de milho verde. No povoado São Francisco as famílias também comemoram a boa colheita. Nos 12 lotes do povoado foi plantado milho no início de 2017 e colhidos 6 toneladas por hectare e agora as ferramentas do kit estão auxiliando no plantio de feijão.

O projeto dos Quintais Produtivos não beneficiou apenas comunidades de mulheres quebradeiras de coco como dona Eunice, mas também quilombolas e agricultores familiares. Ao todo foram 19 kits entregues em Cidelândia, contemplando o povoado São Francisco, Sol Brilhante, Viração e Centro do Abraão.

De acordo com o secretário Adelmo Soares, o papel do Sistema SAF vai além da entrega dos kits. “Os kits foram entregues e nós estamos, ainda, acompanhando e instruindo os agricultores familiares para que sua produção aumente cada vez mais. Vamos trabalhar fortemente para que a produção seja comercializada no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e, com isso resgatar a dignidade e qualidade de vida de quem precisa da terra para produzir”, disse.

Essa produção só é possível com prestação de assistência técnica de qualidade e contínua que, nesse caso, é realizada por meio da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural – Agerp. “Nós buscamos sempre acompanhar e orientar os nossos agricultores familiares para que eles tenham o maior êxito possível na produção. Estamos constantemente capacitando nossos técnicos para que atendam as demandas dos agricultores”, explicou o presidente da Agerp, Júlio Mendonça.

O projeto ‘Quintal Produtivo’ tem o objetivo de oferecer ao agricultor familiar uma estrutura onde ele possa produzir o ano inteiro em uma área próxima à sua residência, com a finalidade de agregar valor e melhor utilizar a mão-de-obra da família. A área que o projeto compreende é de 1.000 m² e podem ser cultivados até seis culturas diferentes além das hortaliças.

Os kits são compostos, na parte agrícola, de machado, carro de mão, pulverizador, enxada, regador, cavadeira, facão, foice, pá de bico, balde, bota de borracha, máscara, luva, capacete, balança de prato, caixa plástica para verdura e conjunto para jardim com 5 peças. Já na parte de irrigação contém bomba, tubos, micro aspersores, filtro de disco, válvula de sucção, mangote, braçadeira, chave magnética.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Estado
Tag:

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*