Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Policial morre após ser baleado no Vidigal e é o 91º PM assassinado no RJ

Um policial militar morreu após ser baleado na Favela do Vidigal, no Leblon, Zona Sul do Rio de Janeiro, na madrugada deste domingo (23). O sargento Hudson Silva de Araújo participava de um patrulhamento quando foi atingido.

O sargento é o 91º PM morto no Rio em 2017. No Rio de Janeiro, a média chega a um policial morto a cada 54 horas no estado.

Segundo informações da corporação, o PM foi socorrido por colegas da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) e levado ao Hospital Miguel Couto, mas ele não resistiu ao ferimento e morreu.

No sábado (22), foi enterrado o corpo do policial militar Fabiano de Brito Silva, de 35 anos, morto na sexta (21) durante uma tentativa de assalto na Baixada Fluminense.

“1ª MARCHA NACIONAL PELA VIDA DOS POLICIAIS MILITARES” em Codó

No próximo dia 24 (segunda), o 17º Batalhão de Polícia Militar em Codó será palco a partir das 16hs da concentração de uma manifestação que promete reunir os codoenses em apoio a Polícia Militar.

A Marcha Nacional pela Vida dos Policiais Militares tem o objetivo de conscientizar a população e autoridades do perigo que os PMs passam no dia a dia de seu trabalho em ações contra a criminalidade.
Todos os dias policiais saem de suas casas, despedem-se de suas famílias, com o único objetivo de proteger a comunidade, e às vezes não voltam vivos para casa, como aconteceu em ocorrência policial na cidade de Timbiras no ano de 2013, com o saudoso Cabo PM Moreira, 38 anos, onde foi atingido mortalmente com dois tiros, um no rosto e um no tórax disparados por um homem acusado de ser traficante, Cabo Moreira deixou esposa e dois filhos.
Outra ocorrência policial, que deixou a família policial e a sociedade codoense aflitas foi o caso do sargento Denilson, que em 28 de junho deste ano, quando patrulhava com sua equipe o Centro da cidade de Codó foi alvejado por um assaltante com disparos de armas de fogo, onde uma munição ultrapassou o para-brisa e o sargento Denilson foi atingido de raspão na cabeça.
A Marcha também tem como meta reeducar a população brasileira de forma a honrar a vida desses heróis.
A organização convida todos os policiais, familiares e simpatizantes da PM, que compareçam, para que juntos, possam se unir na causa.
O evento terá concentração no Batalhão da Polícia Militar em Codó, a partir das 16hs.
AMIGOS DA PM
 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Polícia
Tag:

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*