Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Major Hudson mais 47 oficiais da Polícia Militar estão se graduando no Curso Superior de Polícia em São Paulo

O secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, ministrou uma palestra, na manhã desta terça-feira (3), a 48 oficiais da Polícia Militar que estão se graduando no Curso Superior de Polícia (CSP). A aula foi realizada na sede da SSP, no centro de São Paulo.

O CSP é reconhecido como doutorado e torna os policiais aptos a exercerem funções estratégicas e de planejamento no alto escalão da corporação. A formação no curso é um dos requisitos para que os oficiais possam subir da patente de major à tenente-coronel e, posteriormente, à coronel – o mais alto grau.

Dos 48 alunos, cinco são de outros Estados – dois do Maranhão Major Hudson Carneiro e o Tenente Coronel Xavier, dois do Rio Grande do Sul e um de Roraima.

Durante a palestra, Mágino ressaltou que os comandantes devem sempre buscar a melhoria do serviço prestado pelas suas tropas à população, assim como devem valorizar seus próprios policiais.

“A PM sabe valorizar internamente os seus patrulheiros. O trabalho dos senhores é, de um modo geral, propiciar o possível para que o policial possa bem exercer sua função”, afirmou o secretário, que se colocou à disposição no que for possível para ajudar comandantes e comandados.

Mágino ainda abordou alguns temas de destaque dentro do campo da Segurança Pública, como alterações legislativas, grandes operações, integração com outros poderes e, principalmente, do respeito e admiração que a população tem das forças policiais.

Major Hudson ao lado do Oficial de Roraima

O chefe da Assessoria Policial Militar da Secretaria da Segurança Pública (APMSSP), coronel Joselito Sarmento de Oliveira Junior, também conversou com os alunos. O oficial explicou o funcionamento da unidade e a importância da proximidade entre a PM com as demais polícias e com o próprio governo, por meio da SSP.

“Quando há desavenças, as instituições enfraquecem. Por isso, na SSP, prezamos sempre pela integração entre militares e civis”, destacou o comandante. “É a busca pelo entendimento que conseguimos nos unir e atender melhor a sociedade”.

PUBLICIDADE

Dentro da estrutura da secretaria, as assessorias policiais, tanto da Polícia Civil, quanto da PM, compõem em conjunto setores como a Coordenadoria de Análise e Planejamento (CAP), que verifica os indicadores criminais e projetos; Assessoria Técnico-Policial (ATP), que trata da parte jurídica de todos os tipos de convênios, resoluções e conselhos; o grupo de controle do FISP, que trata da destinação dos recursos do Fundo de Incentivo; entre outros.

A APMSSP, que em março de 2018 completou 31 anos de existência, é responsável ainda pelo Corpo de Guarda e Escolta, unidade responsável pela segurança do secretário e do secretário-adjunto da pasta, além da proteção das dependências físicas da SSP.

Fonte: ASCOMSSPSP

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Local
Tag: