Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Público lota Praça São Sebastião para abertura da segunda edição da Feira Literária de Codó

Nagib ao lado da Pprofessora Luiza de Alencar Oliveira, autora do hino de Codó

A segunda Feira literária de Codó, a FLIC 2018, foi oficialmente aberta na última quarta-feira (22) na Praça de São Sebastião. Na cerimônia estavam presentes autoridades, como o prefeito Francisco Nagib, secretário de educação Paulo Buzar, secretários de governo e representantes do Legislativo, como o vereador Pastor Max. Também participaram do evento, educadores, estudantes e a comunidade em geral. A homenageada da noite foi a professora Luiza de Alencar Oliveira, autora do hino de Codó, que na oportunidade recebeu uma Placa e flores do prefeito Nagib.

“Estou muito emocionada e feliz por participar de um momento tão especial da educação de Codó. A composição do hino de Codó foi uma declaração de amor e gratidão, pois fui muito bem recebida aqui, pela natureza deste município e seu povo maravilhoso. Codó sempre me proporcionou momentos maravilhosos e me sinto muito compensada por isso. sempre soube que essa gestão e o prefeito teria a garra e a energia necessária para fazer uma educação de qualidade a nossas crianças, jovens, adulto e também aos idosos. Parabéns a todos!”, agradeceu a homenageada da 2ª FLIC.

Idealizada pela gestão Mais Avanço, Mais Conquistas, por maio da Secretaria de Educação Ciência, Tecnologia e Inovação, a Feira literária vai até o dia 25 de agosto, com uma programação bem diversificada e apresentações de mais de 45 escolas da rede municipal de ensino, além de cursos, palestras e oficinas para a comunidade estudantil de Codó e região. O público poderá contar com o lançamento de livros e apresentações culturais.

“Mais um grande paço dado e um avanço significativo para a educação que tanto desejamos. Permitir o maior acesso a leitura e a escrita é fomentar cada vez mais a transformação de nossas crianças e jovens e cidadãos melhores e mais esclarecidos e conscientes de seu papel na sociedade. Codó já enfrentou tempos difíceis na educação, mas agora dá saltos positivos, e a Feira Literária de Codó é um exemplo da consolidação desses novos tempos. Por isso vamos abraçar esse idéia e lutar para torna-l a Lei e que os próximos gestores continuem entendendo e investindo neste evento tão importante para nossa cidade”, afirmou o vereador Pastor Max.

“A idéia da Feira Literária de Codó surge em um cenário de muitos investimentos na educação, por parte do governo municipal e da necessidade de melhorarmos nosso IDEB. A feira é mais uma frente de investimentos, assim como a reforma e ampliação de nossa rede d ensino, aquisição de quinze ônibus escolares, compra de uniformes e materiais. Ou seja, estamos trabalhando para dar um grande salto na educação como um todo. As nossas crianças e nossos jovens gostam de ler e o nosso papel é incentivar cada vez mais”, disse o secretário de educação Paulo Buzar.

A FLIC já é um grande sucesso, contando com a participação de diversas livrarias do Maranhão e Piauí. A feira objetiva o incentivo a leitura a escrita e a formação de uma nova geração de amantes da literatura. “Bem vindos ao maravilhoso mundo mágico da leitura e do conhecimento em nossa segunda edição da Feira Literária de Codó. a FLIC é um projeto de nossa gestão e executado com muita competência pelo secretário Paulo Buzar e sua equipe. Estamos investindo muito em educação, em todas as áreas, como novas escolas, reformas, novos veículos e a FLIC é um grande instrumento de incentivo a leitura para nossas crianças e

jovens. Teremos uma programação com palestras de renomados autores, exposições de arte e uma série de atrações. Tenho certeza que é um projeto que renderá grandes frutos num futuro próximo”, concluiu o prefeito Nagib.

Ascom – PMC

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Local
Tag: