Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Com turistas e militares nas ruas, Brasília espera posse de Bolsonaro

Área por onde Bolsonaro vai passar está completamente isolada

A menos de 24 horas do início da cerimônia para empossar Jair Bolsonaro (PSL) como presidente do Brasil, a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, vivia a expectativa do início do evento com pessoas vestidas de verde e amarelo, além de um toque de treinamento militar, já que foi adotado um nível de segurança nunca visto na capital federal.

Os trechos por onde Bolsonaro e o vice, Hamilton Mourão, vão transitar — Catedral de Brasília, Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Itamaraty — estão interditados desde a 0h do dia 30. O público somente poderá acessar o local a partir da manhã de terça-feira (1º).

Homens da Polícia Militar e das Forças Armadas faziam as últimas varreduras na tarde desta segunda-feira (31). Enquanto isso, turistas que viajaram a Brasília para acompanhar a cerimônia circulavam pelas áreas ainda abertas ao público para tirar fotos e até comprar camisetas ou bandeiras.

Dupla de SP montou ‘loja’ na Esplanada

As comerciantes Lucicleide Lima e Madalena Albanez saíram do tradicional bairro de comércio popular do Brás, em São Paulo, para vender camisetas (uma por R$ 30 e duas por R$ 50) e outros acessórios relacionados à imagem do futuro presidente. Posicionadas na sombra de algumas árvores próximas da rodoviária de Brasília, enquanto os termômetros beiravam os 30°C no sol, elas já fazem um balanço positivo dos negócios.

“O público do Bolsonaro é mais exigente, então procuramos fazer mercadorias de boa qualidade. Tem gente que não quer o nome dele, mas tem camisetas com a frase “meu partido é o Brasil”. Tem para todos os gostos”, conta Lucicleide, que também confecciona as roupas.

Pernambucano vende artigos da Copa em Brasília

Parte do material que sobrou das vendas da Copa do Mundo (chapéus, faixas e bandeiras) voltou às ruas na mão do ambulante pernambucano Marcelo Silva, que chegou à capital na quinta-feira (27) e vai ficar para a posse de Bolsonaro.

O movimento ainda era baixo na Esplanada, se levado em conta o fato de que 500 mil pessoas passem por lá na terça-feira. Porém, aqueles que resolveram passar próximos do local da posse puderam parte do efetivo militar que já está encarregado de manter a segurança.

Nas proximidades da Torre de TV, oficiais do Exército acompanham em um computador imagens de uma espécie de balão, que monitora o espaço aéreo em busca de drones nas redondezas. Os veículos verde-oliva da corporação circulam pela cidade o tempo todo.

Nos arredores do aeroporto, viaturas da Força Nacional de Segurança já são vistas logo no desembarque. Nesta tarde, diversos carros com placas de embaixadas buscavam representantes estrangeiros que participarão da posse.

R7

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Nacional

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*