Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Inicia hoje em Codó a 21ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza

A campanha de vacinação contra a Influenza deste ano em Codó acontece no período de 10 de abril a 31 de maio. A Secretaria Municipal de Saúde informa que no dia 04 de maio, é o dia da mobilização nacional.

Meta de imunização

Em Codó, a meta 2019 é imunizar 34 mil pessoas, entre elas 90% da população dos grupos prioritários. No ano passado, com a mesma meta, apenas 99,62% dos grupos prioritários receberam a dose da vacina. Vale ressaltar que neste ano o Programa Nacional de Imunização ampliou em um ano a faixa etária da vacinação para crianças.

Quais são os grupos prioritários?

A estratégia será realizada considerando momentos específicos para a mobilização da população para a vacinação, a saber:

Em Codo vai se iniciar com todos os grupos prioritários,nos relatou Karen diretora da atenção primária em Codo. 

Quem mais deve tomar a vacina?

Além dos grupos prioritários, devem ser vacinados também os trabalhadores da saúde, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas sócioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. E segundo Ministério da Saúde, todos os professores das escolas públicas e privadas também devem tomar a vacina.

Atenção para as orientações!

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que, para sistematizar o atendimento, o cidadão deve ter em mãos a carteira de vacinação e o cartão SUS.

Salas de Vacina em Mafra

Codó conta com 20 salas de vacinas credenciadas, que estão alocadas nas seguintes Unidades de Saúde da Família:

  • UBS. DR. SEBASTIÃO REIS – PRAÇA BAYMA SERRA CODO NOVO
  • UBS. MARIA DAS NEVES – PADRE JOSE PELEGRINNI NOVA JERUSALEM
  • UBS MARIA FERREIRA – PRAÇA HAMILTON AGUIAR SÃO FRANCISCO
  • UBS.  SILVIA SANTOS – RUA 20 DEZEMBRO -SÃO PEDRO
  • UBS.  ANTONIO CARLOS – PRAÇA ROSEANA SARNEY SÃO FRANCISCO
  • UBS.  BORBOREMA – AVENIDA VITORINO FREIRE – SANTO ANTONIO
  • UBS.  SANTA RITA – RUA CESAR BRANDÃO – SÃO PEDRO
  • UBS.  SÃO BENEDITO – AVENIDA DR JOSÉ ANSELMO  – SÃO BENEDITO
  • UBS.  NOSSA SENHORA DE FATIMA – RUA FREI HENRIQUE DE COIMBRA Nº 1700 – SÃO RAIMUNDO
  • UBS.  PEDRO CELESTINO LUZ JR. – AVENIDA JOÃO BARBOSA RESIDENCIAL ZITO ROLIM/SÃO RAIMUNDO
  • UBS.  MIGUEL ZAIDAN – AVENIDA SANTOS DUMONT – SÃO SEBASTIÃO
  • UBS.  LUIZ CARLOS MARTINS RUA DO PURAQUE – CODO NOVO
  • CENTRO DE ATENDIMENTO MÉDICO – CAM AVENIDA DUQUE DE CAXIAS – SÃO SEBASTIÃO
  • UBS. EUDES ALVES SIMÕES FILHO – POVOADO BACABINHA
  • UBS. ANA LUIZ DOS REIS – KM 17
  • UBS. ANTONIO GOMES DE OLIVEIRA –POVOADO BARRACÃO
  • UBS. NESTOR SALAZAR FILHO – POVOADO ALEGREB
  • UBS. VERIDIANO ALVES DOS SANTOS – POVOADO SABIAZAL
  • UBS. PROCÓPIO ARAÚJO SILVA – POVOADO BOA VISTA
  • UBS. DALGIZA PEIXOTO NASCIMENTO – POVOADO CAJAZEIRAS

 

Prevenção conta gripe

A influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade, com tendência a se disseminar facilmente. Pode ser transmitida de forma direta por meio de secreções das vias respiratórias de uma pessoa doente ao espirrar, tossir ou falar. A transmissão também acontece por meio indireto pelas mãos que, após contato com superfícies recentemente contaminadas por secreções respiratórias de um indivíduo infectado, podem levar o vírus diretamente para a boca, nariz e olhos. O compartilhamento de materiais escolares, brinquedos, canetas, teclados de computador, por exemplo, também contribui para a transmissão. É importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão ou utilizar o álcool gel, e evitar tocar os olhos, a boca e o nariz após o contato com essas superfícies.

 

Sintomas

Ficar atento aos sintomas da gripe, que, em geral, são febre alta, calafrios, tosse, dor de cabeça, dor de garganta, cansaço e dores musculares. Quem estiver com febre alta, tosse e falta de ar deve procurar uma unidade de saúde em até 48 horas. O tratamento precoce com medicamentos antivirais ajuda a evitar a evolução para formas graves que podem levar a internação e ao óbito.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Local