Saiba quais são os tipos de cultura organizacional mais comuns dentro de uma empresa


A cultura organizacional é um ponto de extrema importância nas empresas e deve ser olhada com grande atenção pelos gestores e empresários. Construir sólidas culturas faz toda diferença para resultados e pela forma como a empresa é vista no mercado.
Muito se fala sobre esse tema, mas você sabia que existem diferentes tipos de cultura organizacional? Reunimos informações sobre algumas delas para você ficar ainda mais por dentro desse importante assunto empresarial, confira!
O que é cultura organizacional?
Antes de entender quais os tipos, é importante se situar sobre o que é cultura organizacional. Essa importante questão do mundo empresarial refere-se ao conjunto de hábitos, crenças e valores compartilhados dentro da empresa e que mostram ao público interno e externo o que é pregado naquele ambiente.
A cultura organizacional tem grande influência do comportamento e desempenho e molda atitudes dos componentes de tal espaço.
Essa cultura envolve as atitudes no ambiente de trabalho, as regras formais e informais, missão, visão e valores, costumes, crenças, hábitos, linguagens, estrutura e outros elementos que fazem a empresa o que ela é.
Ter uma definição e uma estratégia de cultura organizacional é essencial para auxiliar processos, direcionar relações e criar laços e caminhos para os objetivos comuns de um negócio.
Quais são os tipos de cultura organizacional?
A cultura organizacional não é um objeto fechado e sem mutações e, de acordo com estudiosos, existem quatro principais tipos de cultura organizacional que se diferenciam em seus objetivos e aspectos.
Cultura de poder
Essa cultura é sobre aqueles locais que concentram a liderança em uma única pessoa, geralmente, o dono ou gerente da organização. Nesse espaço, os colaboradores são orientados a resultados, o que pode levar a climas de competição, o que nem sempre é saudável para as equipes.
Nessa cultura, há forte centralização das estratégias e definições e é comum encontrar esse tipo de gestão em empresas pequenas.
Cultura de papéis
Na cultura de papéis o foco se dá nas funções desempenhadas por cada um dos colaboradores. Nesse caso, os níveis hierárquicos são bem estabelecidos e há menor flexibilidade na execução das tarefas, já que cada um só realiza o que é determinado para si.
Os procedimentos aqui são bem definidos, mas podem ser muito engessados, dando pouco espaço para novas ideias e melhorias.
Cultura de tarefas
A cultura de tarefas são aquelas organizações em que existem profissionais específicos para realizar os diferentes tipos de tarefas, agregando diferentes conhecimentos à organização e fomentando o crescimento.
Nessa cultura, o foco está na resolução dos problemas, admitindo pessoas preparadas para os mais diferentes tipos de situação. A flexibilidade e o ritmo de trabalho ditado pelos acontecimentos é o grande motivador desse ambiente.
Por aqui, há maior liberdade para inovação e soluções, aumentando motivação e comprometimento para realização das tarefas e de problemas.
Cultura de pessoas
Como o nome sugere, essa cultura é focada nas pessoas que fazem parte do cenário organizacional. Ou seja, empresas que adotam esse posicionamento valorizam o trabalho dos funcionários, a integração das equipes e o crescimento individual de cada um de seus componentes.
Nesse espaço, o colaborador é colocado em primeiro plano e são incentivados a criar e darem ideias e soluções para seu cenário.
Aqui também há maiores cuidados com planos de carreira, retenção de talentos, formação de lideranças e desenvolvimento das pessoas para garantir o crescimento do público interno e da companhia.
Independentemente de qual seja a cultura utilizada e pregada em sua empresa, é importante compartilhar missão, visão e valores, objetivos e ter regras expressas para que todos os colaboradores saibam como se portar dentro desse ambiente.
Mais do que isso, é essencial buscar por pessoas que tenham o famoso “fit cultural” e compartilhem dos mesmos valores pregados pela organização. Recrutar as pessoas certas é preciso para que os indivíduos vistam de fato a camisa da empresa.
Seja qual for a cultura seguida em seu negócio, é importante que ele tenha uma cultura definida com regras e conjuntos de ações para guiar os componentes de seu negócio.
Agora que você sabe mais sobre os tipos de cultura organizacional, você conseguiu identificar em qual delas a sua empresa se encaixa? Aproveite que você sabe mais sobre elas e reveja os seus conceitos organizacionais!

 

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Nacional

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*