Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Por que a mistura de vinagre de maçã e mel faz tanto sucesso?

A mistura de vinagre de maçã, mel e água tornou-se um remédio popular em muitos lares por conta das diferentes propriedades que esse tônico contêm. Enquanto o vinagre de maçã se destaca por seu efeito antisséptico, o mel traz diferentes compostos ativos que possui principalmente propriedades antibacterianas e antiinflamatórias.

E mesmo o vinagre de maçã diluído apenas em água já tem efeitos positivos, de acordo com a nutricionista Marcela Neves. “Em doses diárias, ajuda a reduzir o colesterol, no controle do diabetes e melhora a digestão”, cita.

Além disso, a bebida funciona como diurético para quem sofre com retenção de líquido. Para garantir os benefícios, o recomendável é o vinagre de maçã orgânico.

Quando o mel entra na receita, os benefícios aumentam ainda mais porque, além de deixar a combinação mais saborosa e suavizar o sabor do vinagre, seus micronutrientes ajudam na imunidade.

Ajuda a emagrecer?

Embora seja muito propagada a história de que vinagre de maçã ajuda a emagrecer, ele não possui essa função. Porém, uma fibra solúvel presente em sua composição ajuda a preencher o estômago e aumentar a sensação de saciedade, o que acaba fazendo a pessoa comer menos.

Mas é claro que só a bebida não vai funcionar nessa questão. “O vinagre de maçã não é milagroso. Para a perda de peso é mais importante aliar uma rotina de exercícios físicos com alimentação equilibrada e uma boa noite de sono”, destaca a nutricionista. “Se quiser acrescentar o vinagre de maçã como um coadjuvante, ok, é válido”, completa.

Ainda assim, ao combinar mel e vinagre, é preciso lembrar que o mel é rico em calorias e açúcar e, portanto, deve ser consumido com moderação.

Planos de Saude para MEI

Como tomar vinagre de maçã e mel

Você só precisa ter os seguintes ingredientes:

  • 7 gramas de mel
  • 1 colher de chá de vinagre de maçã
  • 250 ml de água mineral

Preparo

  • Aqueça uma xícara de água para mantê-la aquecida;
  • Agora adicione os ingredientes;
  • Mexa bem com uma colher até que estejam bem diluídos.

Só não vale exagerar na dose. A nutricionista Marcela Neves recomenda duas vezes ao dia, antes do almoço e do jantar.

Especialmente para quem sofre com gastrite, refluxo ou úlcera, não é recomendável ingerir a mistura logo cedo, com o estômago vazio, porque ela pode aumentar ainda mais a acidez. O correto é consultar um médico antes de iniciar o consumo.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.
Categoria: Saúde