Pedófilo Petista planejava sequestrar outra garota, diz delegado

De acordo com o delegado João Guilherme Medeiros, da 2ª Delegacia de Polícia do Distrito Federal, Daniel Moraes Bittar, preso em flagrante por sequestrar e estuprar uma menina de 12 anos, tinha outra garota como alvo.

As investigações mostram que o carro do pedófilo circundava a residência de uma menina de 14 anos. Várias pessoas viram ele passar pelo local. Na hora do crime, porém, ele desiste e ataca uma segunda garota que caminhava indo para a escola.

A investigação deixa muito nítido que o carro deles circunda a residência dessa [primeira] vítima desde segunda-feira. As pessoas viram o carro dele várias vezes. Ele coloca a mala de viagem na segunda. Há uma sinalização de que algo seria feito com essa outra vítima. Agora, o motivo dessa desistência momentânea, temos que clarear melhor – revela o delegado ao UOL.

A menina já foi identificada e ouvida. Ela não fazia ideia de que estava sendo perseguida pelo criminoso. Em nenhum momento a adolescente foi abordada por Daniel.

O delegado informa ainda que ambas as vítimas são moradoras de Luziânia, cidade de Goiás que fica na região do Entorno de Brasília.

Bittar foi preso no dia 28 de junho, em seu apartamento na Asa Norte, em Brasília, por ter sequestrado, dopado e estuprado a menina de 12 anos. Ele foi levado para o presídio da Papuda onde aguardará pelo julgamento.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *