Presidente da Igreja Mórmon morre aos 90 anos nos EUA

A Igreja Mórmon está de luto. Nesta terça-feira (2), morreu Thomas S. Monson, que era o 16º presidente da igreja. De acordo com as agências de notícias, ele estava em casa no estado de Utah, nos Estados Unidos.

Monson, de 90 anos, assumiu o cargo em 2008. Antes, ele havia sido foi conselheiro de três presidentes da comunidade cristã antes de assumir o papel de líder principal da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, como é conhecida a religião oficialmente.

Em comunicado publicado em seu site, a igreja lamentou a morte de Thomas S. Monson.

– O presidente Monson tinha todas as características de um humilde servo do Senhor – resumiu.

Ele era uma das pessoas mais conhecidas entre os mórmons. Nasceu em Salt Lake City e se tornou o mais jovem apóstolo da igreja, aos 36 anos, em 1963.

Ao que tudo indica e seguindo protocolo da igreja, seu sucessor deverá ser Russell M. Nelson, que é o membro mais antigo do Quórum Governante dos Doze Apóstolos.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias afirma ter cerca de 15,8 milhões de membros por todo mundo. Ainda segundo eles, mais da metade está fora dos Estados Unidos, o país de origem da religião.

Sobre Jeferson Abreu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *