Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Concursos:Mais de 1.100 vagas abertas no Maranhão; salários de até R$ 5 mil

imagesEstabilidade financeira para o resto da vida! Esse é um bom motivo para quem procura concursos públicos. E o site Codó Notícias  traz uma novidade para os “concurseiros de plantão”: 1.163 vagas abertas no estado do Maranhão.
As oportunidades estão disponíveis em três cidades: Barreirinhas, Maracaçumé e Pindaré-Mirim. Os salários variam bastante, entre R$ 880, R$ 2 mil até R$ 5 mil, com cargos para todos os níveis de escolaridade. As inscrições também têm datas variadas e vão de abril até maio. Então, não perca tempo!
Barreirinhas
O concurso público anunciado pela Prefeitura de Barreirinhas oferece 395 vagas. A data para as inscrições vão até 10 de abril de 2016, no sitewww.fsadu.org.br. As taxas custam R$ 40, R$ 50 e R$ 70, e o pagamento deve ser efetuado via boleto bancário.
Dentro do total de vagas, há oportunidades para pessoas com deficiência. Os salários variam de R$ 880 a R$ 5 mil, pelo desempenho de atividades em jornadas semanais de até 40 horas.
Para classificar os candidatos haverá provas Objetiva, Dissertativa, Prática e de Títulos, cujo resultado final terá validade de dois anos, com possibilidade de prorrogação.
Há oportunidades para as funções descritas conforme os níveis educacionais a seguir:- Nível Fundamental: Auxiliar Operacional de Serviços Diversos (46); Coveiro (3); Merendeiro (20); Gari (6); Passador (1); e Motorista/ Categoria D (3).
Nível Médio: Professor de Educação Infantil (33); Agente de Trânsito Municipal (10); Agente de Endemias (23); Auxiliar Administrativo (60); Desenhista Técnico (1); Fiscal de Atividades Turísticas (5); Fiscal de Meio Ambiente (3); Fiscal de Tributos (3); Fiscal de Vigilância Sanitária (3); Guarda Municipal (10); Locutor (1); Auxiliar de Biblioteca (1);
Digitador (1); Fotógrafo (1); Técnico Agrícola (1); Técnico em Informática (1); Técnico em Piscicultura (1); Técnico em Radiologia (1); e Técnico em Enfermagem (10).
Nível Superior: Engenheiro Civil (1); Fonoaudiólogo (1); Orientador Educacional (1); Psicólogo (1); Psicopedagogo (1); Supervisor Escolar (1); Terapeuta Ocupacional (1); Advogado (1); Assistente Social (6); Bioquímico (1); Contador (1); Enfermeiro (7); Engenheiro Agrônomo (3); Farmacêutico (1); Fisioterapeuta (2); Médico Clínico Geral – PSF (1); Nutricionista (2); Odontólogo (1); Professor de Educação Especial (5); Professor do Ensino Fundamental de 1º ao 5º Ano (41); Professor do Ensino Fundamental de 6º ao 9º Ano nas disciplinas de Ciências (10); Educação Física (10); Filosofia (2); Geografia (7); História (10); Inglês (8); Matemática (9); e Português (12).
Maracaçumé
A Prefeitura de Maracaçumé, Maranhão, abre inscrições, até 5 de maio, para 246 vagas, disponíveis para todos os níveis. As inscrições devem ser feitas no site da organizadorawww.institutomachadodeassis.com.br. As taxas de inscrição é de R$ 45 a R$ 90.
Os inscritos serão submetidos à avaliações objetivas, avaliação de títulos e teste de aptidão física. As avaliações estão previstas para o dia 16 de outubro de 2016.
Este concurso terá validade de um ano, a contar da data de publicação de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período.
Existem 246 oportunidades para os seguintes cargos e níveis de escolaridades:- Nível Fundamental: Agente Ambiental (5), Auxiliar Administrativo (17), Almoxarife (2), Agente de Vigilância Sanitária (2), Agente Comunitário de Saúde (7), Agente de Endemias (3), Motorista Categoria (7), Mecânico (2), Operador de Máquinas Leves e Pesadas (4), Auxiliar de Serviços Gerais (47), Eletricista (2), Vigia (23), Gari (7), Coveiro (1) e Fiscal de Limpeza Urbana (2);
Nível Médio: Técnico de enfermagem (4), Técnico em Higiene Bucal (4), Técnico em Informática (2), Técnico de Laboratório e Análises Clínicas (2), Digitador (3), Fiscal de Tributos (2), Fiscal de Obras e Posturas (1), Guarda Municipal (1), Vacinador (5) e Encanador (2);
Nível Superior: Enfermeiro/PSF (5), Psicólogo (1), Assistente Social (1),Farmacêutico (1), Dentista (1), Assessor de Comunicação (1), Especialista em Financiamento e Execução de Programas e Projetos Educacionais (2), Pedagogo (2), Professores nas áreas de Educação Infantil (14), Educação Fundamental 1º ao 5º ano (22), Língua Portuguesa (2), Matemática (3), Língua Estrangeira Moderna Inglês (3), História (3), Geografia (3), Ciências (1), Educação Física (5), Ensino Religioso (2), Ensino em Filosofia (3) e Educação Especial (3).
Pindaré-Mirim
A Prefeitura Municipal de Pindaré-Mirim – MA, está com inscrições abertas para novos Concursos Públicos. Os salários variam de R$ 880 a R$ 2 mil, pelo desempenho de atividades em jornadas semanais de até 40 horas. As inscrições devem ser realizadas no sitewww.fsadu.org.br, até 18 de abril de 2016, mediante pagamento da taxa de inscrição, via boleto bancário. Para classificar os candidatos haverá Prova Objetiva, de Títulos, Teste de Aptidão Física – TAF, Exame Médico Específico e Curso de Formação. Os resultados finais são válidos por dois anos e podem ser prorrogados, a critério da Administração Municipal. Dentro do total, há vagas para pessoas com deficiência.
Por meio do edital nº 01/2016 há 512 vagas distribuídas de acordo com os seguintes níveis de ensino:- Nível Fundamental: Ajudante de Pedreiro (2); Auxiliar de Almoxarifado (2); Auxiliar de Serviços Gerais (72); Coveiro (3); Fiscal de Feiras e Mercado (3); Gari (30); Lavadeira (4); Pedreiro (2); Soldador (2); e Vigia (72).
Nível Médio: Educação Infantil e Séries/Anos Iniciais do Ensino Fundamental (150); Agente Administrativo (10); Agente de Trânsito (10); Eletricista Predial (2); Instrumentador Cirúrgico (2); Técnico Agrícola (3); Técnico em Edificações (1); Técnico em Enfermagem – PSF (4); Técnico em Enfermagem Hospitalar (17); Técnico em Raio X (2); e Técnico em Segurança do Trabalho (2); Tratorista (2).
Nível Superior: Analista Legislativo (1); Assistente Social (3); Educador Físico (1); Enfermeiro Obstétrico (2); Enfermeiro Plantonista (4); Engenheiro Civil (1); Engenheiro Florestal (1); Fisioterapeuta (2); Supervisor (60); Terapeuta Ocupacional (2); Professor Nível II nas disciplinas de Artes (3); Ciências (3); Educação Física (5); Ensino Religioso (3); Geografia (3); História (3); Inglês (5); Língua Portuguesa (7); e Matemática (6).
No edital nº 02/2016, há 10 vagas para o cargo de Guarda Municipal, e para participar é necessário ter nível Médio Completo.
 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Governo joga asfalto sobre lama em estrada de Lago da Pedra

c0bdf907d34533da85f7bfefddf7fbceA visita do governador Flávio Dino (PCdoB) a Lago da Pedra, que ocorrerá neste sábado (9), para a inauguração de um Restaurante Popular, provocou um grave exemplo de desperdício de dinheiro público.
A unidade a ser inaugurada fica no bairro Corrutela. Bem em frente passa a MA-245, que está intrafegável e nunca foi pavimentada, mesmo com todos os apelos da prefeita Maura Jorge (PTN) e dos comerciantes locais (veja mais da situação).133c28869ff9dbfb078116f00700283d
Ocorre que hoje (8), por conta da agenda do chefe do Executivo no município, a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) determinou o asfaltamento de alguns metros da via.
Mas havia chovido na região, transformando o trecho num lamaçal. O que, pasmem, não impediu o asfaltamento “nas coxas”.
Para indignação dos lagopedrenses…
Fonte : Gilberto Leda

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Parceria SENAR-Prefeitura inicia assistência técnica e capacitação para crédito rural orientado em Codó

IMG_20160408_151953Na manhã desta sexta-feira (8) aconteceu no auditório da Escola Modelo Remy Archer, em Codó, o encontro de produtores e técnicos ligados ao setor agropecuário para as capacitações do projeto ABC Cerrado e orientações para crédito rural orientado. O evento foi promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e prefeitura Municipal de Codó.
Os cursos são gratuitos e o participante poderá escolher uma das quatro tecnologias sustentáveis de produção para ser capacitado: recuperação de pastagens degradadas, integração lavoura-pecuária-floresta, sistema plantio direto e florestas plantadas. Em Codó, o foco das palestras foi direcionado para o setor pecuário. De acordo Com o secretário Municipal de Agricultura, Cordeiro Oliveira, há 30 anos o município de Codó não tinha essa oportunidade.
“Essa é uma capacitação técnica para os nossos produtores, criadores de gado de corte em especial, a partir de 50 hectares e que já tenham uma pequena criação. Vamos falar sobre a elaboração de projetos para a cadeia produtiva, disponibilizando técnicos para acompanhar esses produtores em melhorias técnicas como inseminação artificial, elaboração de projetos de crédito em longo prazo, ocupação de pastagem, melhoria de alimentação do gado, tratamento sanitário do rebanho. Nossos criadores não tinham uma oportunidade como esta há trinta anos”.
Projeto ABC Cerrado
Ação conjunta do SENAR, do Ministério da Agricultura e da Embrapa, o Projeto ABC Cerrado difunde e incentiva a adoção de práticas sustentáveis para a redução das emissões de gases de efeito estufa e sensibiliza o produtor para que ele invista na sua propriedade para impulsionar produtividade e renda, mantendo o meio ambiente preservado. O SENAR é responsável pela formação profissional dos produtores nas tecnologias e pela assistência técnica e gerencial de propriedades rurais, com recursos do Programa de Investimentos em Florestas (FIP, sigla em inglês) – administrados pelo Banco Mundial, que doou US$ 10,6 milhões para a execução do projeto.
Para o palestrante Figueiredo, superintendente do SENAR, a capacitação é a porta de entrada dos produtores rurais no Projeto. “O ABC Cerrado fornece ainda de forma gratuita ao produtor, assistência técnica e gerencial. Nós estamos aqui para mais uma atividade do sistema FAEMA/SENAR criar um ambiente favorável para as ações de assistência técnica que serão desenvolvidas. Vamos disponibilizar ao produtor a oportunidade de realizar pleitos de crédito orientado, onde o SENAR faz o projeto e presta a assistência técnica ao produtor, pra isso estamos fechando parceria com Banco do Brasil, BN, BASA e Caixa Econômica Federal, para que o produtor possa para que ele possa fazer com desenvoltura os níveis de produtividade e o gerenciamento da propriedade como um todo”.
Ascom – PMC

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Estagiária morre enquanto fazia reportagem sobre acidente em São Paulo

20160407192728869445uA estudante de jornalismo Laura Karan Jacob, de 20 anos, morreu atropelada na manhã desta quinta-feira (7/4) enquanto fazia uma reportagem sobre um acidente, na BR-153 em São José do Rio Preto (SP). Laura estagiava em um jornal da cidade e tirava fotos do acidente quando foi surpreendida por um caminhão que passava pela rodovia.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o motorista do caminhão andava em baixa velocidade, mas, mesmo assim, não conseguiu frear nem desviar da estudante. O jornal em que Laura trabalha, Diário da Região, afirmou que a moça se distraiu enquanto tirava fotos do acidente.
Laura cursava o último ano da faculdade de Jornalismo na Unip. O professor e também funcionário do jornal, Allan Abreu, disse que Laura era muito dedicada à profissão. “Estamos todos muito chocados”, lamenta. A morte da jovem ocorre no dia em que se comemora o dia do jornalista.
A batida ocorreu por volta das 4h, quando dois caminhões colidiram frontalmente no quilômetro 16 da rodovia. De acordo com a polícia, um caminhão trabalhava para a prefeitura e outro estava carregado de leite. Os dois motoristas ficaram presos nas ferragens e, depois de serem socorridos pelo Corpo de Bombeiros, foram levados ao hospital com ferimentos graves.
Fonte: Correio Braziliense

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Governo já trabalha com novo rombo nas contas públicas também em 2017

dinheiro-realDiante da impossibilidade de garantir a volta do superávit primário das contas públicas em 2017, o governo pode indicar já na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) a realização de um novo déficit na contas do setor público no ano que vem. Isso porque já deve incluir na lei a combinação de uma meta fiscal com o limite de gasto – o que, na prática, permite abater despesas da meta, como foi feito nos últimos anos.
O projeto de lei tem de ser encaminhado ao Congresso Nacional até o dia 15 de abril, dia em que está previsto o início da votação do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara. O governo vive o dilema de ter de explicitar esse novo déficit primário, que poderá ser o quarto consecutivo, exatamente nesse momento.
Segundo apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, uma das possibilidades em discussão na equipe econômica é definir uma regra de abatimento da meta que possa acomodar um resultado negativo, mas ao mesmo tempo fixar um porcentual de gastos em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), em valores nominais. Também seriam definidos gatilhos com medidas que podem ser acionadas para corrigir os desvios em relação ao teto do gasto.

A ideia é incluir essas regras na LDO de 2017 mesmo que o projeto de reforma fiscal, enviado ao Congresso no mês passado e que estabelece uma regra de limite para o crescimento das despesas, não tenha sido aprovado.
A reforma fiscal foi incluída no mesmo Projeto de Lei Complementar (PLC) que contém medidas de socorro aos Estados e corre o risco de ser desmembrada pelos parlamentares. Dessa forma, a parte do projeto com medidas para conter os gastos ficaria para ser votada somente depois do alívio fiscal aos governadores.
O assunto ainda está em discussão na Junta Orçamentária – que reúne os ministros Nelson Barbosa (Fazenda), Casa Civil (Jaques Wagner) e Planejamento (Valdir Simão). Segundo um integrante da equipe econômica, o ministro Barbosa quer sinalizar como ele pensa em relação à nova regra, mesmo que ela seja cortada do PLC.

ntegrantes da equipe econômica também intensificaram, nos últimos dias, as negociações para evitar o desmembramento do projeto com a flexibilização das exigências para os Estados terem o alívio financeiro. Mas as chance de a proposta ser mantida integralmente como foi enviada é muito pequena.
No projeto de revisão da meta de 2016, enviado há duas semanas e que alterou o objetivo fiscal de superávit de 0,5% para um déficit de até 1,55% do PIB, o governo fez as contas da trajetória da dívida pública com uma meta de superávit de 1,3% do PIB em 2017. Esse resultado, no entanto, não será possível de ser alcançado com a perspectiva de um novo déficit por causa da queda da arrecadação, que continua acentuada. Por isso, a LDO vai incluir novas previsões para as dívidas líquida e bruta.

Fonte: Correio Braziliense

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Janot recomenda ao STF anular nomeação de Lula para Casa Civil

janotO procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recomendou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a anulação da nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a Casa Civil. Em parecer, o procurador disse ver elementos de “desvio de finalidade” da presidente Dilma Rousseff na escolha do petista para assumir o ministério, que teria a intenção de tumultuar as investigações da Operação Lava Jato.

No último dia 28 de março, Janot havia se manifestado a favor da nomeação de Lula, mas pela manutenção das investigações com o juiz Sérgio Moro. No novo parecer, contudo, ele diz que mudou sua posição a partir do exame de “elementos mais amplos” nas investigações.
O documento foi enviado ao STF para instruir duas ações sob relatoria do ministro Gilmar Mendes, que, no último dia 18 de março, suspendeu a nomeação de Lula. Com o parecer da PGR, o ministro poderá agora levar o caso para uma decisão definitiva do plenário da Corte, formado por 11 ministros. Logo após o envio do parecer, Mendes liberou seu voto para inclusão na pauta do plenário, decisão que caberá agora ao presidente da Corte, Ricardo Lewandowski.

Segundo a assessoria do STF, a previsão é que o julgamento ocorra no próximo dia 20 de abril, para cumprir prazos processuais.

No parecer, Janot considerou haver “atuação fortemente inusual” da Presidência da República na nomeação. “O momento da nomeação, a inesperada antecipação da posse e a circunstância muito incomum de remessa de um termo de posse não havida à sua residência reforçam a percepção de desvio de finalidade”, escreveu.

O procurador faz referência à gravação autorizada e divulgada pelo juiz Sérgio Moro de uma conversa entre Lula e Dilma na véspera da posse. No diálogo, a presidente diz que enviaria a Lula um “termo de posse”, para ser usado só “em caso de necessidade”. Investigadores suspeitam que o documento foi enviado às pressas, junto com a nomeação em edição extra do “Diário Oficial da União”, para evitar uma eventual prisão do ex-presidente pelo juiz Sérgio Moro, o que poderia configurar crime de obstrução da Justiça.

Para Janot, apesar de aparentar legalidade, o ato poderia revelar desvio de finalidade, que é quando uma autoridade toma decisão sob sua competência, mas buscando propósito diverso do previsto em lei.

“O decreto de nomeação, sob ótica apenas formal, não contém vício. Reveste-se de aparência de legalidade. Há, contudo, que se verificar se o ato administrativo foi praticado com desvio de finalidade – já que esse é o fundamento central das impetrações –, e ato maculado por desvio de poder quase sempre ostenta aparência de legalidade, pois o desvio opera por dissimulação das reais intenções do agente que o pratica”, diz trecho do parecer.

Ao longo da peça, Janot aponta vários indícios, especialmente diálogos captados nas interceptações, de que a nomeação de Lula visava tirá-lo da alçada de Moro. O ato poderia causar atrasos nas investigações, pela remessa do caso ao STF.
Para o procurador, as conversas mostraram que medidas como o pedido de prisão do ex-presidente e sua condução coercitiva “provocaram forte apreensão no núcleo
do Poder Executivo federal e geraram variadas iniciativas com a finalidade de prejudicá-las”.

“A nomeação e a posse do ex-Presidente foram mais uma dessas iniciativas, praticadas com a intenção, sem prejuízo de outras potencialmente legítimas, de afetar a competência do juízo de primeiro grau e tumultuar o andamento das investigações criminais no caso Lava Jato”, diz o documento.
Validade das gravações
Em outro ponto do parecer, Janot também opina em favor do uso das gravações envolvendo Lula e Dilma, que se tornaram foco de controvérsia no meio jurídico. Para parte dos juristas, Moro não poderia ter permanecido com as gravações a partir do momento em que aparecem autoridades com o chamado “foro privilegiado”.

“Até onde se sabe, essas interceptações foram validamente decretadas pela 13ª Vara da SJPR e, nessa qualidade, puderam ser usadas validamente em processos nos quais tenham relevância jurídica, como é o caso deste. Uma vez facultada ampla defesa dos interessados em torno desses elementos de convicção, não haveria vedação a que sejam  consideradas”, escreve Janot.
O G1 entrou em contato com o Instituto Lula e, até a última atualização desta reportagem, aguardava resposta.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

O sucateamento da Segurança Pública

sousanetoA ação violenta e criminosa em Santa Luzia do Tide que culminou com a explosão da agência do Banco do Brasil, foi alvo de duras críticas de parlamentares na Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (07).
Os deputados Sousa Neto (PROS) e Edilázio Júnior (PV) novamente criticaram o sucateamento da Segurança Pública do Maranhão no Governo Flávio Dino.
Sousa Neto afirmou que a viatura da PM de Santa Luzia sequer tinha combustível para realizar uma eventual perseguição aos criminosos.
“O assalto foi ontem pelo fato de hoje ser dia de pagamento. O curioso é que a única viatura da PM estava sendo abastecida na cidade de Pindaré e só foi abastecida graças a uma doação de combustível pela apreensão de uma quadrilha de roubo de combustível, feita pela Vale do Rio Doce. Como se pode cobrar um policial militar dessa forma? Não se tem a mínima condição de combater a criminalidade, mas no governo midiático do Flávio Dino está tudo bem”, afirmou.
O parlamentar afirmou ainda que, pela desmotivação dos militares, está existindo uma operação tartaruga em todo o Maranhão.
“Os policiais militares estão desmotivados e se sentindo enganados por um governador que prometeu a mudança e até agora a mudança que chegou foi para pior. O que está acontecendo é uma operação tartaruga em todo o Maranhão. Para quem não sabe é uma greve silenciosa da polícia por falta de condições de trabalho”, finalizou.EDILAZIO
Quaresma– Já o deputado Edilázio Júnior satirizou o ofício encaminhado pelo Banco do Brasil ao Governo Flávio Dino pelo combate aos assaltos a bancos no Maranhão.
“O superintendente do Banco do Brasil deveria ter mandado esse ofício era para os bandidos. ‘Senhores bandidos, quero agradecer pelo fato de vocês terem ficado em casa no período da Quaresma e não terem feito assaltos’, pois no dia que querem fazem e fazem como querem, como aconteceu em Santa Luzia do Tide, já que sabem que a Secretaria de Segurança está falida”, declarou Edilázio.
E assim segue a Segurança Pública do Maranhão, maravilhosamente no mundo virtual e sucateada na vida real.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Ex-presidente da Andrade Gutierrez diz, em delação, que Edison Lobão recebeu propina da empreiteira

edisonlobao-258848A delação premiada dos executivos da Andrade Gutierrez aponta pagamento de cerca de R$ 150 milhões em propina na obra da Usina Hidrelétrica de Belo Monte. O valor é referente a um acerto de 1% sobre contratos e teria como destino o PT e o PMDB e agentes públicos ligados às legendas.
É a primeira vez que o esquema revelado pela Lava Jato, de financiamento de partidos por meio de contratos convertidos em doações legais, chega à campanha de 2014. Em 2014, a empreiteira registrou doações de R$ 20 milhões para a reeleição da petista. A propina estaria ligada a obras das usinas de Angra 3 e Belo Monte, além do Complexo Petroquímico do Rio, o Comperj.
Executivos da Andrade Gutierrez declararam, em delação premiada, que a segunda maior empreiteira do país pagou propina pra conseguir obras da Petrobras e do sistema elétrico. E que esse dinheiro chegou à campanha da presidente Dilma Rousseff, na forma de doações legais.
O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, já homologou as delações dos 11 executivos da construtora Andrade Gutierrez. Mas o ministro não divulgou os depoimentos. Em troca de redução de pena, dirigentes e ex-dirigentes da empreiteira revelaram um esquema de corrupção envolvendo contratos públicos, partidos, políticos e campanhas eleitorais. A informação está na delação do ex-presidente da Andrade Gutierrez Otávio de Azevedo, que apresentou os números em uma planilha à Procuradoria-Geral da República.
A Andrade Gutierrez teve papel central na formação dos consórcios que atuaram nas obras de Belo Monte. Além da empreiteira, a Camargo Corrêa, Odebrecht, OAS e Queiroz Galvão também participaram das obras. Ao todo, 10 empresas faziam parte dessa sociedade para execução dos serviços de construção da unidade. Cada empreiteira ficou responsável pelo pagamento de um porcentual relativo à fatia de obras controlada por ela.
O leilão para construção e operação de Belo Monte foi realizado em abril de 2010 e as obras, fechadas no ano seguinte. Dois consórcios disputaram o leilão da usina: o vencedor Norte Energia, formado por Chesf, Queiroz Galvão, OAS, Mendes Jr, entre outras; e o derrotado Belo Monte Energia, que tinha como sócias as estatais Furnas e Eletrosul e a empreiteira Andrade Gutierrez.
Os executivos disseram, também, que o governo atuou diretamente, por meio do então ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, do PMDB do Maranhão, no leilão de Belo Monte. Segundo a delação, o ministro se reuniu com as empresas para fazer um acerto sobre a concorrência, e deu orientações sobre a disputa para que fosse passada à opinião pública a ideia de que haveria uma concorrência de verdade na obra
Segundo a delação, o ministro se reuniu com as empresas para fazer um acerto sobre a concorrência e deu orientações sobre a disputa para que fosse passada à opinião pública a ideia de que haveria uma concorrência de verdade na obra.
Otávio Marques de Azevedo disse ainda que foi orientado por Lobão a reunir outras empreiteiras, Odebrecht e Galvão Engenharia, que deveriam dar, juntas, 1% do valor total da obra para o PT e para o PMDB, cerca de R$ 150 milhões, ou seja, R$ 75 milhões para cada partido. Segundo a delação, o interlocutor para tratar desse assunto no PT era o ex-tesoureiro João Vaccari Neto, que está preso, e, no PMDB, o ex-ministro Lobão.
De acordo com a delação dos executivos, Lobão pediu e recebeu R$ 600 mil em dinheiro vivo em 2011. Os recursos teriam sido entregues para um de seus filhos e abatidos na parcela destinada ao PMDB.
A defesa do ex-ministro Edison Lobão disse que seu cliente e o filho dele negam o recebimento de qualquer quantia e que está ocorrendo uma tentativa de criminalizar a política.

Edição do dia 07/04/2016

07/04/2016 21h06 – Atualizado em 07/04/2016 21h17

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Aniversariante do dia Debora Abreu

10931306_801246459969957_8882796688192951727_nEu tenho muitos motivos para ser feliz, mas um dos maiores é porque tenho uma sobrinha maravilhosa que é você meu amor. Quando amamos alguém queremos ver esse alguém muito bem, alegre, feliz. Quero ter a certeza de que é assim que têm sido os seus dias inclusive o de hoje o aniversário da minha sobrinha querida. Peço ao Papai do céu pra lhe dar muita saúde, esperança e felicidade. Para que a medida que foi crescendo consiga uma vida tranquila, tranquila de paz e harmonia, com a certeza do meu amor eterno receba minha querida sobrinha os meus parabéns pelo seu aniversário em um dia muito feliz. Muitas felicidades. Seja feliz sempre!
São os votos de toda a sua familia

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Sampaio Corrêa estreia na Copa do Brasil com placar de 2 a 1 em cima do Inter de Lages (SC)

img_20160217_wa0044_1-258102O Sampaio Corrêa entrou em campo na noite desta quarta-feira (6) para o primeiro jogo pela 1ª rodada da Copa do Brasil 2016. A estreia do tricolor foi contra o Inter de Lages (SC), no estádio Vidal Ramos, em Lages (SC). Com gols de Guilherme Santos e Daniel Barros, o Sampaio estreou na Copa do Brasil com placar de 2 a 1 em cima do Inter de Lages. Os dois times terão novo confronto pela partida de volta na quarta-feira (20), às, 19h30, no estádio Castelão, em São Luís.
O Inter de Lages, participando da primeira vez do formato atual da Copa do Brasil, veio para a competição nacional com força total. A marcação do time catarinense estava cerrada em cima do Sampaio. Em cobrança de falta, Mateus faz levantamento para Gustavo, que lança para o gol, mas Rafael faz bela defesa e evitar o primeiro gol da partida. Aos 18 minutos do 1º tempo, um susto. Petterson marca para o Inter de Lages de cabeça. Entretanto, equipe de arbitragem decide que o jogador estava em posição irregular e anula o gol.
Apesar da forte marcação do Inter de Lages, o tricolor não bobeou. Aos 29 minutos, Pimentinha, ao tentar jogada individual, é derrubado por Carlos Henrique, marcando falta perigosa a favor do Sampaio. O primeiro tempo terminou em 0 x 0.
No início do segundo tempo, o tricolor abriu o placar. Carlos Alberto, Damasceno e Guilherme Santos trocam passar. Guilherme recebe a bola pela esquerda e faz a rede do Inter de Lages balançar.
Aos 28 minutos do 2º tempo, a defesa do Inter de Lages abriu espaço, Daniel Barros aproveitou a folga, se aproximou e, de fora da área, marcou o segundo gol da partida para o Sampaio.
O Inter de Lages buscou diminuir a diferença. Após substituição de Gustavo pelo ataque Romarinho, o time catarinense fez o primeiro gol na partida contra o Sampaio. Romarinho, aos 41 minutos do 2º tempo, aproveitou abertura na defesa do tricolor, disparou e chutou para o canto direito do gol do Sampaio.
O placar final terminou em 2 a 1 para o Sampaio. A partida de volta pela primeira fase da Copa do Brasil está marcada para ocorrer no estádio Castelão, em São Luís, na quarta-feira (20). O tricolor joga pelo empate e pode perder com placar até de 1 a 0.
Ficha Técnica:
INTER DE LAGES
Neto Volpi; Weriton, Cristian, Petterson, Carlos; Parrudo, Revson, Michel Schmöller, Mateus Arence; Gustavo e Isac. Técnico: Waguinho Dias
SAMPAIO CORRÊA
Rafael; Léo Rodrigues, Mimica, Luíz Otávio, Guilherme Santos; Diego Lorensi, Daniel Barros, Cleitinho; Damasceno, Pimentinha e Carlos Albert. Técnico: Petkovic
 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.