Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Rede Universidade do Professor oferta formação inicial a professores da rede pública da Educação Básica

P-curso-formacao-profO Ministério da Educação (MEC), visando a valorização dos professores e o cumprimento da Meta 15 do Plano Nacional de Educação (PNE) para o alcance de uma Educação de qualidade, lançou em 28 de março de 2016, a Rede Universidade do Professor.

A Rede Universidade do Professor é um programa que tem por objetivo sistematizar a oferta de formação inicial e continuada dos professores da rede pública da Educação Básica. Neste primeiro momento, a oferta destinar-se-á à formação inicial dos professores efetivos dos anos finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, que ainda não possuem formação nas disciplinas que lecionam. Para tanto, esses professores poderão realizar sua inscrição nos cursos de licenciatura nas áreas de:Matemática, Química, Física, Biologia, Letras-Português, Ciências, História e Geografia.

A inscrição pode ser feita por:

  • Professores sem nível superior, em busca da primeira licenciatura.
  • Professores licenciados, mas que atuam fora da área de formação, em busca da segunda licenciatura.
  • Professores graduados não licenciados, em busca da formação pedagógica.

As vagas da Universidade do Professor serão disponibilizadas já a partir do 2º semestre de 2016, com a oferta de 105 mil vagas em cursos de 1ª licenciatura, na modalidade a distância, no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB); e, na modalidade presencial regular, em vagas remanescentes das instituições federais de ensino superior.

A partir de 5 de abril, o professor efetivo da rede pública da Educação Básica poderá realizar sua pré-inscrição na Plataforma Freire, no curso adequado à sua formação, optando pela modalidade que deseja cursar. Sua pré-inscrição é importante para o planejamento da oferta de cursos e vagas.

Para 2017, serão ofertadas vagas em cursos de primeira e segunda licenciaturas e de complementação pedagógica do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), presenciais, e do sistema UAB, a distância.
As inscrições devem ser feitas na Plataforma Freire, no curso adequado à formação do candidato.

Em Codó, os dias de atendimento para inscrições serão de 25 de abril a 05 de maio das 8h as 12h e das 14h as 18, no laboratório do prédio do CETECMA

Ascom – PMC

TV Palmeira do Norte comemora o sucesso de audiência na estreia do programa Codó Livre

IMG-20160419-WA0019 - CópiaNo último fim de semana, sábado (16), a TV Palmeira do Norte estreou mais um produto de sua grade de programação local. O programa Codó Livre foi ao ar levando em sua bancada o apresentador e mediador Andreh Araújo, o vereador Leonel Filho e o Prefeito de Codó, Zito Rolim, como convidado especial. A direção da TV escolheu o prefeito para participar do programa de lançamento em virtude da temática: o aniversário de emancipação política do município e a história de seus gestores ao longo dos anos.

O programa, que sempre contará com um convidado especial para entrevistas e participação nos debates, foi dividido em três blocos. O conteúdo foi uma homenagem a Codó e aos prefeitos que ajudaram a construir sua história. “Fizemos uma grande homenagem à cidade, um programa festivo e positivo e enaltecer a história desses 120 anos. O prefeito fez uma retrospectiva dos gestores que passaram por Codó, como Reinaldo Zaidan, José Anselmo, e os mais recentes como Zé Inácio, Biné Figueiredo, Ricardo Archer e também um balanço de seus próprios oito anos a frente de nosso município”.

O Codó livre também prestou uma singela homenagem ao ex-Prefeito e Deputado Federal, Dr. Antônio Joaquim. “Achei mais do que justa fazer uma homenagem a meu pai. Uma pessoa que contribuiu para a história de nossa cidade e seu crescimento, tanto como médico, quanto prefeito e deputado federal. Ele é uma pessoa querida de nossa população pela sua contribuição a nossa cidade e seu jeito amigo com todos”.IMG-20160419-WA0018

O primeiro convidado

O programa de estreia falou sobre história, seus personagens e também sobre política. Foram pontuadas algumas obras e feitos importantes da gestão do atual prefeito, como o programa Minha Casa Minha Vida, grande obras de infraestrutura, como o programa Codó Trafegável e a ponte sobre o Rio Codozinho, investimentos na educação e saúde. No entanto, mesmo sem estar na pauta do programa, Andreh Araújo tocou no assunto do acidente automobilístico do prefeito Zito em uma ponte de estrada vicinal na zona rural. O gestor explicou que as obras já estavam em andamento, tanto naquela ponte, quanto em outras, e que se esquecera que os trabalhos já tinham iniciado. A vinda de uma faculdade particular para Codó e a regionalização do SAMU também foram assuntos abordados pela mesa.

Zito Também ponderou com a mesa que, apesar de tudo que foi realizado nos últimos oito anos, muito ainda precisa ser feito, pois Codó cresce, sua população também, e as demandas do município não param. A direção da TV teria programado a participação do prefeito em apenas um bloco de programa, mas Zito Rolim se envolveu tanto com a temática abordada no Codó Livre que acabou participando de dois blocos, tendo apenas que se ausentar no terceiro, em função da entrega de comendas na sede da prefeitura.

Sucesso nas ruas

De acordo com o diretor Andreh Araújo e o vereador Leonel Filho, a resposta popular a estreia do programa foi imediata e muito positiva. “Recebemos muitos elogios e incentivos nas redes sociais, pelo telefone e nas ruas. Ficamos surpresos com a grande audiência e aceitação popular. Essa reação positiva das pessoas demostrou, além da grande audiência do Codó Livre e sua aceitação logo na estreia, a atenção que tivemos da população. As pessoas nos davam parabéns e nos incentivavam a continuar, levar convidados, e abordar temas interessantes e polêmicos”, disse Andreh.

Direção da TV agradece audiência

O Diretor da TV Palmeira do Norte, Andreh Araújo, agradeceu a toda a equipe de profissionais da Band envolvida em mais uma estreia da programação local e a volumosa resposta dos telespectadores codoenses a estreia do Codó Livre.

Estou muito feliz. Primeiro por estar lançando com muito sucesso mais um produto de nossa programação local, um programa de entrevistas que as pessoas ansiavam para Codó. Também me sinto realizado por colocar em prática tudo que aprendi na Escola de Interpretação do diretor Wolf Maia, uma das instituições mais respeitadas do país, onde pude estudar tudo sobre interpretação, artes cênicas e apresentação de TV, que fazia parte do conteúdo do curso. Isso me levou a fazer novelas, musicais e agora posso atuar apresentando um programa de entrevistas em minha TV. Devo tudo isso a mais pais, e quero agradecer a educação dada por eles e as oportunidades que tive, tanto fora do país, quanto no Brasil, e assim me preparar para as oportunidades que chegam. A informação e o conhecimento dignificam o homem e isso é um bem que ninguém pode tirar. Obrigado a todos”.

“Apoio: Combos NET

Vereador Gracinaldo destaca entrega de títulos e repudia demissão dos funcionários da Ciretran

irmao6Em sua participação na sessão desta semana, o vereador Gracinaldo iniciou suas palavras destacando as festividades e inaugurações alusivas aos 120 anos de emancipação política do município de Codó e também a entrega de comendas de mérito e títulos de Cidadão Codoense, concedidos pela Câmara Municipal de Codó. O edil também comentou e explicou a entrega do título ao Senador da República, Roberto Rocha, e a relevância de seus serviços prestados a toda comunidade.

As emendas do Senador Roberto Rocha, que já chegam ao valor de cinco milhões, serão muito importantes para a nossa população, e nós parlamentares reconhecemos a boa vontade, de um político que está em Brasília, mas que mantém sua preocupação e atenção com nosso município. Quantos outros tiveram tal atenção? Portanto gostaria de parabenizar esta casa pelos títulos concedidos”, disse. O vereador também destacou os títulos concedidos aos conselheiros tutelares, por suas serviços em prol das crianças e adolescentes, e aos demais homenageados durante as celebrações do aniversário de Codó.irmao2

Demissão na Ciretran

O parlamentar comentou a denúncia levada a Câmara Municipal sobre demissão de funcionários da Ciretran de Codó, onde dez seguranças foram dispensados por indicação do deputado Weverton Rocha (PDT). “O que me deixa mais triste com essa denúncia, é que dez filhos de Codó ficaram sem seus sustentos, enquanto que seis pessoas da cidade de Coroatá ocuparam os cargos desses codoenses. Nós temos que questionar esse fato e defender o povo. Existe um diretório do PDT em Codó. Cadê o responsável do PDT aqui que nem se pronunciou sobre esse fato?”, questionou.

Gracinaldo expressou que a câmara deveria adotar uma posição de repúdio em relação ao fato e lutar por oportunidade de emprego para população codoense. “Precisamos acabar com esse desmando dentro do nosso município e trabalhar para empregar o povo da nossa cidade. se os cargos estão vindo pra cá, é para beneficiar mais pais de família. Não podemos admitir que um comandante do PDT, deputado federal venha tirar empregos de cidadãos codoenses. Deixo registrado meu repúdio a essa situação”.

O vereador encerrou sua participação comentando sobre a votação na câmara federal do impeachment da presidente Dilma Roussef e seus desdobramentos. “Pelos fatos até aqui ocorridos e pela votação de domingo, a presidente não tem mais condições de governar o país. Se estivesse lá eu votaria sim. Digo isso porque nas eleições de 2014 os vereadores se manifestaram a expuseram suas opiniões. E hoje podemos constatar que a presidente ganhou as eleições encobrindo fatos da população brasileira. O país já não estava bem na época, e o fato e a verdade foram negados ao povo”, finalizou.

Ascom

Michel Temer esteve em Codó reunido com Bita do Barão antes do impeachment

michel-temer-e-bita-foto-montagem_681277O Jornalista Léo Dias do jornal ODIA do Rio de Janeiro descobriu que o vice-presidente do Brasil Michel Temer viajou até o Maranhão para se consultar com o pai de santo Bita do Barão semanas antes da votação do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Bita, cujo nome de batismo é Wilson Nonato de Souza, vive na cidade de Codó — a 292 quilômetros da capital do Maranhão, São Luís — e está mais do que acostumado a receber políticos em sua casa. Reza a lenda que o ex-presidente Fernando Collor de Mello já se consultou com o babalorixá. José Sarney é outro cliente ilustre. Na cidade, o comentário é que Sarney não dá um passo sem se consultar com o Mestre Bita, como ele prefere ser chamado.
A consulta para pessoas ‘normais’ custa entre R$ 300 e R$ 500. Político paga mais caro: acima de R$ 700. Fora o trabalho. A coluna entrou em contato com a Tenda Espírita de Mestre Bita, que não confirmou a ida de Temer ao local. O que já era de se esperar. Em entrevista a um blog do Maranhão, Mestre Bita já havia dito que não revelava os nomes de seus consulentes: “Não posso falar os nomes dos políticos, porque seria fora da ética”, disse ele, que tem entre 95 e 105 anos (ele não revela a idade).
Está escrito em Ap. 21:8..”Quanto, porém, aos covardes, aos incredulos, aos abomináveis, aos assasinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte.”
Fonte: O Dia
Deus proíbe a feitiçaria. A Bíblia diz em Deuterenômio 18:9-13 “Quando entrares na terra que o Senhor teu Deus te dá, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará no meio de ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador, nem quem consulte um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz estas coisas é abominável ao Senhor, e é por causa destas abominações que o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti. Perfeito serás para com o Senhor teu Deus.”
Aqueles que estão envolvidos na feitiçaria não entrarão no reino de Deus. A Bíblia diz em Gálatas 5:19-21 “Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos, as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus.”
Só Deus é que sabe o futuro e não os feiticeiros. A Bíblia diz em Isaías 8:19 “Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os feiticeiros, que chilreiam e murmuram, respondei: Acaso não consultará um povo a seu Deus? acaso a favor dos vivos consultará os mortos?”

Os 10 projetos de lei mais malvados de Jair Bolsonaro

Se você costuma se guiar por manchetes, já deve achar que o deputado federal Jair Bolsonaro é um demônio maligno que vai destruir o mundo. Muitos jornalistas, com alinhamento ideológico contrário ao que o deputado prega, prefere pincelar declarações do cara e fazer manchetes que mancham a imagem do cara (dando outra conotação pra manchete), exigindo uma divindade de deputados do outro campo do espectro político (quando jornalistas gostam do político, aliviam o lado dele).
A última foi que Bolsonaro resolveu dar uma zoada em uma deputada que já havia acusado ele de estupro, na qual ele falou um monte de bosta pra ela (claro, ao ser acusado de um crime hediondo e desumano do qual você é inocente, falar bosta é legítima defesa). o-JAIR-BOLSONARO-facebook
Mas fui pesquisar os projetos de lei do deputado tido como demônio pelos jornalistas, e achei coisas horrendas! Veja:
PL-7104/2014 e PL-7105/2014: Acresce inciso ao art. 23, do Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, para não caracterizar como crime atos de defesa no interior de domicílio contra pessoa não autorizada a entrar e Modifica as redações do parágrafo único do art. 23 e do art. 25, do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, para não caracterizar como crime atos de legítima defesa própria e de terceiros.
Como que alguém pode ser tão malvado a ponto de achar que as pessoas têm o direito de se defender?????
PL-7473/2014: Altera a redação do inciso XIV, do artigo 6º, da Lei nº 7.713, de 22 de novembro de 1998, que altera a legislação do imposto de renda e dá outras providências, para incluir os portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica – DPOC – enfisema pulmonar, no rol de isentos de tributação.
Ah não, Bolsonaro! Você é ridículo! Quem tem DPOC e enfisema pulmonar tem que pagar imposto sim!
PL-8176/2014: Acresce inciso ao § 2º do art. 121, do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, e altera o inciso I do art. 1º da Lei nº 8.072, de 25 de julho de 1990, tornando hediondos os crimes cometidos contra as vidas de servidores da segurança pública e seus familiares.
Tenho vergonha do Bolsonaro! Agravar a pena de quem mata policial e a família do policial não é justo!
PL-5398/2014: Aumenta a pena para os crimes de estupro e estupro de vulnerável, exige que o condenado por esses crimes conclua tratamento químico voluntário para inibição do desejo sexual como requisito para obtenção de livramento condicional e progressão de regime.
Não acredito que ele quer aumentar a pena pra estupro!!! Isso é ridículo! A pena pra estupro tem que ser maior!
PL-5490/2014: Inclui parágrafo no art. 59 do Decreto-lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal) para aplicação de pena no caso em que o crime cometido com concursos de pessoas tenha participação de menor.
O cara maior de idade ludibriou um menor pra cometer crimes com eles? Ridículo o Bolsonaro tentar aumentar a pena desses caras.
PL-367/2011: Suspende o direito de dirigir do infrator que atingir quarenta pontos na Carteira Nacional de Habilitação, durante o período de doze meses.
 Bolsonaro! Tem que deixar o cara dirigir meu, 40 pontinhos qq tem
PL-5481/2009: Altera o inciso XIV da Lei nº 7.713, de 22 de dezembro de 1988, com a redação dada pela Lei nº 11.052, de 29 de dezembro de 2004, para incluir entre os rendimentos isentos do imposto de renda os proventos percebidos pelos portadores de Lúpus Eritematoso Sistêmico.
De novo essa história!?
PL-106/2007: Inclui como crime hediondo o roubo de veículos automotores.
Ah, que horrível! Deixa os caras roubarem o carro que a pessoa trabalhou  pra comprar, não precisa aumentar a pena não.
PEC-5107/2007: Concede imunidade tributária à produção e comercialização de programas de computador.
Ah não, Bolsonaro! Agora você passou de TODOS os limites! Desumano achar que quem cria os programas de computador que EU USO não tem que pagar imposto! Tem sim!

Chega, quem quiser ver todas as atrocidades desse demônio é só ir no site da câmara. Absurdo!

Aniversariante do dia Irlane Abreu

IMG_20160420_064906Chegou o grande dia! Hoje, os anjos estão em festa para comemorar o seu aniversário. Neste dia, quero lhe desejar muita saúde, sucesso, conquistas e felicidades. Desejo que todos os seus sonhos se realizem e que você alcance tudo o que almeja.
Que neste dia, você tenha por perto apenas as pessoas que te amam e te querem bem. Que a alegria tome conta do seu ser e ilumine todos os seus dias, não apenas este. Torço muito pela sua felicidade, minha irmã! Feliz aniversário!

Marina sugere que Temer não terá legitimidade e defende novas eleiçõee

16110239A ex-senadora Marina Silva diz que a maioria dos brasileiros não quer vero vice-presidente Michel Temer na cadeira de Dilma Rousseff. À frente de uma campanha por novas eleições, ela sugere que o peemedebista não terá “legitimidade e credibilidade” para assumir o governo.

Marina também questiona o compromisso de Temer com o combate à corrupção. Ela lembra que o vice é aliado do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e não citou a Lava Jato no áudio em que já falava como novo presidente.

Leia a seguir os principais trechos da entrevista.

*

MICHEL TEMER
Marina disse que a eventual posse de Michel Temer não resolverá a crise política e econômica. “Minha posição é clara. Nem Dilma, nem Temer. A saída para o Brasil é uma nova eleição.” Ela descartou a hipótese de a Rede Sustentabilidade participar de um “governo de salvação nacional” liderado pelo vice.

Para a ex-senadora, os brasileiros não querem Temer na cadeira de Dilma. “Hoje 58% defendem que ele também seja alvo de um processo de impeachment. Apenas 1% dos eleitores se lembram dele para presidente”, afirmou, citando pesquisas do Datafolha.

“Para um governo ter legitimidade e credibilidade, é preciso que os partidos e os candidatos se reapresentem à sociedade. Os atalhos nem sempre nos levam para os melhores lugares. Às vezes, podem nos conduzir a abismos.”

Marina também atacou o discurso de Temer falando como se já estivesse na cadeira de presidente. “Ele deixou vazar um áudio que não tem uma única frase de apoio à Lava Jato. E hoje a corrupção é a maior preocupação das pessoas”, afirmou.

DILMA ROUSSEFF
Marina criticou a entrevista de Dilma Rousseff à imprensa estrangeira, nesta terça (19). “Fiquei muito preocupada com a tentativa de passar a ideia de que impeachment é golpe. Então o Supremo está participando de um golpe?”, disse. “Para ficar no cargo, ela diz lá fora que as instituições brasileiras não estão funcionando. Até que ponto vale o apego ao poder?”, perguntou.

DUPLA RENÚNCIA
Para a ex-senadora, a presidente e o vice deveriam ter renunciado a seus cargos antes da votação do impeachment. “Se Dilma e Temer tivessem noção do sofrimento a que a população está sendo submetida, eles teriam derrubado aquele muro [erguido na Esplanada dos Ministérios] com o gesto da renúncia.

“A renúncia não é um ato de fraqueza. É um ato de coragem. Os estadistas sabem que a nação está acima dos seus projetos de poder.”

NOVAS ELEIÇÕES
Derrotada nas últimas duas eleições presidenciais, Marina disse que insistirá na tese de antecipar a disputa de 2018. “Qual é a vantagem de uma nova eleição?”, perguntou a ex-senadora a si mesma. “Repactuar a sociedade para a transição em um momento difícil do país”, respondeu. Ela defende que o TSE casse a chapa Dilma-Temer caso fique comprovado o uso de dinheiro do petrolão na campanha.

A ex-senadora negou que a ideia tenha relação com seu favoritismo nas pesquisas. Ela tem 19% das intenções de voto e está tecnicamente empatada com o ex-presidente Lula, que tem 21%. “Quando comecei a defender a tese, não estava na liderança”, disse. Ela repetiu que ainda não sabe se será candidata pela terceira vez.

SESSÃO DO IMPEACHMENT
A ex-senadora criticou o nível dasessão que paralisou o país no último domingo (17). Ao votar, os deputados citaram razões particulares e aproveitaram para homenagear parentes e amigos, sem debater as razões do impeachment.

“A superficialidade foi um susto para boa parte da sociedade brasileira”, disse Marina. “Mas não foi muito diferente da sessão que cassou o presidente Collor, quando também não houve muito debate sobre o mérito do pedido de impeachment”, afirmou.
“Estamos vivendo um momento dramático da história do país. Acompanhei a sessão inteira, muito preocupada.”

LULA NA CASA CIVIL
“Dilma perdeu a condição de liderar ao nomear Lula primeiro-ministro”, disse a ex-petista. “Pensei que seria um paliativo, mas ele virou combustível para a crise.”

Senador Roberto Rocha votará a favor do Impeachment

DSC_0198O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), não terá poder de influência na decisão dos senadores maranhenses no processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Desmoralizado com o resultado da bancada federal do Estado, Flávio não tem ‘cacife’ nem para cooptar o voto do seu aliado no Senado Federal, Roberto Rocha (PSB).

Rocha vai votar de acordo com sua vontade e sem seguir o desejo de Flávio, que é contra o afastamento de Dilma.

E, ao que tudo indica, o socialista será a favor pelo impeachment da presidente, juntamente com os demais senadores João Alberto e Edison Lobão, ambos do PMDB.

Governo divulga programação da Agritec em Codó

IMG_20160420_061413Agricultores familiares do território dos cocais vão ter oportunidade de conhecer e ter acesso às tecnologias que impulsionarão o desenvolvimento da produção maranhense, na primeira Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão – Agritec, de 2016 que será realizada no município de Codó. A abertura oficial do evento será às 9h do dia 28 deste mês no Parque de Exposição Walter Zaidan, bairro São Benedito.

A Feira é uma verdadeira vitrine de oportunidades para o homem do campo, pois é um espaço de capacitação e acesso às novas tecnologias, de modo que ele possa melhorar sua produção quantitativa e qualitativamente. Além disso, haverá atrações musicais, gastronomia, workshop, exposição de animais, promoções e divulgações de produtos oriundos da agricultura familiar, criando espaços para comercialização e fortalecendo a identidade dos grupos produtivos.

Este ano, por determinação do governador Flávio Dino, cinco municípios, representando territórios, sediarão a Feira, são eles: Codó (Território Cocais), Grajaú (Pré Território do Médio Sertão), Zé Doca (Território Alto Turi e Gurupi), Viana (Território Campos e Lados) e Chapadinha (Território Baixo Parnaíba).

De acordo com o secretário de Estado da Agricultura Familiar- SAF, Adelmo Soares, a realização da Agritec demonstra que a atenção com a agricultura familiar é fundamental para o desenvolvimento sustentável do estado. “Para haver desenvolvimento para todos é fundamental que, no Maranhão, cuidemos da agricultura familiar e do extrativismo, que são o caminho certo para incluir as pessoas no progresso, no desenvolvimento e no crescimento da economia”, afirmou.

As Agritec’s de 2015 capacitou aproximadamente 5 mil agricultores e atraiu mais de 70 mil visitantes. Foram comercializados cerca de 536 mil reais e os agricultores ainda tiveram a oportunidade de fechar contratos com instituições financeiras na ordem de R$2.034.734,00.

A Agritec é uma realização do Governo do Estado, por meio do Sistema SAF (composto pelaSecretaria de Agricultura Familiar (SAF), a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão (Agerp) e o Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma), em parceria com Embrapa/Cocais, Sebrae, Prefeitura municipal de Codó e Movimentos Sociais (ACONERUQ, FETAEMA, FETRAF-MA, MIQCB e MST.

Programação Técnica

A Agritec dos Cocais terá uma extensa programação técnica com cursos de capacitação, palestras, oficias e fóruns, todos oferecidos pelo sistema SAF e pelos parceiros que ajudam a realizar a Feira.

Os agricultores familiares poderão conferir os cursos sobre criação de abelhas na agricultura familiar, Extrativismo: gestão de empreendimentos econômicos e solidários, oficinas sobre produção de hortaliças na agricultura familiar, registro das agroindústrias de produtos de origem animal, produção de mudas vegetais, práticas de manejo de ovinos e caprinos, além de palestras sobre mercado institucional como instrumento para o fortalecimento da agricultura familiar e exposições de vitrines tecnológicas e muito mais.

JACKSON LAGO E O 17 DE ABRIL

download

Eu nem ia escrever essa mensagem para não parecer revanchismo.

Mas depois do voto  do Dep. José Reinaldo no último domingo , fazendo menção a Jackson Lago, resolvi escrever. Foi muito emocionante porque me fez lembrar de um momento doloroso da minha história, da história do Dr. Jackson Lago e da história do Maranhão.
17 de abril de 2009. Exatos 7 anos atrás o governador do MA, Jackson Lago e eu, Luiz Carlos Porto, vice governador, fomos tirados do governo. Injustamente. O Supremo Tribunal Federal reconheceu e afirmou depois o grave erro jurídico. E depois da morte, “in memorian”, Jackson Lago recebeu a maior Comenda do Senado Federal.
Lembram as acusações? Foram 3:
1) Uma fala em um sindicato em Pinheiro. Dr. Jackson nem candidato era ainda. E não pediu votos.
2) Aniversario de Codó. Dr. Jackson foi convidado. Nem candidato era. Discursou. Não falou de voto.
3) Em Imperatriz, fomos acusados de que algum aliado nosso comprou voto para nós. Depois, a pessoa foi encontrada e afirmou que recebeu dinheiro para dar o testemunho contra Dr. Jackson. Logo em Imperatriz, que tivemos quase 80% dos votos. Tentamos apresentar o depoimento da pessoa que nos acusou. Mas o TSE recusou colocarmos o depoimento no processo. Tudo já estava armado.
Era para nos tirar do governo a qualquer preço. Foi duro. Dr. Jackson Lago disse que só sairia do Palácio dos Leões, morto. Eu e outras pessoas tivemos que convencê-lo. Descemos juntos as escadas do Palácio. Muitos que hoje usam o nome dele na TV com oportunismo, estavam festejando a nossa cassação naquele dia. É a historia andando. Mas o povo não esquece facilmente os fatos e personagens reais da verdadeira historia.
Ontem acompanhei a agonia das pessoas que articularam a nossa cassação. Alguns dos que lutaram para tirar o nosso mandato estavam no banco dos réus. E com provas incontestáveis.

Justamente no dia 17 de abril. No dia que o Maranhão chorou com a cassação do nosso mandato. Exatos 7 anos depois, parte dos que atentaram contra nós, começou a chorar.
Ironia de que? Do destino? De Deus? Da História?
Nosso inesquecível governador já nos deixou. E as lembranças dele são sempre emocionantes. Um homem de bem. Um homem honrado.
Deixou exemplo, atitudes e feitos.
Quanto a mim e a minha família, a vida continua por aqui. Estou de pé. Viajo com minha esposa, Cristina, pelo Brasil afora dando palestras para famílias, pela Assembleia de Deus. Uma missão de extrema relevância e que nos dá muita satisfação. Sou o Vice-prefeito de Imperatriz, minha cidade; presido novamente uma das instituições mais importantes da cidade, a Academia Imperatrizense de Letras e também me preparo para disputar a Prefeitura de Imperatriz, em 2016.
A vida é assim: cheia de atos, gestos, lembranças e surpresas. Ontem, o ex-governador Zé Reinaldo me surpreendeu e me emocionou. Garanto, que se Jackson Lago estivesse votando ontem em Brasília, o seu partido, o partido que ele fundou, não teria andado no caminho que muitos andaram.
Viva Jackson Lago!