Tema pede unidade aos prefeitos durante reunião de trabalho na FAMEM

“O País, o Estado e os municípios atravessam a mais aguda crise econômica das últimas décadas. Não é segredo para ninguém. Estamos sofrendo na pele , mas isso tem que nos levar a fortalecer a nossa unidade, a falarmos a mesma linguagem, na busca de equacionamento para os diversos problemas que nos afligem”

A afirmação foi do presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, Cleomar Tema, na tarde desta quarta-feira (7), durante reunião de trabalho com dezenas de prefeitos e prefeitas, no auditório da entidade, onde foram discutidos assuntos relacionados a diversas áreas, como Educação e também a recente Instrução Normativa do Tribunal de Contas do Estado (TCE), sobre a proibição de liberação de recursos para o Carnaval por parte do Estado para os municípios que estiverem com atraso na folha de pagamento.

Numa explanação técnica, o assessor jurídico da entidade, Ilan Kelson abordou temáticas como a jornada de trabalho, hora\aula, planejamento para 2018, Plano de Cargos, Carreiras e Salários e concurso público para professores, dentro das orientações  da FAMEM aos gestores municipais. Destacou ainda a defasagem existente na área, o que prejudica sensivelmente os municípios, ao afirmar que, entre 2010 e 2015, o piso salarial da categoria teve uma elevação da ordem de 87,9%, enquanto o aumento dos recursos do Fundeb foi de apenas 59% no mesmo período.

Autor da reivindicação que provocou a reunião, o prefeito de São Mateus, Miltinho Aragão, foi enfático: “É no auge da crise que se encontra a verdadeira solução. Estamos no auge de uma crise, estamos numa agonia, sem saldo financeiro para que se possa\estabelecer uma educação de qualidade. Temos que adotar  um plano uniforme no que diz respeito à jornada de trabalho, quanto à hora\aula, até para evitarmos que os sindicatos da categoria venham com o discurso de perseguição. E Isso deve ser implementado é de norte a sul do País”, destacou, Miltinho Aragão, ao salientar que falta saúde financeira a todos os municípios.

Diversos prefeitos se pronunciaram e elencaram uma série de problemas enfrentados na área da Educação, a exemplo de professores com mais de duas matrículas, o excessivo número de coordenadores e também a elevada apresentação de atestados médicos por parte de alguns educadores, o que propicia um pífio resultado no setor.

De acordo com a chefe de Gabinete do município de São Mateus, Alda Aragão, para contornar a situação de crise, foram adotadas algumas medidas emergências e diminuir os gastos. “A solução que encontramos foi reorganizar o financeiro, adequar a jornada de trabalho de 25 h/aula e 40 h/aula, revisar o sistema educacional, corrigir os desvios de função, permutas, bem como a revisão da titulação de muitos docentes”. Destacou Alda Aragão.

CONVÊNIOS DE CARNAVAL

Outro assunto abordado durante o encontro dos prefeitos é relacionado à portaria, nº 067/2018, baixada pela Secretaria de Cultura do Estado, determinando que o governo do Maranhão somente efetuará transferências voluntárias de recursos para municípios, cujos gestores, comprovem, através de declaração que deve ser entregue na SECTUR, que estão com os salários dos servidores públicos rigorosamente em dia.

A medida, de acordo com o secretário, visa adequar a pasta as diretrizes estabelecidas pela Instrução Normativa, aprovada pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA) no mês passado, que dispõe sobre despesas com festividades realizadas pelo poder executivo municipal.

De acordo com a IN, são consideradas ilegítimas para os fins do artigo 70 da Constituição Federal, qualquer despesa custeada com recursos públicos municipais – inclusive aqueles decorrentes de contrapartida em convênio – com eventos festivos quando o município estiver em atraso com o pagamento da folha salarial (incluindo terceirizados, temporários e comissionados); ou em estado de emergência ou de calamidade pública decretado.

A FAMEM entende que a norma é inconstitucional e vem mantendo conversações com o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto, buscando a revogação da medida.

Na semana passada, a entidade entregou um parecer técnico ao dirigente do Legislativo Estadual, mostrando a inconstitucionalidade da decisão do TCE. Nesta quinta-feira deverá haver um novo encontro entre FAMEM e AL, para a discussão do assunto.

Edilson Baldez enfatiza maior integração do Sistema S e gestores públicos durante visita à Caxias

O presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão (CDE) e presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), Edilson Baldez, juntamente com o vice-presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão, Raimundo Coelho e o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, estiveram na manhã da última segunda-feira (05), cumprindo agenda institucional em Caxias.

No primeiro momento, eles participaram de uma reunião na Unidade Regional do Sebrae em Caxias, acompanhados do gerente regional do Sebrae em Caxias, César Guimarães e o gestor de projetos, Stênio Pinheiro. Participaram também do encontro o gerente do Sesi Caxias, Adilson Reis, o diretor da Fiema e

conselheiro do Sebrae, Celso Gonçalo, o diretor regional do Senai, Marco Antônio da Silva e o consultor credenciado ao Sebrae, Benedito Moura.

O intuito da reunião foi discutir ações de aproximação das instituições, para maximizar os resultados para clientes e parceiros.“ Estamos visitando, avaliando e integrando mais as entidades que compõem o Sistema S. Além disso, visitamos também os gestores públicos, discutindo atividades que possam ampliar o nosso atendimento nas cidades e as parcerias com os municípios, para que o resultado desse trabalho conjunto entre iniciativa pública e privada possa ser cada dia mais forte e termos os resultados ainda mais significativos”, ressaltou Baldez.

A comitiva também esteve reunida com o prefeito de Caxias, Fábio Gentil, que os recebeu em seu gabinete juntamente com o presidente da Câmara de Vereadores de Caxias, Catulé, o secretário de governo, Catulé Júnior e outros representantes do Sebrae, Sesi, Senai e Senar que também participaram do encontro.

Na ocasião, o prefeito fez uma avaliação positiva e apontou a importância das ações conjuntas realizadas no ano de 2017, reafirmando ainda a parceria existente entre o Sebrae e a Prefeitura Municipal de Caxias. “O Sebrae tem sido um grande parceiro do município, realizando e apoiando diversas ações voltadas para capacitar nossos empresários, contribuindo para o crescimento da cidade. Nosso compromisso é reafirmar esta parceria e discutir posteriormente mais projetos onde poderemos contar com a contribuição do Sebrae”, acrescentou o prefeito.

A agenda institucional em Caxias foi encerrada com uma visita à Sala do Empreendedor. O presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão, Edilson Baldez, conheceu o espaço físico e conversou com o secretário de Indústria e Comércio, João Antônio Queiroz e com o coordenador da pasta, Expedito Motta. Eles discutiram sobre os serviços oferecidos pela Sala do Empreendedor e como a parceria do Sebrae tem contribuído para o sucesso das ações voltadas para os micro e pequenos empreendedores do município.

O diretor superintendente do Sebrae, João Martins, participou da visita e destacou como a parceria do Sebrae com a Prefeitura, por meio da Secretaria de Industria e Comércio, está contribuindo para o crescimento e fortalecimento da economia do município de Caxias e região. ”Com este trabalho o Sebrae está cumprindo sua missão, fortalecendo a competitividade destes micro e pequenos empresários e potenciais empreendedores, e principalmente, gerando empego e criando uma sustentabilidades das empresas”, finalizou o Martins.

Vasco volta a vencer o Concepción e avança para a próxima fase

RIO DE JANEIRO – Mais um passo concluído: o Vasco da Gama voltou a superar o Universidad Concepción, na noite desta quarta-feira (7), no gramado de São Januário, no jogo de volta pela Conmebol Libertadores 2018. Desta vez, o triunfo foi garantido pelo placar de 2 a 0 e colocou o Cruz-maltino na próxima fase da competição. Os gols da vitória vascaína foram marcados por Paulinho e Yago Pikachu. Vale lembrar que o time comandado por Zé Ricardo entrou em campo com a vantagem conquistada ainda no Chile, quando estreou diante do Concepción com goleada por 4 a 0.

Após subir mais um degrau na Conmebol Libertadores 2018, o Vasco terá pela frente o vencedor do duelo entre os bolivianos Jorge Wilstermann e Oriente Petrolero. No primeiro jogo, na casa do adversário, o Wilstermann levou a melhor pelo placar de 2 a 1. O reencontro entre as equipes acontece nesta quinta-feira (08).

Embalado por sua torcida, o Vasco logo mostrou que a vantagem não mudaria o desempenho dentro de campo. Com apenas cinco minutos de bola rolando, os donos da casa garantiram festa dos cruz-maltinos na arquibancada. O zagueiro Ricardo Graça deu um belo lançamento para Wagner, que invadiu a área a cruzou rasteiro para Paulinho completar. O tento colocou o atleta de apenas 17 anos como o mais jovem a marcar com a camisa do Vasco na competição.

Mais tarde, aos 15, o adversário criou sua primeira oportunidade com uma bomba de Morales de fora da área. Martín Silva espalmou e, no rebote, Santiago Silva tentou a finalização mas estava em posição irregular. O time de São Januário respondeu aos 18, no contra-ataque em velocidade. Paulinho foi lançado e limpou o marcador, mas na finalização a redonda acabou ficando nas mãos de Muñoz. Quando o cronômetro marcava 26 minutos, Drouguett roubou a bola e acionou Santiago, que mandou por cima do gol.

Antes que o árbitro apitasse o fim da primeira etapa, o Vasco ainda teve tempo para ampliar a vantagem no duelo. Aos 41 minutos, Yago Pikachu começou boa jogada pela direita e entrou na área. Evander mandou de calcanhar e Paulinho apareceu para cruzar na medida para o lateral-direito, que cabeceou no fundo da rede.

Na volta para o segundo tempo, aos 9 minutos, Paulinho tabelou com Pikachu e invadiu a área para completar o cruzamento, mas a bola acabou saindo pela linha de fundo. Na sequência, aos 12, Pikachu avançou pela direita, ganhou de Amarila e acabou parado por falta próxima a linha de fundo. Mais tarde, aos 22, o Vasco chegou perto do terceiro gol. Wagner tocou para Rios, que invaviu a área e cruzou. Paulinho apareceu para completar, mas Pacheco tirou quase em cima da linha.

Com o nome gritado pela torcida, Riascos entrou em campo e teve boas oportunidades de ampliar o placar. Aos 34, o atacante foi lançado em velocidade, ganhou do zagueiro mas acabou mandando a bola pela linha de fundo. Na sequência, ele recebeu um cruzamento de Henrique e tocou de primeira, mas viu a redonda passar à esquerda do gol.

Governo do PI confirma concurso na Polícia Civil; confira prazos e salários

“Seguiremos o padrão similar ao concurso da Sejus para agentes penitenciários, que previa a formação de cadastro de reserva. Com isso, além de respeitarmos a Lei de Responsabilidade Fiscal [LRF], também teremos como chamar mais gente, a medida em que formos precisando e tivermos caixa”, afirma o gestor.

Ao divulgar o concurso, na semana passada, o secretário da Segurança Pública, capitão Fábio Abreu, havia mencionado que seriam 350 vagas e que o edital seria divulgado em abril, mas essa informação também não foi confirmada pela Administração.

“Já recebemos a minuta da Secretaria da Segurança solicitando o concurso e estamos estudando o edital para enviarmos à apreciação da Procuradoria Geral do Estado, mas ainda não temos data certa para divulgarmos esse edital”, completou Franzé.

O gestor confirmou a necessidade de concurso para quatro cargos na Polícia Civil: agente, delegado, escrivão e perito criminal.

Sobre os salários, Franzé informou que os vencimentos iniciais já estão previstos no Plano de Cargos e Salários de cada categoria.

Último concurso

O último concurso para a Polícia Civil do Piauí aconteceu em 2014 e ofereceu 40 vagas. As oportunidades foram para os cargos de Delegado e Escrivão. A remuneração inicial foi de R$ 3.194,35 para Escrivão e R$ 10.914,54 para Delegado.

Vereador Valdeck Frota fala sobre atividades durante o recesso parlamentar e rebate críticas ao Executivo

Em seu primeiro discurso após a volta do recesso parlamentar, o vereador Valdeck Frota utilizou seu tempo para prestar contas com a população sobre suas atividades durante o período. O edil falou sobre a alegria de voltar ao parlamento codoense e ao convívio dos colegas vereadores. “Quero agradecer a todos que oraram pala melhora de minha saúde e dizer que estou muito feliz pela volta a Casa do Povo e ao convívio dos meus pares. Desejo a todos mais um bom ano de trabalho juntos e com muito respeito mútuo e a nossa população, pois ainda temos três anos pela frente”.

Estrada nova na zona rural.

Prestando contas com a população, o vereador lembrou-se da conquista de muitas comunidades da zona rural em virtude da construção da tão sonhada estrada vicinal, inaugurada em janeiro e que irá interligar as localidades Sororoca, Bacaba, Pau de Ferro, Bom Jesus do Clemente e Boa Esperança do Berílio. Além da construção da via, as obras incluíram a recuperação de pontes na região, melhorias solicitadas ao Executivo por meio de Indicações do Vereador Valdeck Frota.

“Lembro da alegria de estar nas comunidades Bom Jesus, Sororoca, Pau Ferro, com amigos e o prefeito Nagib, realizando um sonho antigo daquela comunidade em ter uma estrada construída. Não foi recuperação. Foi de fato a abertura de uma nova estrada para o melhor acesso as comunidades. Uma via que liga sete quilômetros, interligando essas comunidades. Quero aproveitar e avisar a companheira Conceição, que está nos ouvindo lá na Boa Esperança do Berílo, que logo após o carnaval será construído o trecho da Sororoca até a Boa Esperança. Esse trabalho eu agradeço a aprovação dos meus colegas quando encaminhamos o requerimento”, disse o vereador.

Conquistas para a Fundação Pestalozzi

O parlamentar também recordou sua luta para as conquistas alcançadas pela Fundação Pestalozzi de Codó, como recursos e um veículo para o transporte das crianças. “Ao encontrar-me com a Deputada Elisiane Gama, pedir por nosso município e ela prometeu um milhão para a Pestalozzi. Hoje já podemos contar com R$ 400.000,00 para ajudar no importante trabalho para nossas crianças. Quero também dizer a nossa sociedade que já foi feito o contrato para aquisição do veículo Van para a Pestalozzi, e que o Senador Roberto Rocha está vindo ao município para fazermos a entrega”.

Rebatendo a oposição

Em resposta a comentários feitos pela oposição, a respeito do desabamento do teto de uma escola no Codó novo o edil rebateu. “Precisamos ter memória e lembrarmo-nos das coisas. Falaram que o teto da escola no Codó Novo desabou, mas se esquecem que na gestão do ex-prefeito Bine, após três meses de construção da associação atrás do INSS, o teto também desabou. A escola já tem mais de uma década de construção, mas o teto da associação desabou em apenas três meses”.

O vereador também comentou: “O ex-prefeito Bine Figueiredo, ao assumir o município, colocou a cidade em estado de calamidade pública. Fez do dinheiro público o que quis. Colocou dinheiro da saúde para a educação, da educação pra saúde e remexeu assim como panelada com sarapatel. Agora, dizer que o prefeito Francisco Nagib não tem feito nada em Codó é uma grande injustiça. Precisamos ter coerência. Não ter uma simpatia política pelo gestor é uma coisa, mas temos que reconhecer seu trabalho. Precisamos olhar para o passado, quando não se podia colocar panelas de milhos em qualquer lugar, porque iam pro chão. Hoje não vemos esse tipo de perseguição. Precisemos entender que quem tem rabo de palha não pode entrar no fogo”.

Ascom

Misaias passa por exames e tem Cirurgia marcada pra amanhã em Barcelona

Misaias ao lado do Médico Dr Horia Salca que fará sua cirurgia

O codoense Misaias Ferreira Lima foi diagnosticado com uma doença rara chamada Má Formação de Chiari e Siringomielia.

A população codoense que abraçou a causa do Misaias,onde todos contribuíram direto ou indiretamente para que sua cirurgia  seja realizada amanhã as 7:30 horário de Barcelona.

Hoje Misaias passou por uma bateria no Hospital, a previsão é que o mesmo receba alta depois de amanhã, depois da cirurgia Misaias ficará acompanhado à distância e dia 19 será a ultima consulta no hospital antes de retornar a Codó.

“Tem Nina, uma polonesa que fala portugues que nos acompanhou durante os exames. Mas essa da foto é marta Orsini que atende os pacientes de lingua portuguesa. Foi com ela que falei durante esses meses e durante o encontro com esse médico da foto. Esse médico é Dr Horia Salca. Ele vai me operar junto com uma equipe disse Misaias.

Sabemos que Deus é o médico dos médicos, e até aqui Deus vem sempre ajudando seu servo e em nome de Jesus ocorrerá tudo bem essa cirurgia, Boa Sorte amigo Misaias mais de 120 mil pessoas esta aqui em Codó torcendo por mais uma vitória.

Video:Forte chuva atinge Codó e deixa ruas alagadas

A chuva forte castiga os codoenses desde as 7 da manhã de quarta-feira (07). As ruas estão tomadas pela água, que também invadiu casas, e comércios. Devido aos pontos de alagamento, são varios pontos de alagamentos em Codó,

Recebemos um video de um morador onde mostra o estado das Ruas Renato Archer com a Padre Cicero totalmente alagadas no Codo Novo.

https://www.facebook.com/franciscojefersonabreu.abreu/videos/1928033637271112/

Roberto Rocha (PSDB-MA) aconselhou Alckmin sobre a necessidade de ter a percepção sobre os dois Brasis que existem

BRASÍLIA. Numa roda de deputados e senadores tucanos, em uma galeteria de Brasília, o governador Geraldo Alckmin entrou pela madrugada traçando cenários positivos da sua campanha eleitoral com o ex-presidente Lula fora do páreo. Instado pelo deputado Caio Nárcio (PSDB-MG) a falar “um pouquinho” do cenário para o PSDB ganhar a eleição para presidente, no centro da roda, Alckmin deu sua receita: ter juízo, manter o partido unido, costurar uma boa aliança, não se estressar com pesquisas de intenção de votos nesse momento, reunir os melhores quadros para fazer um grande projeto de desenvolvimento regional e de recuperação econômica para o pais, ter bons palanques em todos os estados “e pé na estrada, viajar do Monte Caboraí ao Chuí”.

Na conversa, o senador Roberto Rocha (PSDB-MA) aconselhou Alckmin sobre a necessidade de ter a percepção sobre os dois Brasis que existem: o da metade para baixo do mapa que é azul, e o da metade para cima que é vermelho e onde está o Maranhão. Disse que da metade para baixo Alckmin já tem os 20% necessários para chegar ao segundo turno, mas é preciso que consiga penetrar na parte vermelha do mapa, onde programas como Bolsa Família e Luz para todos têm um peso muito grande.

— Seu desafio é entrar na parte vermelha da metade para cima do mapa, ter a percepção desses dois Brasis — disse Roberto Rocha.

— Temos uma situação muito favorável se tivermos juízo — disse Alckmin, explicando que ter juízo é manter o partido unido e trabalhar para unir os partidos em uma grande aliança de centro.

— Com Lula fora, melhor ainda — completou o deputado Vitor Lipi (PSDB-SP).

Alckmin concorda que sem Lula suas chances aumentam muito de chegar ao segundo turno. Disse que com Lula tinha apenas uma vaga, já que o petista já estaria com uma das vagas garantida no segundo turno. Sem Lula, portanto, seriam duas vagas a serem conquistadas.

— Só tenho uma tarefa: ir para o segundo turno. Construir uma boa aliança suprapartidária. A campanha curtinha de 45 dias será uma corrida de resistência, a gente não pode se estressar com pesquisa nesse momento. E correr o pais. Na hora que a urna perguntar em quem você vai votar? O candidato que for mais conhecido o eleitor sapeca lá o voto — disse Alckmin .

Com cerca de 8% nas pesquisas de intenção de votos, o que deixa os companheiros ansiosos, Alckmin brincou que tem um sonho: cobrir uma eleição presidencial em que os candidatos seriam os jornalistas:

— Eu já tenho a pergunta que faria todo dia: porque não decola?

Sobre os palanques estaduais, Alckmin disse não enxergar um grande problema na disputa entre o PSDB e o PSB do vice-governador Márcio França, em São Paulo. Ele disse esperar manter a mesma base ampliada de partidos que o elegeu e ao prefeito de São Paulo, João Dória, no primeiro turno das duas eleições, com cerca de 13 partidos.

— O melhor é ter um candidato único, se não for possível, não vai cair o mundo ter dois candidatos. Eu apoio o candidato do meu partido, no segundo turno nos unimos. Em vários estados vai ter partido que vai apoiar um candidato a governador de um partido, e o candidato a presidente de outro — disse Alckmin.

Sobre declaração do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de que Alckmin ainda não tem candidatura para chegar ao segundo turno, ele respondeu que política não se obriga, se conquista. O tucano disse que é preciso respeitar os partidos que tem o direito de lançar candidatos, mas ainda acredita que uma grande aliança é possível.

— Minha primeira eleição para prefeito de Pindamonhangaba eu tinha 24 anos. Hoje tenho 65 anos. Nesses mais de 40 anos aprendi que em política é preciso ouvir e conversar com o eleitor, e não ficar discutindo no clube fechado dos candidatos — respondeu Alckmin, frisando que “o povo erra menos que as elites”.

O encontro de toda a bancada de deputados e senadores foi organizado pelo novo líder tucano na Câmara , Nilson Leitão (MT). Os deputados e senadores compareceram em peso, mas Alckmin jantou primeiro na residência do senador Tasso Jeiressatti (CE) e demorou muito a chegar na galeteria onde cada convidado pagou R$ 80,00 pela comida e bebida. Quando Alckmin conseguiu chegar, a grande maioria já tinha ido embora.

— Ele foi esperto, quando ficou sabendo que cada um pagaria sua conta, não quis jantar — brincou Nilson Leitão.

Mais cedo , antes do jantar com Tasso, Alckmin teve um encontro reservado também com o senador Aécio Neves (PSDB-MG). No encontro, Aécio o aconselhou a radicalizar o discurso reformista. E disse que tinha sugerido ao presidente Michel Temer convidar Alckmin e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para darem uma declaração conjunta de apoio à reforma da Previdência. Alckmin lembrou que o partido já fechou questão e o líder Nilson Leitão havia passado um relato de que a bancada do PSDB, hoje, está francamente majoritária favorável a reforma. E não descartou o encontro com Temer:

— A hora que marcar, a gente avisa — disse.

Fonte:O Globo

Prefeitura de Caxias lança oficialmente o edital do Concurso Público para mais de 1.100 vagas

O prefeito Fábio Gentil, cumprindo mais um compromisso de governo, lançou oficialmente na manhã dessa segunda-feira (05) no auditório da Prefeitura de Caxias, o edital do Concurso Público Municipal para, praticamente, todas as áreas da administração municipal com mais de 1.100 vagas, sendo que 20% serão para cadastros reservas.

A solenidade contou com a presença de secretários municipais; os representantes do Instituto Machado de Assis, que é responsável pela execução do Concurso Público do Município; autoridades do poder legislativo e do judiciário, além de representantes da sociedade civil.

Compôs a mesa de honras e dos trabalhos o prefeito de Caxias, Fábio Gentil; o vice-prefeito, Paulinho; o presidente da Câmara Municipal, Catulé; Aluísio Bittencourt, presidente da Comissão do Concurso Público e duas representantes do Instituto Machado de Assis, sendo que a coordenadora administrativa do Instituto, Elmira Dias, foi a responsável por tirar as dúvidas do público acerca do andamento do concurso durante a solenidade.

“Quando se marcha numa caminha e, quando esta caminhada trata-se de uma prefeitura do porte da cidade de Caxias, devemos tratar a coisa de maneira séria. Muitas pessoas esperavam uma oportunidade para ingressar no serviço público. Aqui hoje assisto o prefeito Fábio Gentil, não só cumprindo com uma de suas promessas, mas cumprindo com sua palavra de dá a oportunidade àqueles que realmente se prepararam e que esperavam essa oportunidade para comprovarem a sua capacidade. Hoje nós temos certeza absoluta de que a cidade de Caxias sai na frente, anunciando o Concurso Público. E, nós da Câmara Municipal, que estamos dando o apoio e o aval a esse passo grandioso da Prefeitura de Caxias, advertimos o Instituto Machado de Assis para que ele seja preciso na execução dessas provas”, declarou Catulé, presidente da Câmara Municipal.

“Nós temos vagas para praticamente todas as áreas do Município, resultado de um trabalho feito criteriosamente pela Comissão Organizadora. O prefeito Fábio Gentil decidiu pelo processo mais longo, porém o processo mais seguro para a escolha da empresa, via licitação normal, para que todas as empresas se habilitassem, concorressem da forma mais transparente possível para que todos os caxienses possam concorrer em igualdade de condições, onde será privilegiada somente a meritocracia”, ressaltou Paulinho, vice-prefeito de Caxias.

O Instituto Machado de Assis é sediado em Teresina-PI e já realizou 320 concursos, tanto junto a cooperativas, quanto para prefeituras municipais, dentre outros órgãos. Com um corpo técnico formado por mestres e doutores, nos 10 anos de existência da Instituição que leva o nome de um grande escritor da literatura brasileira, o órgão tem como lemas: Compromisso, seriedade, lisura e competência, que foram repetidos por Elmira Dias, coordenadora administrativa do Instituto.

“Nós temos 320 concursos realizados nos estados do Piauí, Ceará, Maranhão, Tocantins, Rio Grande do Norte, Bahia, dentre outros estados. A população de Caxias pode esperar um trabalho sério, transparente, de uma instituição que em 10 anos não tem nenhum concurso nulo por fraude ou incapacidade técnica. Então, a população pode ficar tranquila, pode estudar de verdade para angariar sua vaga no serviço público. Nós trabalhamos com seriedade, compromisso, competência e credibilidade que o instituto vai trazer para o município de Caxias”, garantiu Elmira Dias, coordenadora administrativa do Instituto Machado de Assis.

Vagas

O certame vai oferecer vagas para praticamente todos os órgãos da administração pública. Durante o evento, foi divulgada a quantidade de vagas para os órgãos que irão oferecer a maior quantidade, como por exemplo: Saúde (290 vagas); Educação (755 vagas); Administração (85 vagas); Caxias PREV (07 vagas); Guarda Municipal (30 vagas) e Agente de Trânsito (12 vagas). Os demais órgãos, alguns têm 01 ou 02 vagas, que serão especificadas a partir do dia 09 de fevereiro, após a publicação no Diário Oficial do Município.

A maior necessidade é na educação, tendo em vista o número muito alto de pessoas contratadas, e nós temos essa necessidade porque nos últimos concursos não aprovaram professores; a gente precisa dá essa possibilidade para esses rapazes e moças que estão saindo da faculdade. Para nós é uma forma também de atender socialmente uma necessidade que é da educação. Caxias precisa se desenvolver e precisamos de profissionais a altura da educação caxiense e, por isso, o número de vagas para a educação é bem extenso. Mas esse é só o começo, porque o nosso prefeito quer continuar fazendo concursos”, frisou Ana Célia Damasceno, secretária de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT).

“São 290 vagas que estão sendo oferecidas no concurso para suprir as nossas necessidades. É um momento muito feliz para a gente, sabemos que é um momento de mostrarmos transparência do nosso governo e da nossa administração e, a oportunidade que a população como um todo tem de ter a segurança de um trabalho”, reforçou Socorro Melo, secretária Municipal de Saúde.

Inscrições

Segundo o Instituto Machado de Assis, as inscrições terão início por meio do site da instituição: www.institutomachadodeassis.com.br , a partir do dia 15/02 (fevereiro) a 30/03 (março); a aplicação das provas está prevista para 20/05 (maio). O edital poderá ser visualizado pelo site do instituto a partir do dia 09 de fevereiro, quando será publicado no Diário Oficial do Município.

Seleção

A seleção será realizada em única fase, composta pela aplicação de prova objetiva de caráter classificatório e eliminatório, com pontuação de 0 a 40.

Para os cargos de: Professor, Procurador, Guarda Municipal e Músico, a seleção será realizada em duas fases:

-Professor: prova objetiva e de título;

-Procurador: prova objetiva e de título;

-Guarda Municipal: prova objetiva e o Teste de Aptidão Física (TAF).

-Cargo da área de música: prova objetiva e prova prática.

Estruturas das provas

As estruturas das provas serão organizadas contemplando os conteúdos das áreas de: Língua Portuguesa; Informática; Conhecimento Específico em cada área e Conhecimento do Município de Caxias, conforme a lei: 2.156/14.

Valores das inscrições

-Ensino fundamental: R$ 49,00

-Ensino Médio: R$ 65,00

-Ensino Superior: R$ 95,00

O Concurso Público de Caxias foi uma expectativa criada desde o início da gestão do prefeito Fábio Gentil, quando assumiu o compromisso de realizar o certame para que os caxienses tivessem a oportunidade de ingressar no serviço público com mais estabilidade. Ao longo de 2017, a administração municipal desenvolveu uma série de medidas para o levantamento da real necessidade de cada órgão e, assim, pudesse atender a cada setor específico com a quantidade de vagas no concurso, reforçou Alusío Bittencourt, presidente da Comissão do Concurso Público.

“A primeira etapa consistiu no levantamento das necessidades em termos de pessoal que o município tem e, nesse ponto, recebemos a colaboração de todos os secretários. Nós entregamos os dados para o prefeito para que ele revisasse e, assim, foi feito. Em seguida foi realizada a etapa de aprovação pela Câmara Municipal; posteriormente foi enviada a Comissão de Licitação para que as empresas especializadas em Concurso pudessem concorrer, finalmente foi selecionado o Instituto Machado de Assis, com vasta experiência na área. Em seguida, a comissão se reuniu com a empresa vencedora para discutir a publicação do edital do Concurso. Então, o edital será assinado pelo senhor prefeito, mas ele só entra em vigor a partir do dia 09, daqui a 04 dias, quando será publicado no diário oficial”, disse Aluísio Bittencourt, presidente da Comissão do Concurso Público.

Chamamento para empresas

No último dia 15 de dezembro de 2017, a Prefeitura de Caxias abriu a chamada para o processo licitatório visando a contratação da empresa que ficará responsável pela realização dos serviços necessários para o Concurso Público, no que diz respeito ao provimento de cargos vagos e a formação de cadastros reservas no município de Caxias.

Realização do processo licitatório

Em 03 de janeiro de 2017, a Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Administração, por meio da Comissão Central de Licitação, realizou o Pregão Presencial nº 174/2017. Todo o processo foi realizado com base na Lei nº 10.520/02, Decreto Municipal nº 160/17 e, ainda no que coube à Lei nº 8.666/93.

O Concurso Público de Caxias, além de garantir oportunidade para toda a população que deseja participar do processo, também é uma forma de garantir a saúde da previdência municipal sempre superavitária. Atualmente, o número de pessoas ativas que contribuem para manter a previdência é insuficiente para manter a quantidade de pessoas aposentadas. O prefeito Fábio Gentil disse que se sente muito feliz com mais um compromisso de campanha sendo cumprido perante a população de Caxias.

“Hoje cumprimos mais um compromisso. É uma satisfação e uma alegria muito grande porque nós percebemos que somos capazes de honrar nossos compromissos. Principalmente os compromissos que o povo espera de um gestor. Assumimos o compromisso que realizaríamos o Concurso, e hoje lançamos o edital dando a possibilidade daqueles que querem e que desejam ingressar de forma correta e justa no serviço público, porque acredito que o Concurso Público é a única forma legal de você viabilizar as condições necessárias para que todos aqueles que necessitam, possam entrar na gestão pública. O município sai na frente, há muito tempo não havia um concurso, e serão mais de 1.000 vagas. Tenho certeza absoluta que o povo de Caxias vai estudar para agarrar essas vagas”, espera Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

 Transparência

A transparência de todo o processo para a realização do Concurso Público de Caxias é outra marca da administração do prefeito Fábio Gentil, que verificou a história do Instituto escolhido para conduzir a realização do certame.

“Posterior a escolha do Instituto Machado de Assis, fomos verificar toda a vida do Instituto, e percebemos que é uma empresa idônea, qualificada e já prestou mais de 300 concursos públicos, em âmbito municipal, estadual e a nível federal. Então, analisando a vida da empresa, nós percebemos que a empresa é capaz de realizar o concurso com total lisura. E eu tenho certeza e posso afirmar, que irão ser aprovadas aqueles que se prepararam para tal. Então, convidamos a população de Caxias, que se prepare, que se qualifique, porque o concurso será transparente, a altura do que Caxias merece”, ratificou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

ASCOM

Em Codó, portaria determina que menores de 16 só podem ficar em eventos de Carnaval até às 24h

Menores de 16 anos só podem ficar em eventos de Carnaval até às 24h mesmo que acompanhados dos pais ou responsáveis. A determinação foi divulgada, nesta segunda-feira (5), pela juiza de Direito Titular da 3ª Vara da Comarca de Codó-Ma Drª Flávia Pereira da Silva Berçante.

A portaria nº 001/2018 explica que os adolescentes entre 12 e 16 anos podem ficar até as 24 horas desde que  quando acompanhados dos pais com documentos que comprovem grau de parentesco, ou responsáveis legais,sendo que, caso estiverem acompanhados por um responsável,esta deverá portar consigo uma autorização por escrito dos pais,em que necessariamente constara endereço e telefone de contato dos pais do menor.

Fiscalizações:

A vigilância e fiscalização dos festejos carnavalescos serão exercidas, diretamente por toda sociedade bem como, pelo Ministério Publico,Oficiais de Justiça,Conselho Tutelar Municipal  da Criança e do Adolescente,Vigilância Sanitária,e pelas Autoridades Policiais Civil e Militares, com a estreita colaboração obrigatória dos promotores dos eventos.

“Para se adequarem às medidas da portaria, os proprietários dos estabelecimentos ou promotores de eventos que descumprirem a Presente Portaria estarão sujeitos à pagar multa de R$ 954,00(novecentos e cinquenta e quatro reais)a R$ 9.540,00 ( nove mil  quinhentos e quarenta reais) aplicando-se até o dobro em caso reincidência.Além desta penalidade, os proprietários dos eventos ou promotores de eventos ficam também sujeito so procedimento penal componente,inclusive à prisão em flagrante, assim como ao fechamento temporário ou definitivo do estabelecimento ou suspensão da promoção que realiza.

“A portaria vai disciplinar o acesso de crianças e adolescentes. Os agentes de proteção estarão indo aos locais para apurar essa questão principalmente para verificar se eles estão cumprindo o que é determinado pela Justiça”, destaca o magistrado.

Bebidas Alcoólicas

É proibido o consumo e a venda de bebidas alcoólicas durante a realização de vesperais ou matinais em qualquer dependência dos clubes ou ou local onde esta sendo realizado o evento.

É proibida a venda em copo e garrafas de vidros,devendo ser feito a substituição por copos descartáveis e recipientes plásticos.

Veja na integra a Portaria: