Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

I Feira da Cultura Maranhense será realizada em Centro Socioeducativo da Funac em Timon

O Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região dos Cocais (CSIPRC), unidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), realiza nesta terça-feira (29), a partir das 9h, uma mostra cultural com objetivo de valorizar a cultura maranhense, com exposições e apresentações dos produtos das atividades desenvolvidas com os socioeducandos, em um momento de vivência com a comunidade socioeducativa.

O evento é a culminância de várias ações com os adolescentes, que trata da importância da história, cultura e a diversidade cultural, na transformação e compreensão da sociedade maranhense, organizado pela equipe multidisciplinar da unidade e contará com a presença de vários parceiros da socioeducação.

SERVIÇO

O quê: I Feira da Cultura Maranhense é realizado em Centro Socioeducativo da Funac em Timon.
Quando: Nesta terça-feira (29), às 9h.
Local: Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região dos Cocais (CSIPRC) – Avenida Tiúba, n. 1419, bairro São Marcos, Timon/MA.
Contato: (98) 98456 7837 – Ascom Funac (Erica ou Afonso).


 

Morre criança espancada pelo pai por não saber fazer o dever de casa

A Prefeitura de Caratinga informou no fim da tarde desta segunda-feira (28/6) a morte do garoto de 6 anos, que foi espancado pelo pai, um homem de 26 anos, que deu socos na criança porque ela não conseguia resolver uma tarefa da escola, o chamado “dever de casa”.

criança estava intubada na UTI pediátrica do Hospital João XXIII em Belo Horizonte, para onde foi transferida na madrugada desta segunda-feira.

Os primeiros atendimentos foram prestados na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Caratinga, quando a equipe médica denunciou à polícia a agressão sofrida pelo garoto.

PUBLICIDADE

O crime aconteceu na manhã de domingo. O pai estava orientando o filho a resolver as tarefas da escola. Como a criança errava sempre, por não entender as questões, nem as orientações que recebia, o pai ficou muito irritado.

Segundo apurou a Polícia Militar, o pai agrediu o filho com socos no rosto e na cabeça. E consumou a agressão com uma rasteira, derrubando a criança, que ao cair bateu a cabeça na quina de um móvel, ficando inconsciente por alguns momentos.

Depois, ela começou a se contorcer, por causa de uma convulsão severa. O pai entrou em desespero e tentou desenrolar a língua do filho, sem sucesso. A última tentativa de salvar o garoto foi um banho frio. Também não deu certo.

O pai, então, levou a criança para a UPA.

Confessou a agressão

Ao chegar à UPA, a equipe médica estranhou os sinais de violência física que estavam no corpo da criança, além de achar estanho o estado de embriaguez do pai do garoto.

A polícia foi chamada e, numa investigação rápida, desvendou toda a ação do pai, por meio de confissão detalhada feita por ele. O homem, que tinha passagem pela polícia por homicídio, foi preso.

À tarde, antes da divulgação da morte do garoto, a Polícia Civil divulgou que o homem havia sido autuado pelo crime de tortura qualificada.

Na delegacia, ele confessou as agressões e disse que estava bêbado quando socou o filho.

O inquérito policial continua em andamento.

Países para estudar medicina com processos seletivos mais justos

A medicina é reconhecida por ser uma profissão de muito prestígio e também uma das áreas de estudo mais concorridas em todo o mundo. Além disso, é a carreira que exige mais anos de estudo para poder começar a exercer a profissão. Nada disso impede que milhares de estudantes se dediquem arduamente para tornarem-se médicos – começando pelo difícil processo de seleção.

De fato, os processos de seleção no Brasil são muito competitivos e esse panorama não é muito diferente em países da América do Norte e Europa, onde estão boa parte das escolas médicas mais bem classificadas do mundo.

Se você tem a carreira médica como meta e está procurando opções mais justas para ingressar no curso de medicina, alguns países contam com instituições de alta qualidade com processos seletivos diferenciados e até mais acessíveis. É hora de considerar essa opção e partir para o exterior em busca da realização deste sonho profissional.

Lembre-se de que os países abaixo não estão classificados em nenhuma ordem específica, dependendo das ambições individuais, estas são ótimas opções para estudar medicina no exterior:

Argentina

A Argentina é um dos destinos mais procurados por estudantes brasileiros e latino-americanos que pretendem seguir a carreira na área de saúde. As universidades argentinas têm grande prestígio na comunidade acadêmica internacional, inclusive ocupando posições de destaque nos mais prestigiados rankings do continente.

A Universidade de Buenos Aires (UBA), por exemplo, ocupa o 69º lugar no QS World University Rankings 2022, já publicado. A UBA é a única universidade na América Latina que aparece entre as 100 melhores do mundo na lista QS mais atualizada.

Outras instituições argentinas de grande referência para os brasileiros quando se trata de graduação em medicina são: Universidade Nacional de La Plata (UNLP); Universidade Nacional de Rosário (UNR), ambas públicas; Instituto Universitário do Hospital Italiano; e Fundação Héctor A. Barceló, ambas privadas.

Para ingressar nas universidades argentinas, os estudantes não enfrentam processos seletivos rígidos como o vestibular. O que é comum para todos os cursos de graduação, inclusive os mais concorridos, como medicina, é um período de estudo básico com matérias iniciais ministradas antes do início oficial das aulas. Mesmo no caso da UBA, que é uma instituição pública, o estudante passa pelo chamado Ciclo Básico Comum (CBC), um ciclo de estudos universitários com duração de um ano, o qual deverá ser aprovado antes da matrícula na universidade.

De acordo com o site da UBA, “o CBC tem um sentido orientador para que os alunos possam comprometer-se realmente com um curso específico despois de um ano de vida universitária, tendo assim oportunidade de conhecer o campo de estudo e aplicação de várias especialidades, bem como as possibilidades de trabalho reais para os graduados”.

Nas instituições privadas, como no caso do Instituto Universitário do Hospital Italiano, o aluno é submetido a um processo chamado Nivelamento e Orientação que, inclusive, pode ser feito online, com três testes presenciais. Vale ressaltar também que o valor da mensalidade de medicina nas universidades particulares argentinas é muito menor do que o preço praticado na maioria das instituições brasileiras.

Espanha

Os estudantes que buscam a Espanha como destino para fazer medicina devem se dedicar ao seu rendimento escolar desde cedo, pois isso pode definir a admissão em uma das instituições do país europeu. Para o processo seletivo dos alunos estrangeiros, é preciso fazer a homologação do Ensino Médio brasileiro na Espanha e, então, submeter-se aos critérios da universidade escolhida.

De um modo geral, as universidades públicas espanholas consideram a soma das notas do teste de admissão, chamado Selectividad ou Pruebas de Acceso a la Universidad, uma prova regional que envolve diferentes disciplinas, obrigatórias e optativas, similar ao vestibular; e mais a média escolar do aluno ao longo do ensino médio. Quanto mais concorrido o curso, como no caso de medicina, maior será a nota de corte.

Os brasileiros podem adiantar o processo de admissão ainda no Brasil, desde que já tenham escolhido a universidade pretendida. Entre as instituições públicas de maior destaque na Espanha, onde é possível cursar medicina, estão a Universidade de Barcelona, a Universidade Autônoma de Madrid (UAM) e a Universidade Autônoma de Barcelona, todas públicas. Entre as instituições privadas, a Universidade de Navarra é considerada a melhor, inclusive 25% dos seus alunos são estrangeiros. Mas na Espanha, tanto as instituições públicas quanto particulares são pagas, obviamente estas últimas com mensalidades bem mais altas.

República Tcheca

A República Tcheca oferece uma seleção impressionante de escolas médicas de prestígio. Com várias universidades oferecendo programas em inglês, o país acolhe muitos estudantes internacionais. A universidade de maior destaque é a Charles University, que oferece o curso de medicina em cinco instituições, três em Praga, um em Pilsen e um em Hradec Kralove. Todas contam com instalações médicas independentes, com disciplinas ministradas em inglês. Outras universidades que contam com curso de medicina no país, na língua inglesa, são Universidade Masaryk, em Brno; e Universidade Palacky, em Olomouc.

Para algumas universidades da República Tcheca, o processo seletivo costuma incluir uma prova de biologia, química e matemática. Os candidatos que atingem a média seguem para uma entrevista onde são avaliados de acordo com suas motivações e personalidades. Portanto, trata-se de uma seleção mais justa do que se dependesse apenas do exame vestibular.

O processo seletivo mais rigoroso, especificamente para o ingresso na Charles University, exige dos candidatos internacionais um diploma de bacharelado em uma universidade reconhecida; ou o International Baccalaureate (IB), também conhecido como Bacharelado Internacional; ou o três A-Levels; ou o programa de pre-medical (pre-med) oficial de um ano para admissão em medicina. Todas essas qualificações educacionais são familiares entre os estudantes interessados em cursar a faculdade no exterior.

Prefeitura de Peritoró inicia programa Água Para Todos no bairro 36

A Prefeitura de Peritoró fez o lançamento do programa água para todos, que irá revitalizar o a rede e abastecimento de água do município. O programa foi lançado pelo prefeito Dr. Júnior e autoridades municipais na reinauguração do poço e sistema de abastecimento do Bairro 36. “Hoje estamos fazendo o lançamento oficial do programa do município Água Para Todos. Fizemos questão de iniciar pelo bairro 36, onde recuperamos e reabrimos o poço. Agora, os moradores terão água de qualidade. Este é o primeiro avanço que iremos trazer para o bairro”, afirmou o prefeito Dr. Júnior.

Na ocasião, o prefeito também anunciou o projeto do chafariz de abastecimento, em uma área coberta para a coleta de água e com a devida manutenção para garantir água de qualidade a todos. Dr. Júnior também anunciou a conversa com o deputado Márcio Jerry, que lhe garantiu a colocação do calçamento no bairro 36.

Programa Municipal Água Para Todos

A Prefeitura de Peritoró, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura, avança nos trabalhos de recuperação total da rede de abastecimento de água do município. Após muitos anos de abandono e descaso da gestão passada, o programa visa realizar os serviços de limpeza e manutenção adequados para melhorar a vazão e a qualidade do fornecimento de água para a toda população.

“Assim como estamos fazendo em todas as áreas, estamos corrigindo e recuperando o que foi deixado sem manutenção por anos seguidos. Sabemos da importância de restaurar todos os serviços básicos e oferecer ao cidadão de Peritoró dignidade e qualidade de vida. Água é vida e saúde, e no que diz respeito ao abastecimento, iniciamos os trabalhos para recuperação, limpeza e manutenção da nossa rede, serviço tão essencial para população e um direito de todo cidadão”, disse o prefeito Dr. Júnior.

Asscom – PMP

Aspirantes da Policia Militar são recepcionados pelo Cmt do 17º BPM Ten Cel PM J Alves

Na manhã desta segunda-feira (28/06), no Quartel do 17º BPM, aconteceu a recepção aos Aspirantes a Oficiais da Academia da Polícia Militar do Maranhão, designados para atuarem no período de seis meses.
A recepção foi presidida pelo Cmt do 17º BPM Ten Cel PM J Alves e contou com a presença dos oficiais e praças do 17° BPM.

Na ocasião foi dada as boas-vindas e apresentados, aos aspirantes a oficiais, as peculiaridades da Área de abrangência do 17°BPM, os Municípios que a compõem, os dados estatísticos, externando a satisfação em recebê-los.

O Aspirantado, como se diz no militarismo compreende na etapa final do pré oficialato e tem duração de seis meses, após esta fase, estarão os aspirantes aptos a assumirem o primeiro posto de Oficiais QOPM da Polícia Militar que é de 2° TENENTE QOPM.
Portanto, sejam bem vindos e que as missões dadas, sejam cumpridas para a melhor prestação de serviço à sociedade maranhense.

Conheça os passatempos favoritos de esportistas famosos

Os esportistas mais conhecidos do mundo atraíram a atenção dos holofotes por um alto desempenho nas quadras, piscinas e mesas do planeta. Muitos deles contam com hobbies igualmente surpreendentes e aqui será possível conhecer alguns deles.

Alguns esportistas surpreendem e gostam de se divertir com passatempos “nerds”

A princípio a combinação pode parecer inesperada, mas existe um número significativo de estrelas do esporte que gostam de coisas consideradas “nerds” e contam com passatempos relacionados à cultura pop.

Maior medalhista de todos os tempos na natação, não é surpresa que Michael Phelps seja apaixonado pela internacionalmente famosa franquia de games de tiro em primeira pessoa Call of Duty.

O jogo demanda um alto nível de concentração e as partidas podem ser muito intensas, de forma que o atleta inclusive já recebeu diversas críticas da imprensa em relação ao grande número de horas dedicadas a esse hobby.

Entretanto, os julgamentos se mostraram infundados e na realidade parece que o foco dispendido no game o ajudou a alcançar os diversos recordes e número de medalhas sem precedentes na natação.

Outro esportista famoso que não esconde a predileção por um passatempo nerd é o craque Ricardo Lucarelli de Souza. Apaixonado desde sempre pelo clássico dos animes Cavaleiros do Zodíaco, o campeão olímpico de vôlei conta com diversos adereços e roupas dessa e outras séries como Game of Thrones.

Inclusive, Lucarelli é tão fã da cultura nerd de maneira geral que já fez uma aparição espontânea na edição de 2019 da Game XP, uma mistura única de feira de games e parque de diversões.

Vale mencionar ainda que, junto da abertura de empresas e novos negócios, o segmento nerd e cultura pop é um dos que mais cresce no Brasil e cada vez mais craques devem aderir a hobbies relacionados a esse universo.

Muitos atletas são fãs de jogos de cassinos

Conhecido por ser um dos maiores jogadores de basquete da história e um dos principais analistas do programa “Inside the NBA” da TNT, Charles Wade Barkley também é um grande fã dos variados jogos de cassino.

Nascido e criado no Alabama, o atleta conquistou o público com atuações brilhantes tanto nas equipes Houston Rockets e San Antonio Suns quanto nos Dream Teams dos anos 90.

Barkley é um grande fã de blackjack, modalidade mais matemática e estratégica do universo dos cassinos, e é um dos clientes regulares em diversos estabelecimentos espalhados pelos Estados Unidos – locais onde passa noites jogando e vencendo.

Outro craque do basquete que é apaixonado por jogos desse tipo é Michael Jordan e durante sua pausa no esporte das quadras o atleta costumava ser visto aproveitando as noites em Atlantic City.

Diferente de Barkley, Jordan não tem uma preferência específica por uma única modalidade e pratica todo tipo de jogo durante horas. Inclusive, amigos próximos do astro revelaram que ele adora apostar alto e já chegou a gastar mais de 165 mil dólares em uma única noite.

Estrelas do esporte também têm a leitura como passatempo favorito

Além de passatempos nerds e jogos de cassino, outro tipo de hobby que conquistou diversos atletas é a leitura. Um dos principais é o jogador de futebol Francisco Geraldes da equipe Rio Ave, que já compartilhou sua predileção pelos livros várias vezes com o público.

Nascido e criado em Portugal, Alves é um dos craques em maior evidência no futebol do país. Seu hobby foi descoberto originalmente em 2017 quando foi fotografado lendo um livro enquanto voltava para casa após uma partida. Desde então, ele tem compartilhado suas leituras de forma esporádica.

Inclusive, o amor do jogador pela literatura deu um passo adiante no começo de 2021 quando ele começou um clube do livro no site do Rio Ave para promover a leitura entre os fãs do esporte e conversar de forma mais direta e abrangentes sobre seus autores e obras favoritos.

Muitos outros esportistas e passatempos

Os nomes mencionados acima são apenas alguns dos grandes esportistas e seus hobbies. Existem muitos outros que poderiam ser citados, com destaque para Galvão Bueno e Tadeu Schmidt, que adoram jogar golfe, assim como o tenista Joh Isner, que é fã de wrestling.