Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Prefeitura e SEBRAE inauguram Sala do Empreendedor em Peritoró

A Prefeitura de Peritoró, em parceria com o SEBRAE, inaugurou nesta quarta-feira (15) a Sala do Empreendedor. Participaram da solenidade de inauguração o prefeito Dr. Júnior, o gerente regional do SEBRAE, Adalberto Fraga, a presidente da Câmara, vereadora Dona Lourdes, secretários de governo, vereadores, entre outras autoridades.

A Sala do Empreendedor tem como objetivo o atendimento facilitado aos processos de abertura de empresas, regularização e baixa, bem como serviços exclusivos aos Microempreendedores Individuais (MEI), disponibilizando informações e orientações, de forma simples e facilitada, sobre gestão de micro e pequenas empresas.

“Estamos prestigiando a inauguração da Sala do Empreendedor em Peritoró. Uma iniciativa da Prefeitura Municipal, que entende a importância de apoiar, cada vez mais, os pequenos negócios, por meio deste especo. Portanto, aproveito a oportunidade para parabenizar a iniciativa da prefeitura, que a partir de agora, tem o foco voltado para implementar políticas públicas que irão promover o crescimento e fortalecimento dos pequenos negócios em Peritoró”, destacou o gerente regional do SEBRAE, Adalberto Fraga.

“É um passo muito importante para o crescimento e desenvolvimento do município. Quero parabenizar o nosso secretário de agricultura, Sandro Montenegro, toda equipe da prefeitura de Peritoró pelo trabalho e parabenizar o prefeito Dr. Júnior, que é incansável nas ações para o município. Sucesso a todos os nossos empreendedores”, declarou a presidente da Câmara Municipal, vereadora Dona Lourdes.

Dentre os serviços ofertados na Sala do Empreendedor estarão Informações e orientações do Sebrae sobre:Planejamento de um novo negócio; Formalização para MEI; Alteração, declaração anual, impressão de boleto e baixa para MEI; Gerenciamento de empresa; Como vender para órgãos públicos, entre outros serviços.

“Hoje montamos e abrimos a nossa Sala do Empreendedor peritoroense. Uma grande parceria formada com SEBRAE, que traz o Banco do Nordeste do Brasil, e onde iremos poder capacitar, treinar e dar oportunidade e gerenciar os empreendedores, para que os nosso pequenos produtores, micro empresários e nossos vendedores ambulantes saiam da informalidade. Peritoró irá receber cinquenta carrinhos do programa Mais Renda, e essas pessoas serão capacitadas pelo Governo do Estado, mas terão a Sala do Empreendedor para poder se desenvolver”, concluiu o prefeito Dr. Júnior.

Asscom – PMP

Prefeita abre mão do próprio salário para custear auxílio de famílias de baixa renda

A prefeita Auxiliadora Fechine, de Barreira, no norte cearense, anunciou que abriu mão de seu salário para custear um programa de transferência de renda voltado para a população mais vulnerável da cidade, que tem cerca de 20 mil habitantes. Prefeita abre mão do próprio salário.

Em parceria com a Câmara de Vereadores, foi criado o projeto “Barreira sem Fome”, que vai ajudar 100 famílias de Barreira com um vale-alimentação de R$ 100 mensais até o fim de 2024, quando termina o mandato da prefeita.

A Prefeitura explicou que as famílias devem receber a primeira parcela do benefício ainda neste mês de setembro. A intenção da prefeita é que haja um rodízio entre os beneficiários.

“Essas famílias serão acompanhadas mensalmente e o objetivo é que, em seis meses, já tenham condição de se sustentar. Aí, novas famílias são beneficiadas“, disse Auxiliadora, que é médica especializada em dermatologia.

Um acompanhamento mensal também vai possibilitar outros tipos de ajuda aos beneficiários. “Não é só doar o alimento. O objetivo é dar dignidade para que essa família possa (por exemplo) ser inserida no mercado de trabalho, ressaltou.

Doação do Salário

A prefeita cearense também é professora concursada da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab).

No ano passado, ela foi eleita com pouco mais de 52% dos votos, em primeiro turno. Na época, decidiu ficar apenas com o salário de professora.

“Achei melhor optar pelo salário de professora, porque assim liberava o salário como prefeita”, explica. Aproveitando a oportunidade, Auxiliadora decidiu enviar um projeto de lei para a Câmara Municipal de Barreira redirecionando o salário como chefe de Executivo – de R$ 10 mil – para a criação do programa “Barreira Sem Fome”.

Seu principal objetivo, ela explica, é reverter esse dinheiro para a compra de cestas básicas. “Mas queríamos que esse recurso circulasse dentro do município”, completa.

Assim, o programa aprovado na Câmara irá distribuir cartões de vale-compras para as famílias, que poderão ser gastos na compra de itens de alimentação nos estabelecimentos cadastrados pela Prefeitura.

Dezenas de famílias pré-selecionadas para receber o benefício estão em fase de entrega de documentação, mas devem receber os cartões até o final deste mês.

Dois acidentes com ônibus deixa mortos e feridos no Maranhão

Dois acidentes envolvendo ônibus foi registrado na madrugada desta quinta-feira (16/09) no Maranhão. Em um dos acidentes foi registrado pelo menos três óbitos até o momento, além de feridos.

O primeiro acidente envolvendo um ônibus que seguia de Imperatriz para Timon, aconteceu na BR-316 próximo ao município de Peritoró. Três mortes foram registradas e 8 feridos. A principal causa segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) pode ter sido sono ao volante, já que o ônibus tombou em uma reta.

O segundo acidente foi registrado em Bom Jesus das Selvas na BR-222. O ônibus seguia de São Luís com destino Imperatriz.

Em nota, a empresa Açailândia Transportes confirmou que no ônibus haviam 30 passageiros e dois motoristas. Também foi confirmado 4 óbitos. (Atualização as 11:19)

Vulcão capaz de gerar tsunami no litoral do Brasil entra em alerta amarelo

Um vulcão localizado na ilha La Palma, na costa do continente africano, pode provocar um tsunami capaz de atingir todas as Américas, com o Norte e Nordesde do Brasil regiões de maior impacto. A informação de alerta amarelo foi dada pelo portal MetSul Meteorologia.

O Plano Especial de Proteção Civil e Atenção às Emergências de Risco Vulcânico das Ilhas Canárias (Pevolca) elevou o nível de alerta de verde para amarelo. Quando acionado, a população deve se prevenir e ficar atenta as mudanças. Além disso, a atividade vulcânica e sísmica passa a ser monitorada intensamente.

O vulcão batizado de Cumbre Vieja, está adormecido há décadas e começou a dar sinais de atividade moderada nos últimos dias. O Instituto Vulcanológico das Ilhas Canárias, Involcán, descreveu o movimento como “uma mudança significativa” no vulcão, ligada ao fenômeno conhecido como intrusão magmática, um processo que ocorre dentro da crosta terrestre em que o magma se aproxima da superfície.

Segundo a meteorologia, somente em caso de grande erupção, um tsunami afetaria todas as áreas costeiras banhadas pelo Oceano Atlântico, o que inclui todo o litoral do Brasil, do Rio Grande do Sul ao Amapá. Por isso, pesquisadores estão sempre alerta no vulcão de Las Palmas.

“Toda a população costeira deve ser conscientizada, em especial do Norte e Nordeste do Brasil, pois seriam os principais afetados, e assim evitaríamos danos pessoais. Estudos mais recentes dizem que as chances de ocorrência são remotas e longínquas, no entanto, o estabelecimento de sistemas de alarme que possibilitam a evacuação de áreas é justificável quando se trata de vidas humanas”, explicou o geólogo Mauro Gustavo Reese Filho ao MetSul.

Um pesquisador do Instituto de Ciências do Mar da UFC (Universidade Federal do Ceará), Carlos Teixeira, disse ao UOL que o vulcão pode vir a ter uma erupção e que a possibilidade de Tsunami é mínima,”mas é uma possibilidade”.

Carlos Teixeira diz afirmou que não é preciso se preocupar no momento. “Se essa possibilidade de erupção ocorrer, não significa que vai ser explosiva; se for, não quer dizer que vai chegar aqui com ondas de oito, dez metros; pode chegar aqui bem menor”, explica.

Segundo o site Metsul, a região de La Palma enfrenta um aumento relevante nos movimentos sísmicos desde sábado, “Sua intensidade aumentou com abalos que tiveram magnitude superior a 3. A profundidade dos epicentros também diminuiu, em média, de 30 para 12 quilômetros. Só ontem foram mais de 100 tremores e um teve profundidade de apenas 4 quilômetros”, informa.

Igreja Evangélica cria Mercado Solidário para famílias em situação de vulnerabilidade em Rio Preto

“Pois eu tive fome, e vocês me deram de comer”. A passagem bíblica inspira cristãos a ajudar com alimentos aqueles que passam por situação de vulnerabilidade social. Mas a Comunidade Cristã Cabana Church, de Rio Preto, decidiu ir além. Em vez de entregar alimentos em cestas montadas previamente, idealizou um projeto para resgatar a experiência das compras. Pode parecer um gesto simples, mas entrar no local e escolher os produtos que vai levar para casa, além de alimentar o corpo, traz dignidade às famílias que necessitam de doações.

O projeto é uma nova fase do programa social da igreja, que funciona há 3 anos e entregava, mensalmente, cestas básicas para 60 famílias cadastradas. O Mercado Solidário, como o espaço foi nomeado pela Comunidade, simula a aparência e operação de um mercado real. Nas prateleiras, estão localizados variados produtos alimentícios, de limpeza e de higiene pessoal, para que os “clientes” possam escolher os que mais necessitam ou o que querem, já que as tradicionais cestas básicas não possuem alguns tipos de produtos.

“Nasceu o desejo no nosso coração de, em vez de entregar uma cesta básica, proporcionar às pessoas um momento em que elas possam escolher o que elas realmente precisam ou o que eles querem e não têm condições de comprar em um mercado comum, porque a alimentação vai além do arroz e do feijão. Essas famílias também têm vontade de comer um danone, por exemplo”, explica a pastora Jeiza Pontes, idealizadora do projeto.

A experiência de compras no mercado não se limita à escolha dos produtos no carrinho. Ao final da compra, as famílias também passam no caixa e pagam, de maneira simbólica, pelo que vão levar. O pagamento é feito com os dracmas, moeda previamente entregue pela instituição. “As famílias recebem dracmas, que é um dinheiro fictício, com nome da moeda da bíblia. Trouxemos essa questão do dinheiro como forma de virar uma chave nas famílias. É um resgate de honra, de dignidade, de poder dizer que foram eles que pagaram por esses produtos”, diz. A pastora relata que cada família recebe uma quantidade de dracmas de acordo com a quantidade de pessoas que existe na casa, mas que, em média, são 300 moedas.

Adrieli Roberta Ignácio Yamamoto, de 30 anos, que já era beneficiada pelas cestas básicas antes de ser inaugurado o Mercado Solidário, ficou muito animada com o projeto. Ela, o marido e seus quatro filhos, de 12, 7, 6 anos e um de 9 meses, foram os primeiros a comprar no mercado. “Fui muito bem recebida. Gostei pela forma de ter opções, porque, às vezes, precisamos de algo a mais do que vem na cesta, principalmente quem tem filhos. O mercado proporciona isso, porque eu pude pegar o arroz e o feijão, que são essenciais, mas também pude pegar um leite, um sabonete, uma pasta de dente e uma fralda, que também são itens que fazem parte do dia-a-dia”, diz.

Assim como o projeto que entregava as cestas básicas, o Mercado Solidário funciona a partir de doações feitas para a igreja. Quem tiver interesse em doar pode entrar em contato com o departamento social da instutição pelo telefone (17) 99251-9669. Quem deseja se inscrever para ser beneficiário pelo projeto também pode entrar em contato neste mesmo número ou ir pessoalmente até a igreja, localizada na BR-153, quilômetro 53.

Transporte

Pensando no bem-estar das famílias e nas condições financeiras delas, a igreja disponibilizou um ônibus para buscá-las e levá-las até o mercado. “Nós pensamos: como as famílias, que estão precisando de ajudar para comer vão ter o dinheiro para o combustível? Porque a gasolina está muito cara. Então, disponibilizamos um ônibus, que ganhamos recentemente, para buscá-las em casa nos dias de compra”, diz a pastora Jeiza.

(Colaborou Júlia de Britto)

O bispo Alex Pontes e a pastora Jeiza Pontes, idealizadores do projeto (Divulgação)
O bispo Alex Pontes e a pastora Jeiza Pontes, idealizadores do projeto (Divulgação)
CABANA CHURCH
RIO PRETO
MERCADO SOLIDÁRIO
SOLIDARIEDADE
DOAÇÃO
ALIMENTOS
IGREJA

Com ação para caminhoneiros, é lançada a Semana Nacional de Trânsito no Maranhão

Caminhoneiros que trafegaram nesta quinta-feira,16, pela BR-135, em São Luís, foram alvos de uma ação de sensibilização por um trânsito mais seguro nas estradas e tiveram acesso a serviços de saúde. Atividade foi alusiva ao Dia Nacional do Caminhoneiro (16 de setembro) e marcou também o lançamento da Semana Nacional de Trânsito 2021 no Maranhão. A realização foi do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar e Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPRV), com apoio de vários parceiros.

A mobilização ocorreu pela manhã no Posto da PRF, em Pedrinhas, onde os caminhoneiros tiveram acesso a serviços, como conscientização e distribuição de material informativo com dicas de como dirigir com segurança nas estradas, aferição de pressão arterial, vacinação contra a Covid-19 e H1N1; teste de Covid-19, orientação nutricional e distribuição de preservativos e de material informativo sobre prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs/Aids).

Presente ao evento, o diretor-geral do Detran-MA, Francisco Nagib, destacou que os caminhoneiros são uma importante categoria profissional para a economia nacional e precisam de uma atenção especial. “Neste dia em que se comemora o Dia Nacional do Caminhoneiro, trouxemos esta ação para homenagear esses profissionais e oferecer a eles um pouco de cuidado, pois vivem nas estradas e nem sempre têm tempo de cuidar da saúde. Aproveitamos também para alertá-los que a segurança é essencial nas estradas e sobre a responsabilidade de cada um para que tenhamos um trânsito mais seguro, sem acidentes e com mais vidas salvas, Ao mesmo tempo, oferecemos serviços para que também cuidem um pouco da saúde, pois estar bem física e emocionalmente também é uma condição de segurança no trânsito”, afirmou o gestor.

O chefe da Delegacia da PRF em Pedrinhas, Francinácio Medeiros, disse que a corporação atua diariamente para a redução do número de acidentes nas estradas, mas cada condutor precisa contribuir para este objetivo, seguindo as normas de trânsito. “Todos têm que cumprir seu papel. E hoje estamos aqui para conscientizar os caminhoneiros, importantes usuários das estradas, para a importância de um trânsito seguro para todos e também oferecendo a oportunidade de também cuidarem um pouco da saúde”, disse o inspetor.

Os caminhoneiros aprovaram a ação. Romário Cícero da Silva, 27 anos, que transportava cargas do Piauí para São Luís, deu uma paradinha para aproveitar os serviços oferecidos pelos órgãos e já tomou a primeira dose da vacina contra a Covid-19. “A gente vive na estrada e fica sem tempo para outras coisas. Achei muito interessante esta ação, pois nos dá oportunidade de ter acesso a serviços de saúde, ainda que de forma rápida. Há meses queria me vacinar e não conseguia ter um tempo. Hoje, achei a oportunidade aqui e agradeço muito por isso, pois rodo muito e tenho que estar protegido”, disse o caminhoneiro.

Participaram também da mobilização, a coordenadora de Educação para o Trânsito do Detran-MA, Rositânia de Farias; o diretor Operacional do Detran-MA, David Ximenes; e representantes da Polícia Militar.

Foram parceiros da homenagem aos caminhoneiros, a Secretaria Municipal de Saúde de São Luís (Semus), SOS Vida, Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Estado (HTO), Superintendência de Saúde no Trânsito da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

A Semana Nacional de Trânsito vai de 18 a 25 de setembro e neste ano tem como tema “No Trânsito, sua Responsabilidade Salva Vidas”. O Detran-MA e parceiros estão realizando uma série de ações durante todo o mês, como palestras em escolas.