Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Restaurante Santa Luzia 🍽 🍛Aqui você come bem e barato com o mais alto padrão de qualidade e higiene

*Cardápio* *de* *hoje* :14/05/2021
🧀🍲🍖🍗🍴🍝🍛🍜🍽
* Assado de panela
* Bife acebolado
* Frango frito
* Peixe frito
* Galinha caipira
* Fígado ao molho
* Porco ao forno
* Bode ao leite de coco
* Torta de sardinha
* Lasanha de carne

✅ Arroz branco , Arroz de cenoura , farofa , feijão , macarrão.

✅Saladas
* Repolho c/cenoura
* Alface c/tomate
* Maionese
* pepino
* Cuxa
* Macaxeira frito

Apenas R$ 14,00 reais 💵
Fazemos entrega a domicílio 🛵
(Taxa apenas para os residenciais e outros locais distantes)

📌 Estamos localizados na travessa Colatino Borborema número 56 Centro
Whatsapp 📲 981267087

🛣 Codó-MA

Suspeito de assassinato é preso após ir à delegacia prestar depoimento alegando inocência

A Polícia Civil, através da DHPP Caxias MA com apoio da DENARC, elucidou mais um crime de homicídio.

Nas primeiras horas da manhã da quarta feira (12/05/21), em via pública do bairro Antenor Viana, foi encontrado o cadáver de Cássio da Silva Trindade, conhecido por Sassá, de 32 anos de idade. A vítima tinha perfurações no corpo causadas por arma de fogo.

A equipe integrada DHPP/ DENARC iniciou diligências, chegando ao nome de um suspeito, que passou a ser procurado. Na manhã desta quinta-feira (13/05), o suspeito, que soube que a polícia o procurava, foi até a delegacia prestar depoimento, apresentando a versão de que é inocente.

No entanto, segundo a Polícia Civil, diante das provas que havia sido colhidas ao longo do dia, o homem de 45 anos teria confessado ser o autor do crime. A equipe ainda apreendeu a arma que o suspeito teria usado no crime, um revólver de fabricação artesanal calibre 22.

Fonte: guanaré

Uma análise da pesquisa Datafolha, por Coronel Siqueira

Ontem, para surpresa de todos, o Brasil tomou conhecimento da última pesquisa presidencial. É claro que nós, bolsonaristas, não precisamos desse tipo de ferramenta e muito menos acreditamos nos resultados quando estes não nos interessam, mas não deixa de ser curioso ver o que os números revelam. É claro que são pesquisas com muito pouco valor estatístico, cujos resultados obviamente diferem muito das pesquisas sérias que eu costumo fazer nos meus grupos de zap (“Cristãos pela tortura”, “Ditadura Bolsonarista”, etc).

Dito isso, deixemos de prolegômenos e vamos aos dados:

1. Lula – 41%

Fake news. Tenho provas (recebi pelo zap – grupo “Eu odeio o PT”) de que ele vendeu uma das Ferraris de ouro do filho para aparecer com esta porcentagem na pesquisa. Qualquer criança sabe que Lula jamais, em momento algum da história, se elegeria presidente do Brasil.

Não tem absolutamente nenhuma chance de vitória. Se por acaso tiver, a gente chama o Palocci e ele conta uma história qualquer, tipo que o Lula queimou uma igreja num ritual satânico. Se isso falhar, a gente importa o Moro de volta pra ele prender o Lula de novo. Aquela história dos pedalinhos ainda está muito mal contada!

2. Bolsonaro – 23%

Outro dado falso. O correto é 230%, incluindo os robôs e os falecidos que vão votar em 2022 no mito. É oficialmente considerado o presidente mais honesto do mundo (fonte: grupo de zap “Bolsonaro 2022”), e o eleitor brasileiro certamente saberá valorizar isso nas urnas. Não conheço um eleitor do Bolsonaro que esteja arrependido. Pelo contrário, já iniciamos a campanha para 2022. É o melhor presidente de todos os tempos!

3. Sérgio Moro – 7%

O ex-juiz (parcial), ex-ministro, ex-herói nacional e amante da música de Edite Piá aparece com uma pequena pontuação na pesquisa, enterrando seus sonhos de outrora, quando se via como um candidato imbatível ao Planalto, fortemente resguardado pela grande imprensa. Infelizmente a população parece não ter gostado muito do fato de ele ter ajudado a dizimar a economia brasileira, transformar o Poder Judiciário num circo e destruir milhões de empregos com a Lava Jato. Sua total falta de carisma também é um ponto contra. Sua imensa dificuldade com a língua portuguesa também deve atrapalhar muito nos debates.

Felizmente ele já nem vive no Brasil – já se mudou para os Estados Unidos, o país que mais se beneficiou com sua meteórica carreira de juiz.

4. Ciro Gomes – 6%

Saindo do eterno 12% para o lado errado, o serelepe Ciro Gomes foi mais um que teve um resultado aquém do esperado. Sua estratégia de apontar sua metralhadora giratória para todos os lados infelizmente não se mostrou efetiva, ficando apenas com 6% das intenções de voto. Sua base fiel passa o dia inteiro – tal qual Testemunhas de Jeová – tentando com que você leia o tal Plano Nacional, uma espécie de carta de intenções do candidato.

Caso não consiga o milagre de ganhar o segundo turno sem passar pelo primeiro, sempre há a hipótese de ir para Paris dar uma esfriada na cabeça, caso a Europa já esteja aceitando brasileiros no ano que vem. Se não estiver, outras opções são Pariconha (AL), Parisi (SP) ou Paripiranga (BA).

5. Luciano Huck – 4%

Luciano Huck? Presidente? Como assim? Mas por quê?

E quem são os 4% de brasileiros que acham que ele na Presidência realmente seria uma boa ideia? Onde moram? O que comem? Como se reproduzem?

A única explicação: loucura, loucura, loucura.

6. João Doria – 3%

João Doria, o poodle humano, é o rei do marketing. Foi o maior apoiador do Bolsonaro quando isso era considerado cool e atualmente é o seu maior crítico, porque as modas vêm e vão, e Doria tenta surfar nelas do jeito que pode.

Considerando a quantidade de propaganda investida, o resultado é um grande fracasso. Doria fala muito e faz muito pouco. Falou que ia vacinar o brasil e não vacinou. Falou que ia acelerar e não acelerou. Como não conseguiu colar em si mesmo a estampa do “pai da vacina”, deve desistir de tentar a Presidência e tentar a reeleição para o governo de São Paulo, estado que elegeria até Lúcifer ou um serial killer assumido caso fossem filiados ao PSDB, num caso de Síndrome de Estocolmo coletiva que intriga toda a ciência mundial.

7. Mandetta – 2%

Mais uma tentativa desesperada dos Frenteamplers para inventar um nome viável para a “terceira via” – e provavelmente mais um grande fracasso.

Ex-ministro da Saúde do atual governo, Mandetta tentou acabar com o Mais Médicos, desmontar o SUS e apoiar incondicionalmente Bolsonaro, mas curiosamente ficou famoso por apoiar o Mais Médicos, defender o SUS e ser contra Bolsonaro, numa incrível estratégia de rebranding apoiada por toda a grande imprensa.

Se o Brasil fosse composto apenas por jornalistas de direita, Mandetta já estaria eleito. Como não é, tem pífios 2% das intenções de votos.

8. João Amoêdo – 2%

Grande defensor da meritocracia, Amoêdo parece não ter se esforçado o suficiente para conquistar seus sonhos – basta ver seu pequeno resultado nas pesquisas.

No entanto, se ele trabalhar 50 vezes mais pode vencer a eleição com 100%. Depende apenas dele!

Trabalhe enquanto eles dormem, faça campanha enquanto eles almoçam, grave programa enquanto eles tomam banho! Acredite em si mesmo e mude seu mindset, Amoêdo! Não dependa dos outros, sua vitória está dentro de você!

9. Brancos – 9%

Apenas 9% dos brasileiros afirmam que vão votar em branco, o que demonstra uma grande chaga da ditadura do politicamente correto no brasil: a brancofobia, uma questão urgente que deve ser debatida o mais rápido possível, ao lado da heterofobia, da cristofobia e do movimento “Vidas Ricas Importam”.

10. Não sabem – 4%

Indecisos compulsivos? Librianos? Ou apenas pessoas exercendo o seu direito de não saber de nada? Como já dizia Winston Churchill, “só sei que nada sei”.

 

Conclusão:

Os resultados são claros: diante do magnânimo governo e da figura carismática e brincalhona de Jair Bolsonaro, os dados mostram claramente que ele será reeleito em 2022, abrindo uma nova era de prosperidade e alegria para toda a nação, cristalizando o antigo polemista do Superpop no maior estadista de toda a história mundial.

É claro que há pequenos detalhes negativos em seu governo: quase meio milhão de mortos por Covid, a negativa da compra das vacinas, a economia no subsolo, recorde de desemprego etc., mas nada disso conta perto do que é realmente importante para o cidadão brasileiro: as lutas contra o comunismo, contra o método Paulo Freire e contra a obrigatoriedade da mudança de sexo para bebês de colo!

Fonte: Carta Capital

COVID-19: Prefeitura de Codó deixa de divulgar boletins epidemiológicos

Ultimo Boletim divulgado pela prefeitura de Codó

A Prefeitura de Codó parou de  divulgar o número diário de numeros de infectados e mortes pela COVID-19,

Desde o dia 30 de abril, os boletins epidemiológicos divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde de Codó, omitem essa informação, que era repassada à população desde o início da pandemia do novo coronavírus.

 

Anvisa autoriza testes clínicos de fase 3 da Covaxin

A Anvisa aprovou nesta quinta-feira (13/5) o ensaio clínico da vacina Covaxin, produzida pelo laboratório indiano Bharat Biotech. A solicitação foi feita pela Precisa Medicamentos e os testes serão coordenados pelo Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEP) e contemplarão as cidades já confirmadas de São Paulo; São José do Rio Preto e Campinas (ambas no interior paulista); Rio de Janeiro (RJ); e Campo Grande (MS). O estudo prevê a aplicação de duas doses, com 28 dias de intervalo. A previsão é de que, no mínimo, 4,5 mil voluntários sejam incluídos no Brasil. O recrutamento será iniciado após a aprovação final pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep). O estudo da vacina também está sendo conduzido na Índia com outros 25,8 mil voluntários, totalizando 30.300 voluntários no estudo global.

O estudo será randomizado, duplo-cego, controlado por placebo e multicêntrico para avaliar a eficácia, a segurança e a imunogenicidade do imunizante contra a COVID-19 em adultos com idade igual ou superior a 18 anos. Para esta autorização, a Anvisa analisou os dados das etapas anteriores de desenvolvimento da vacina, incluindo estudos não clínicos in vitro e em animais, bem como dados clínicos da Fase 2 e 3, e dados preliminares do estudo de Fase 3, já em andamento na Índia. Os resultados obtidos até o momento indicam um perfil de segurança e eficácia satisfatório da vacina candidata.

“O público-alvo no país é composto de voluntários a partir de 18 anos de idade, saudáveis ou mesmo com doenças crônicas estáveis, das mais diversas profissões e que ainda não foram vacinados para a Covid-19”, explica Glaucia Vespa, pesquisadora do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein.

Em abril, a Bharat Biotech anunciou os dados da segunda análise interina da Covaxin, que indicou uma eficácia global de 78% contra casos leves a moderados de Covid-19 e de 100% contra casos graves. Ainda foi observada uma eficácia de 70% contra casos assintomáticos de Covid-19, sugerindo uma capacidade potencial desta vacina de reduzir a propagação comunitária do vírus por pessoas infectadas, mas que não apresentam sintomas, o que é extremamente importante para controle da pandemia e redução da sobrecarga do sistema de saúde e da mortalidade. Além disso, ela mostrou capacidade de neutralização contra a maioria das variantes.

Os resultados fazem parte da segunda análise interina de eficácia divulgados com base na fase 3 de desenvolvimento da vacina, que está sendo testada em 25.800 voluntários na Índia. Foram registrados 127 casos de COVID-19 sintomáticos entre os voluntários, resultando em uma estimativa pontual da eficácia da vacina de 78% contra a COVID-19 leve e moderada e de 100% em casos grave. “A eficácia contra o SARS-CoV-2 foi estabelecida. A Covaxin demonstrou um excelente histórico de segurança em testes clínicos em humanos e em uso em situações de emergência. A Covaxin é, agora, uma vacina inovadora global derivada de P&D na Índia”, disse o presidente e diretor administrativo da Bharat Biotech, Krishna Ella.

A eficácia contra a infecção assintomática por COVID-19 foi de 70%, sugerindo diminuição da transmissão nas pessoas imunizadas com as duas doses da vacina. Krishna Ella explicou que os dados de eficácia contra a Covid-19 grave e infecções assintomáticas são altamente significativos, pois ajudam a reduzir as hospitalizações e a transmissão da doença. Os protocolos para fabricação, teste e liberação de vacinas inativadas foram experimentados, testados e validados em várias vacinas da empresa. Estes também atendem aos requisitos da OMS, bem como de órgãos indianos e de outras autoridades regulatórias.

A Covaxin é usada no combate à SARS-CoV-2 em duas doses, a partir de vírus inativado, e desenvolvida pela Bharat Biotech em colaboração com o Conselho Indiano de Pesquisa Médica (ICMR) e o Instituto Nacional de Virologia (NIV) e apoio da Fundação Bill & Melinda Gates. A vacina é apresentada em frascos multidoses e pode ser armazenada em temperaturas que variam de 2ºC a 8ºC.

Assassinos de lavrador e ambientalista em Zé Doca MA são presos no Pará e Tocantins; eles têm parentesco com a vítima

O lavrador e ambientalista Francisco Sales Costa Sousa foi assassinado a tiros em dezembro de 2019
A Polícia Civil do Maranhão conseguiu localizar e prender nos estados do Tocantins e Pará, na quarta-feira (12/05) e nesta quinta-feira (13/05), dois homens suspeitos de serem autores de um homicídio ocorrido dezembro de 2019, na localidade Centro do Totô, no município de Zé Doca.

A vítima foi o lavrador Francisco Sales Costa Sousa, de 60 anos, liderança comunitária e ambientalista com atuação destacada na região, que foi candidato a deputado pelo PSOL em 2018. Ele foi morto a tiros.

Após as investigações apontarem os suspeitos, o Departamento de Feminicídio, responsável pelo caso, representou pelas prisões temporárias e buscas e apreensões.

Na tarde da última quarta-feira (12/05), uma equipe da Superintendência de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP-MA) e da Polícia do Tocantins fizeram a prisão de um dos envolvidos na zona rural de Formosa do Araguaia, em Tocantins.

Já nesta quinta-feira(13/05), outra equipe da SHPP-MA e a Polícia Civil paraense conseguiram prender, em Belém/PA, o segundo envolvido no crime.

Segundo a Polícia Civil do Maranhão, os dois suspeitos têm ligação parental com a vítima e estão sendo interrogados pelas equipes policiais. Inicialmente a motivação do crime seria a desavença sobre imóvel de herança.

O caso segue investigado pelo Departamento/Feminicídio/SHPP/PCMA. Os presos serão levados ao sistema Penitenciário, onde ficarão à disposição da Justiça.

O crime

 

O ambientalista Francisco Sales Costa de Sousa, de 60 anos, foi assassinado, na manhã do dia 18 de dezembro de 2019, em sua residência no povoado Centro do Totô, no município de Zé Doca, a 312 km de São Luís. Ele foi atingido com dois tiros na parte de trás da cabeça. O crime tem características de pistolagem e por encomenda.

Segundo nota do PSOL, Sales vinha recebendo ameaças de morte de políticos locais por sua atuaçao em defesa da preservação da natureza e também por denunciar, nas redes sociais, irregularidades nas administrações municipais de Zé Doca e Araguanã.

Ele estava na linha de frente da defesa de mais de 300 hectares de mata fechada na Floresta Amazônica, conhecida como Mata São Pedro.

Francisco Sales foi candidato a deputado federal nas eleições de 2018 pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), com um discurso simples e convicto de que a base que sustenta este país é a classe trabalhadora e mais especificamente os agricultores rurais.

Toffoli recebeu R$ 3 milhões para alterar voto no TSE, diz revista

De acordo com delação premiada do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), teria recebido R$ 3 milhões para alterar voto e mais de R$ 1 milhão para conceder liminar a dois prefeitos fluminenses que apresentaram recursos ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a cassação dos seus mandatos.

A delação de Cabral foi obtida pela revista Crusoé. No documento, o ex-governador acusa Toffoli de “venda de decisões judiciais”. Foi com base na denúncia de Cabral que o delegado Bernardo Guidali, da Polícia Federal (PF), pediu instauração de inquérito para investigar o ministro do STF.

Em 2015, o TSE rejeitou, por 4 a 3, o recurso do prefeito de Volta Redonda, Antônio Francisco Neto (DEM), contra a cassação do mandato por propaganda irregular em 2012. De acordo com Cabral, Toffoli teria recebido os R$ 3 milhões para reverter a cassação, mudando o voto no julgamento de embargos de declaração que a defesa do democrata ajuizou na Corte como último recurso.

O novo julgamento ocorreu dois meses depois, e o placar foi revertido a favor do prefeito de Volta Redonda, por 4 a 3.

Cabral afirmou que o pagamento foi operacionalizado pela estrutura de recursos ilícitos do então governador Luiz Fernando Pezão, que era coordenada pelo secretário de Obras Hudson Braga.

Em outro caso, o ex-governador disse que a mesma estrutura foi utilizada para pagar R$ 1 milhão ao ministro para concessão de uma liminar para a ex-prefeita de Bom Jesus de Itabapoana Branca Motta, em 2014. O pagamento teria sido feito por meio de uma advogada sócia do escritório de advocacia da esposa de Toffoli, Roberta Rangel.

O ministro do STF nega ter recebido qualquer recurso ilícito.

O pedido da PF para investigação de Toffoli foi enviado ao ministro Edson Fachin, que o encaminhou à Procuradoria-Geral da República (PGR), para emissão de parecer.

Fachin foi quem homologou o acordo fechado com o ex-governador do Rio. A PGR, no entanto, se recusou a assinar a delação e tenta anulá-la. O ministro enviou o pedido de anulação para julgamento no plenário virtual do STF.

Restaurante Santa Luzia 🍽 🍛Aqui você come bem e barato com o mais alto padrão de qualidade e higiene

*Cardápio* *de* *hoje* :13/05/2021
🧀🍲🍖🍗🍴🍝🍛🍜🍽
* Assado de panela
* Bife ao molho
* Frango frito
* Cozidão
* Galinha ao leite de coco
* Filé de frango ao molho
* Porco ao forno
* Bode ao leite de coco
* Torta de bacalhau
* Lasanha de carne

✅ Arroz branco , Arroz de macarrão , farofa , feijão , macarrão.

✅Saladas
* Repolho c/cenoura
* Alface c/couve
* Maionese
* pepino
* Cuxa
* Macaxeira frito

Apenas R$ 14,00 reais 💵
Fazemos entrega a domicílio 🛵
(Taxa apenas para os residenciais e outros locais distantes)

📌 Estamos localizados na travessa Colatino Borborema número 56 Centro
Whatsapp 📲 981267087

🛣 Codó-MA