Codoense e mais três assaltantes são mortos em confronto com a policia em Palmas Tocantins

Após roubo de carro, quatro homens são mortos em confronto com a Rotam em Palmas

A polícia chegou até os quatro suspeitos após o roubo de um veículo na capital. Durante a abordagem, houve troca de tiros e os quatro morreram.

Veículo tomado em assalto em Palmas – Foto: Divulgação/Grupo Tocantins Alerta

Quatro suspeitos de envolvimento com roubo de veículos foram mortos na madrugada desta quarta-feira (12), após um confronto com policiais de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), na rodovia TO-050 saída para Miracema do Tocantins.

Segundo informações preliminares, os suspeitos foram descobertos após tomarem em assalto um veículo Marca VW modelo Polo, placa QKF 5799 da cor branca, na região central da capital. Os criminosos seguiram em fuga pela rodovia TO-050. Diante das informações, equipes da ROTAM realizaram o bloqueio na rodovia, momentos que os criminosos desobedeceram à ordem de parada e furaram o bloqueio sendo acompanhados pelos PMS.

Segundo a PM, os criminosos foram vistos fugindo em direção a uma região de chácaras. Os policiais fizeram o cerco e foram recebidos a tiros. Os policiais revidaram e alvejaram os suspeitos, que foram socorridos ao Hospital Geral de Palmas, vindo a óbito após dar entrada no pronto socorro.

Foram apreendidas em posse dos cidadãos infratores quatro armas de fogo, sendo (01) revólver calibre 32, (01) revólver calibre 38, (01) Pistola 9mm e (01) Pistola calibre 40, esta com brasão da Polícia Civil do Tocantins. Todas as armas possuíam munições deflagradas e intactas.

A perícia acionada para realização dos procedimentos necessários, e posteriormente os veículos envolvidos foram apresentados à autoridade policial. Já os autores, estes não foram identificados por não estarem com documentos de identificação.

A reportagem do Agência Tocantins solicitou informações ao Comando Geral da PMTO, sobre a ocorrência e os nomes dos criminosos mortos em confronto com a Rotam, a assessoria de comunicação informou qie apenas um dos suspeitos portava documento, uma Carteira de Habilitação – CNH que deverá ser analisada pela Polícia Civil

Fonte:Agencia Tocantinense

Polícia Civil de São Luís interroga funcionários da Câmara Municipal de Codó

Viatura estacionada em frente ao prédio da Câmara

Três agentes da Polícia Civil da capital, São Luís, estiveram na tarde desta quarta-feira, 12, no prédio da Câmara Municipal de Codó. por volta das 16h nós estivemos, pessoalmente, tentando ouvir pessoas a respeito no local.

O prédio estava em total silêncio, enquanto os policiais estavam num dos gabinetes interrogando uma funcionária da Casa.

Um dos agentes

Pelo pouco que sai pelos corredores uma vez que o tom dos policiais ao perguntarem era alto, apesar de brando, as questões diziam respeito a licitações realizadas entre 2008/2009.

Questionava-se uma funcionária, em depoimento, sobre qual era o papel dela nestas licitações.

Fora do gabinete quem me recebeu foi o atual diretor da Câmara, Jean, que pouco revelou. Disse apenas que Expedito Carneiro, o presidente, havia acabado de sair. Não disse que fora interrogado também.

Em seguida também fui abordado pelo advogado Clélio Guerra. Sobre o que estariam os policiais fazendo na Câmara de Codó disse que a denúncia que Leonel Filho, Domingos Reis e companhia fizeram contra Expedito, em episódio político recente que almeja derrubá-lo da presidência , acabou desencadeando uma série de investigações contra vários ex-presidentes, citando ele a partir de Antonio Zaidan, passando por Chiquinho do Saae e outros.

Quanto a Expedito, se ele também estaria sendo alvo desta investigação,  nada disse o advogado.

Por volta das 16h50 os policiais retornaram a São Luís.

Por Acelio Trinfade

Pastor Cavalcante tem contas aprovadas por unanimidade no pleno do TRE e será diplomado nesta sexta-feira

Foram aprovadas nessa terça-feira (11), pelo Tribunal Regional Eleitoral, por unanimidade, as contas de campanha do recém-eleito Deputado Estadual pelo Maranhão, pastor José Alves Cavalcante. Com a aprovação o mesmo está apto, pela Justiça Eleitoral, para assumir o mandado no dia 1º de fevereiro de 2019.

O relator da ação foi o juiz Eduardo José Leal Moreira, que em seu relatório não vislumbrou qualquer ilegalidade nas contas prestadas à Justiça Eleitoral pelo candidato. Sob a presidência do Excelentíssimo Desembargador Tyrone José Silva, acordaram os membros do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, por unanimidade, aprovar a prestação de contas, nos termos do voto do Juiz Relator.

Em conversa com o Dr. Silvio Vieira, advogado e assessor do deputado estadual, “tudo já está pronto para a diplomação do pastor Cavalcante. A cerimônia acontecerá no dia 18 de dezembro, terça-feira, às 16 horas, no Centro de Convenções Governador Pedro Neiva de Santana, na capital do Estado”.

O pasto Cavalcante é o líder maior das Assembleias de Deus no Estado do Maranhão e presidente da Assembleia de Deus de Açailândia, e, na última eleição, disputou uma das vagas para a Assembleia Legislativa do Estado pelo PROS – Partido Republicano da Ordem Social, e obteve 29.366 votos, conquistando 01 das 42 cadeiras da Assembleia Legislativa para a legislatura 2019-2022.

Em Codó Homem é preso por porte ilegal de arma de fogo e veiculo roubado

A equipe do ESQUADRÃO ÁGUIA, com o apoio da equipe FT, efetuou a prisão de um casal que estava de posse de uma arma de fogo, e uma motocicleta com registro de roubo/futro.

A prisão aconteceu durante rondas de rotina realizada pela equipe nas ruas do bairro, quando avistaram um casal em uma motocicleta com uma bolsa, onde aparentava ter uma arma de fogo longa. Após uma averiguação na bolsa, foi encontrada uma arma de fogo tipo espingarda calibre 36, juntamente com chumbo, pólvora, 02 espoletas e uma pequena quantidade de bucha, material utilizado para municiar espingardas.

Após consulta ao chassi do veiculo utilizado pelo casal, constatou-se que apresentava registro de roubo/furto. Questionada sobre a origem da motocicleta, Neuza informou que o veículo foi roubado, mas havia sido recuperado. A conduzida não apresentou nenhuma documentação referente ao veiculo e nenhuma documentação pessoal.

Diante da situação ambos foram conduzidos para a 4° delegacia de policia para que sejam tomadas as providências necessárias.

*ASSCOM 17° BPM*

PM de Codó prende homem com arma de fogo e veiculo roubado

A equipe do ESQUADRÃO ÁGUIA efetuou a prisão de um homem, identificado como sendo João Batista Desidério, 28 anos, morador da Rua Vila Nova, 1241, Codó Novo. Ele estava de posse de uma arma de fogo no bairro Codó Novo.

A prisão aconteceu durante rondas de rotina realizada pela equipe nas ruas do bairro, quando avistaram um individuo em atitude suspeita que ao perceber a aproximação da equipe de policiais, tentou empreender fuga em direção a um terreno baldio e tentando livrar-se da arma, acabou arremessando para dentro de um quintal. No entanto o individuo foi contido pelos policiais e após alguns minutos de busca, a arma foi localizada.

Segundo o conduzido, a arma era para sua própria segurança, pois alega ter vários inimigos. Diante da situação o conduzido foi apresentado na 4° delegacia de policia para que sejam tomadas as providências necessárias

Material Apreendido
01 revolver calibre 38 com 05 munições
Uma quantia de $ 1500,00 ( mil e quinhentos reais)
01 relógio technos
01 colar dourado
01 celular prata de marca BLU

*ASSCOM 17° BPM*

Aprovado no senado o projeto que barateia a conta de luz para familias de baixa renda

Proposta do senador Roberto Rocha beneficia famílias que estão inscritas em programas assistenciais como Bolsa Família e LOAS. Proposta vai à Câmara

Foi aprovado no Senado o Projeto de Lei 260/2017, de autoria do senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que altera as faixas de consumo e percentuais de descontos para consumidores de baixa renda beneficiados pela Tarifa Social de Energia Elétrica. Na prática, a proposta barateia a conta de luz de famílias que estão ingressadas em programas assistenciais do governo federal, como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (Loas).
O texto prevê desconto de 70% para quem consome até 50 kilowatts-hora (KWh) por mês. Entre 51 e 150 kWh por mês, o desconto será de 50%. Se a faixa de consumo ficar entre 151 e 250 kWh, o desconto cai para 20%. Por fim, não haverá benefício para quem consumir acima de 250 KWh por mês.
“Trata-se de corrigir uma injustiça e uma distorção social com milhares famílias que moram nas regiões Norte e Nordeste, que pagam as contas de energia mais caras do Brasil. No Maranhão, milhares delas terão um alívio no bolso e menores despesas do orçamento doméstico com a conta de energia elétrica”, explicou o Roberto Rocha.
O relator da proposta, senador Otto Alencar (PSD-BA), não apresentou emendas. “O reposicionamento das faixas e dos descontos vem, oportunamente, em socorro desses cidadãos que, incapazes de mudar sua condição socioeconômica, por virtual falta de oportunidades, tem nas ações do Estado uma chance de corrigir situações em que o mercado falha em prover condições dignas aos cidadãos”, escreveu em seu relatório.
Como a proposta foi aprovada em caráter terminativo na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, a matéria segue para a Câmara Deputados.

Atirador invade igreja mata 4 pessoas e logo após se mata em Campinas

A Polícia voltou atrás e manteve quatro mortes por atirador na catedral em Campinas, a 99 km de São Paulo, nesta terça-feira (11). Os disparos ocorreram, segundo o 8º Batalhão da Polícia Militar, dentro da Catedral Metropolitana, na região central do município.

Até o momento, são nove feridos, destes, cinco não resistiram aos ferimentos. De acordo com a polícia, não há identificação do atirador. A corporação informou que aguardava a perícia chegar ao local.

Testemunhas

Segundo informações de testemunhas, o atirador estava sentado dentro da catedral em silêncio quando, de repente, levantou e atirou contra os fiéis.

De acordo com uma funcionária da catedral, Terezinha Pereira dos Reis, os tiros ocorreram após o fim de uma missa. “Estava saindo apara almoçar e escutei muitos tiros”, disse ao R7. “O pessoal estava cantando e algumas pessoas ainda estavam dentro da catedral”, afirma.

Após o massacre, curiosos e policiais estavam ao redor da Catedral Metropolitana de Campinas. Os feridos foram socorridos.

A funcionária disse que o atirador entrou pela porta principal da catedral. “Havia pelo menos cinco pessoas e seis funcionários da Igreja quando ele entrou”, afirma. “Tem uma senhora de, aparentemente, 60 anos, caída morta em frente à sacristia.”

Já um funcionário da Guarda Municipal da cidade afirmou que pessoas idosas foram atingidas na cabeça e no pescoço. Os corpos ainda estão no local. A polícia e a GCM estão trabalhando para restringir o acesso de pessoas a catedral. Até o momento, o atirador não está identificado.

Fonte:R7

Prefeito Nagib garante 14º salário para agentes de endemias em Codó

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, estive reunido com os agentes de endemias do município. O encontro foi na Associação Comercial de Codó e contou com a presença do secretário de governo, João dos Plásticos, a secretária de administração, Délia Assem, o secretário de saúde, Suelson Salles e o vereador Ivan do Naby. A reunião teve por objetivo apresentar as ações, números e metas alcançadas pela equipe de agentes de endemias no ano de 2018.

Foram apresentados os números que demonstram o trabalho realizado para o combate a Malária, Dengue, Zica vírus, Leishmaniose e outras endemias que estão sob controle no município. “Estamos muito satisfeitos por atingirmos nossas metas e reduzindo o risco de endemias e pelo apoio que recebemos da administração municipal, com novos equipamentos, acessórios e fardamento”, disse Jose Maria, coordenador de endemias.

Entre as ações foram realizadas campanhas, visitas prediais e trabalhos preventivos para o combate a endemias, tanto na cidade, quanto na zona rural. De janeiro a dezembro, os agentes alcançaram 236.765 prédios visitados em Codó, de acordo com a programação. O resultado foi a não proliferação de mosquitos, principal agente causador de doenças, como Dengue e Zica Vírus.

“É um encontro muito positivo, que tem por finalidade apresentar o resultado do trabalho dos agentes. Dentre as principais endemias, Malária, Dengue, Zica vírus, Leishmaniose, Calaza, nós apresentamos estatísticas positivas, que demonstram que estas doenças estão controladas, com índices de infestação predial, um dos mais baixos do Maranhão. isso demonstra o trabalho competente dos agentes uma boa política pública de saúde preventiva do governo municipal”, destacou Suelson Salles, secretário de saúde.

“Ficamos felizes por ver o resultado muito positivo do trabalho de nossos agentes de endemias, da qual eu também pertenço a classe, e perceber todo apoio dado pelo prefeito Francisco Nagib a esta classe de trabalhadores. O apoio e valorização que governo vem dando aos agentes se reflete nos ótimos números de controle de endemias em Codó e a maior qualidade de vida da população. Também destaco o compromisso que o prefeito Nagib tem de sempre fazer o repasse do adicional para esses trabalhadores, coisa que a maioria dos prefeitos das cidades do Maranhão e do Brasil não o fazem”, destacou o vereador Ivan do Naby.

Satisfeito com a cobertura feita pela equipe de agentes e com o resultado do relatório de atividades em Codó, o prefeito Francisco Nagib anunciou o repasse para a categoria de um incentivo adicional. O 14º salário dos agentes de endemias será pago ainda esta semana. Uma conquista para a classe no município de Codó, uma vez que esse repasse não é passado pela maioria das prefeituras no Maranhão e até outros municípios do país.

“É muito gratificante saber que as endemias estão controladas em nosso município. Fizemos esta reunião de produção aqui com nossos agentes de nossa cidade, apresentamos o relatório do ano de 2018. Constatamos que estamos atingindo nossas metas e temos um dos melhores números no combate de endemias em nosso Estado. Hoje nossos agentes vivem um momento de melhor aproximação e diálogo com o poder público e melhor remuneração também, pois

eles estão motivados, batendo metas e recebendo um aporte financeiro de gratificação, o que podemos chamar de 14º salário”, concluiu o prefeito.

Ascom – PMC

Presos suspeitos de matar prefeito de Davinópolis

A Polícia Civil do Maranhão prendeu, na manhã desta quarta-feira (11), quatro suspeitos de participarem do homicídio de Ivanildo Paiva (PRB), que era prefeito de Davinópolis, no dia 11 de novembro, na zona rural do município. A operação cumpre mandados de busca e apreensão e prisão nas cidades de Barra do Corda, Grajaú e Imperatriz, no Maranhão, e Dom Elizeu, no Pará. Entre os presos, até o momento, estão dois policiais.

Os presos são Francisco de Assis Bezerra Soares, conhecido como “Tita”, que é policial militar no Pará e foi preso em Dom Elizeu; José Denilton Guimarães, conhecido como Boca Rica, que é mecânico; Willame Nascimento da Silva, policial militar do Maranhão lotado em Grajaú, e Jean Dearlen dos Santos, o “Jean Listrado”, que segundo as investigações é pistoleiro. Outros dois mandandos de prisão ainda estão em aberto, portanto seis pessoas devem ser presas ao fim da operação.

Tita e José Guimarães, segundo a polícia, foram os responsáveis pela articulação para a contratação dos assassinos. E segundo a Polícia Civil, Jean Listrado e Willame da Silva foram chamados para serem os executores.

As prisões desta terça-feira (11) são a primeira parte da operação, que visa prender os envolvidos na execução do crime. Na sequência, com os depoimentos deles, a polícia pretende chegar aos mandantes e entender a motivação do homicídio. A operação policial coincide com a data que marca um mês da morte de Ivanildo.

Fonte: G1

Professores participam de aula inaugural do curso de pedagogia do PARFOR em Codó

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, juntamente com secretários de governo, participou da aula inaugural do curso de pedagogia do PARFOR, destinados a professores em exercício da rede municipal de ensino em séries iniciais. O evento aconteceu no auditório da Escola Modelo Remy Archer, com a presença da Pró-Reitora de Ensino da Universidade Federal do Maranhão, Adoriva Câmara, que destacou mais uma parceria entre UFMA e a prefeitura de Codó, por meio do Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica (PARFOR).

O curso será ofertado para cinquenta e cinco professores, em efetivo exercício do magistério, que farão graduação de Licenciatura em Pedagogia. “É um programa muito importante, de formação docente. São professores da Rede Municipal de Ensino de Codó, que a partir dessa formação ganham mais uma qualificação, para exercerem suas funções com mais qualidade. Louvável a atitude do prefeito Nagib, que é um grande parceiro neste programa e a UFMA, que é a unidade executora. Dessa forma se abrem boas perspectivas para a educação de Codó”, explicou a Coordenadora do PARFOR em Codó, Socorro Quinzeiro.

Participando da aula inaugural, o prefeito Francisco Nagib falou que os investimentos na educação também precisam ser direcionados para formação do corpo docente. “É com muita alegria que participamos deste momento. É mais uma parceria com o ARFOR para que possamos preparar ainda mais os nossos professores. São cerca de cinquenta professores de Codó e também professores de Coroatá que participam desta importante formação. Com professores mais preparados e atualizados, nós vamos poder ofertar mais qualidade de ensino aos nossos alunos”, concluiu o prefeito.

Ascom – PMC

Maranhão é o estado mais pobre do Brasil, diz jornal

Mesmo com o fim da recessão, a concentração de renda continuou crescendo no ano passado no Brasil. Considerando a renda total domiciliar por pessoa, o Índice de Gini aumentou de 0,546 em 2016 para 0,549 em 2017 – quanto mais perto de 1,0, maior a desigualdade. Já a alta do Índice de Palma passou de 3,47 em 2016 para 3,51 em 2017.

O Índice de Palma representa a razão entre a parcela do rendimento apropriada pelos 10% das pessoas com maiores rendimentos em comparação à parcela apropriada pelos 40% com menores rendimentos. Isso significa que os rendimentos dos 20,7 milhões de brasileiros que estão no topo da pirâmide social equivalia, em 2017, a três vezes e meia da renda média dos 82,8 milhões que estão na base das faixas de rendimento.

A comparação entre dois extremos regionais, Maranhão e Santa Catarina, ilustra bem as desigualdades. O Maranhão é o Estado mais pobre do País, com rendimento domiciliar por pessoa de R$ 710, na média – menos da metade da média nacional em 2017, de R$ 1.511.

O Maranhão é também o Estado com maior proporção da população vivendo abaixo tanto da linha de pobreza quanto de extrema pobreza, conforme a classificação do Banco Mundial. São 54,1% dos maranhenses vivendo com menos de R$ 406 mensais por pessoa, um contingente de 3,8 milhões de pessoas. Dessas pessoas, 1,4 milhão vivem com menos de R$ 140 mensais por pessoa – um quinto da população maranhense (19,8% do total) está nessas condições.

Já Santa Catarina, onde moram 6,9 milhões de brasileiros, mesma população do Maranhão, é o Estado com a menor proporção da população vivendo abaixo da linha de pobreza. Apenas 8,5% dos catarinenses vivem com menos de R$ 406 mensais por pessoas. São 600 mil pessoas. A renda média de 2017 em Santa Catarina ficou em R$ 1.805, bem abaixo dos R$ 3.087 do Distrito Federal, mas o Índice de Gini catarinense é o menor do País, com 0,421 em 2017.

Do Estadão de São Paulo

Delegada paraense faz ‘dancinha’ na delegacia e ostenta ‘vidão’ em lancha da polícia

Cheia do gingado malemolente e pouco preocupada com a criminalidade. Assim foi a “dancinha funk” protagonizada pela delegada da Polícia Civil Maria Agda Leite dentro da delegacia, na cidade de Chaves, na Ilha do Marajó.

O vídeo, publicado no stories do Instagram, foi gravado durante um momento classificado pela própria delegada como “ociosidade”. Veja:

Logo após a repercussão do número de dança nas redes sociais, mais imagens de Agda tentando matar o “tédio” do combate ao crime vieram à tona. A gravação e as imagens levantaram discussões entre os internautas, a maioria revoltada com a postura da oficial de polícia.

Nas fotos Agda aparece sorridente em uma lancha, supostamente pertencente a corporação, junto com um casal de amigos, todos no estilo praieiro. Nas imagens vê-se uma sirene na lancha em movimento, característica dos veículos de segurança.

De boné virado e sorriso no rosto, delegada passeia com amigos em suposta lancha da polícia (Reprodução)

A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil que informou que sobre o vídeo da delegada dançando durante horário de expediente, será instalada uma apuração interna para investigar os caso. Sobre as fotos na lancha, a polícia informou que a delegada já foi chamada para dar explicações à Diretoria de Polícia do Interior (DPI), e que, com base nas apurações que forem realizadas, um novo procedimento apuratório deverá ser aberto.

Fonte: (DOL)

Bolsonaro é diplomado e fala em “compromisso com voto popular”

O presidente eleito Jair Bolsonaro recebeu na tarde desta segunda-feira (10) o diploma do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que o habilita a tomar posse no dia 1º de janeiro. O vice, Hamilton Mourão, também foi diplomado na cerimônia, que contou com a presença de cerca de 700 convidados, em Brasília.

Jair Bolsonaro se emocionou durante a execução do hino nacional e enxugou as lágrimas na hora de receber o diploma entregue pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber.

Em seu discurso, Bolsonaro se disse “honrado com a confiança demonstrada pelo povo brasileiro” e garantiu que defenderá a democracia.

“Nosso compromisso com a soberania do voto popular é inquebrantável.”

O presidente eleito disse ainda que a cerimônia desta segunda-feira “trata-se do reconhecimento de que o povo escolheu seus representantes em eleições livres e justas, como determina a nossa Constituição”.

A presidente do TSE, ministra Rosa Weber, afirmou que as diplomações “constituem a expressão da vontade popular que nelas foi democraticamente manifestada, com absoluta segurança e total lisura”.

Rosa Weber ainda lembrou que a diplomação é comemorado o Dia Internacional dos Direitos Humanos. Nunca nos esqueçamos, os direitos fundamentais da pessoa humana, além de universais são essencialmente inexauríveis.”

“Em uma democracia, maioria e minoria, como protagonistas relevantes do processo decisório, hão de conviver sob a égide dos mecanismos constitucionais destinados à promoção do amplo debate”, complementou a magistrada.

SEMA participa de planejamento do Projeto Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas

A Secretaria de Estados do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) participou, em Brasília, da oficina de Planejamento do Projeto Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas – GEF MAR. Na ocasião, foi alinhado e concluído o planejamento do GEF MAR referente ao período 2019-2020, de forma a garantir o alcance das metas do projeto.

Na oportunidade, o Ministério do Meio Ambiente comunicou que será lançado um mecanismo financeiro para garantir a continuidade das ações do Projeto. “A ideia é conservar a biodiversidade desses ambientes, ampliando o número de Unidades de Conservação (UCs) que fazem parte dele, além de realizar mecanismos financeiros para a sua sustentabilidade em longo prazo”, explicou a Superintendente de Biodiversidades e Áreas Protegidas da SEMA, Janaína Dantas.

A contribuição inicial de recursos será de R$ 9 milhões de dólares, outros R$ 60 milhões serão direcionados à iniciativa pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), por meio de Compensação Ambiental Federal. A coordenação do projeto é do Departamento de Áreas Protegidas do Ministério do Meio Ambiente e a execução é do Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio).

Projeto do Governo Federal, o GEF MAR foi criado e executado em parceria com instituições privadas e da sociedade civil para promover a conservação da biodiversidade marinha e costeira e a redução da perda de sua biodiversidade. Integra diferentes categorias de (UCs) e outras medidas de proteção baseadas em área, sob diferentes estratégias de gestão.

Ao todo, são 17 Unidades de Conservação (11 federais e seis estaduais), localizadas em nove estados (Maranhão, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Santa Catarina, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Paraíba e Pernambuco), e sete centros de pesquisa.

Att,

Rafaela Moreira

Ascom SEMA