Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

6 aplicativos que são muito perigosos para se ter em seu celular

Navegando pela Play Store, você já deve ter se deparado com algum aplicativo de cara não muito confiável, mas será que eles são seguros para se ter no celular? Acompanhe essa leitura para saber quais aplicativos são perigosos para o celular!

1. Apps de limpeza

Talvez você não saiba, mas os aplicativos que prometem limpar o seu celular de arquivos sem utilidade podem ser uns dos mais perigosos presentes na Play Store. Isso se dá porque o usuário acredita que o app otimiza o aparelho, o que não é uma verdade. Além disso, esses aplicativos podem ter acesso e analisar todos os dados presentes, então, é bom evitar tê-los instalados.

2. Apps para escanear vírus

Também existem aqueles aplicativos que tem como finalidade escanear possíveis vírus ativos em seu smartphone. Dê preferência para programas produzidos por empresas conhecidas como Norton, Avast e McAfee. Pois qualquer outro app que diz desempenhar esse papel, pode, na verdade, estar te enganando para que baixe arquivos adicionais que podem ser bastante perigosos, além de terem acesso a todos os dados e arquivos do aparelho.

3. Apps para melhorar a bateria

Nenhum aplicativo que diz melhorar a bateria do seu aparelho funciona, muito pelo contrário, eles podem estar consumindo ainda a energia do seu celular. No geral, evite-os, são programas pesados e que ficam rodando vários anúncios que podem ser bastante prejudiciais ao seu smartphone.

4. Apps de lanterna

A maioria dos aparelhos Android, hoje, já possuem o recurso da lanterna de fábrica, mas a Play Store oferece dezenas desses apps em sua plataforma. Só que, em sua grande maioria, esses programas trazem muitos anúncios que abrem páginas indesejadas no seu navegador de internet e que podem iniciar downloads de arquivos perigosos. Como não há motivos para instalá-los, é melhor evitar.

5. Apps para gravar ligações

Alguns aplicativos que servem para gravar ligações podem até ser úteis, mas em sua maioria, não cumprem o que prometem e ainda contam com anúncios invasivos. Tirando isso, você também deve tomar cuidado na hora de dar permissões para esses tipos de apps, já que geralmente eles precisam ter acesso ao seu microfone e lista de contatos.

Já sabia desses tipos de aplicativos perigosos para Android?

Covid: cientistas descobrem gatilho de coágulos raros após vacina da AstraZeneca

A equipe, baseada em Cardiff e nos Estados Unidos, mostrou em detalhes como uma proteína no sangue é atraída por um componente-chave da vacina.

Eles acreditam que isso dá início a uma reação em cadeia, envolvendo o sistema imunológico, que pode culminar em coágulos perigosos.

Acredita-se que a vacina tenha salvado cerca de um milhão de vidas durante a pandemia de covid.

No entanto, as preocupações com os raros coágulos sanguíneos moldaram a forma como a vacina tem sido usada em todo o mundo — no Reino Unido, por exemplo, foi oferecida uma alternativa para menores de 40 anos.

O problema também deu início a uma caçada científica para descobrir o que estava acontecendo e se isso poderia ser evitado. A equipe de Cardiff recebeu financiamento governamental de emergência para encontrar as respostas.

Os próprios cientistas da AstraZeneca também se juntaram ao projeto de pesquisa depois que os resultados anteriores do trabalho da equipe foram publicados.

Uma porta-voz da AstraZeneca enfatizou que os coágulos são mais prováveis ​​de ocorrer por causa de uma infecção por covid do que por causa da vacina, e que a explicação completa de por que eles ocorrem ainda não foi estabelecida.

“Embora a pesquisa não seja definitiva, ela oferece percepções interessantes e a AstraZeneca está explorando maneiras de aproveitar essas descobertas como parte de nossos esforços para remover esse efeito colateral extremamente raro”, acrescentou.

Havia duas pistas iniciais para os pesquisadores que investigam os raros coágulos sanguíneos:

  • O maior risco de coágulos foi visto apenas com algumas das tecnologias de vacinas
  • Pessoas com coágulos tinham anticorpos incomuns que atacavam uma proteína em seu sangue chamada fator plaquetário 4

Várias vacinas tentam entregar ao corpo um fragmento do código genético do vírus da covid para treinar o sistema imunológico. Algumas empacotam esse código dentro de esferas de gordura, enquanto a AstraZeneca usa um adenovírus (especificamente um vírus do resfriado comum de chimpanzés) como seu mensageiro microscópico.

Os pesquisadores pensaram que o adenovírus poderia estar ligado a coágulos raros que ocorrem em algumas pessoas. Então, eles usaram uma técnica chamada microscopia crioeletrônica para obter imagens do adenovírus em detalhes em nível molecular.

O estudo, publicado na revista Science Advances, revela que a superfície externa do adenovírus atrai a proteína do fator plaquetário 4 como um ímã.

O professor Alan Parker, um dos pesquisadores da Universidade de Cardiff, disse à BBC News: “O adenovírus tem uma superfície extremamente negativa, e o fator plaquetário 4 é extremamente positivo e as duas coisas se encaixam muito bem.”

Ele acrescentou: “Conseguimos provar a ligação entre as principais armas dos adenovírus e o fator plaquetário 4. O que temos é o gatilho, mas há uma série de etapas que precisam acontecer a seguir.”

Os pesquisadores acham que o próximo estágio é a “imunidade perdida”, mas isso precisa ser confirmado em pesquisas futuras.

Acredita-se que o corpo começa a atacar o fator plaquetário 4 após confundi-lo com parte do adenovírus estranho ao qual ele está preso. Assim, os anticorpos são liberados no sangue, que se agregam ao fator plaquetário quatro e desencadeiam a formação de perigosos coágulos sanguíneos. No entanto, isso requer uma série de eventos infelizes, o que poderia explicar por que os coágulos são tão raros.

Esses coágulos, conhecidos como trombocitopenia trombótica imune induzida por vacina, foram associados a 73 mortes em quase 50 milhões de doses de AstraZeneca administradas no Reino Unido.

“Você nunca poderia ter previsto que isso teria acontecido e as chances são muito pequenas, então precisamos nos lembrar do quadro geral do número de vidas que esta vacina salvou”, disse Parker.

A AstraZeneca disse que estimativas apontam que a vacina salvou mais de um milhão de vidas em todo o mundo e evitou 50 milhões de casos de covid.

A Universidade de Oxford não comentou sobre a pesquisa.

Will Lester, um hematologista consultor do University Hospitals Birmingham NHS Trust, elogiou a pesquisa “muito detalhada”, dizendo que ela ajuda a explicar o “passo inicial mais provável” na coagulação.

Ele acrescentou: “Muitas perguntas ainda permanecem sem resposta, incluindo se algumas pessoas podem ser mais suscetíveis do que outras e por que a trombose (coagulação) é mais comumente nas veias do cérebro e do fígado, mas isso pode vir com o tempo e pesquisas futuras.”

A equipe de Cardiff espera que suas descobertas possam ser usadas para melhorar as vacinas baseadas em adenovírus no futuro para reduzir o risco desses eventos raros.

Fonte:BBC

Eliziane Gama e Weverton Rocha votaram contra a criação do auxilio Brasil no valor de R$ 400

A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) dos Precatórios foi aprovada em dois turnos na tarde de hoje no plenário do Senado. Na primeira votação, o placar foi de 64 votos a 13, com duas abstenções. Na segunda, foi de 61 a 10, com uma abstenção.

Mudaram de voto os senadores:

  • Alvaro Dias (Podemos-PR): votou contra em primeiro turno e não compareceu no segundo;
  • Cid Gomes (PDT-CE): votou contra em primeiro turno e não compareceu no segundo;
  • Humberto Costa (PT-CE): votou a favor em primeiro turno e não compareceu no segundo;
  • Jorginho Mello (PL-SC): votou a favor em primeiro turno e não compareceu no segundo;
  • Lasier Martins (Podemos-RS): votou contra em primeiro turno e a favor no segundo;
  • Randolfe Rodrigues (Rede-AP): se absteve em primeiro turno e votou contra no segundo;
  • Renan Calheiros (MDB-AL): votou contra em primeiro turno e não compareceu no segundo;
  • Romário (PL-RJ): votou a favor em primeiro turno e não compareceu no segundo;

Os demais parlamentares se manifestaram igualmente em ambas as votações.

A proposta, que abre espaço para o pagamento de R$ 400 aos beneficiários do Auxílio Brasil (ex-Bolsa Família), agora segue para votação na Câmara dos Deputados.

Veja quem votou a favor e contra a PEC dos Precatórios no segundo turno:

Acir Gurgacz (PDT-RO) – Não
Alessandro Vieira (CIDADANIA-SE) – Sim
Alvaro Dias (PODEMOS-PR) – não compareceu
Angelo Coronel (PSD-BA) – Sim
Antonio Anastasia (PSD-MG) – Sim
Carlos Fávaro (PSD-MT) – Sim
Carlos Portinho (PL-RJ)- Sim
Carlos Viana (PSD-MG)- Sim
Chico Rodrigues (DEM-RR) – Sim
Chiquinho Feitosa (DEM-CE) – Sim
Cid Gomes (PDT-CE) – não compareceu
Daniella Ribeiro (PP-PB) – Sim
Davi Alcolumbre (DEM-AP) – Sim
Dário Berger (MDB-SC)- Sim
Eduardo Braga (MDB-AM) – Sim
Eduardo Girão (Podemos-CE)- Não
Eduardo Gomes (MDB-TO) – Sim
Eliane Nogueira (PP-PI) – Sim
Eliziane Gama (Cidadania-MA)- Não
Elmano Férrer (PP-PI)- Sim
Esperidião Amin (PP-SC)- Sim
Fabiano Contarato (Rede-ES) – Não
Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) – Sim
Fernando Collor (PROS-AL) – Sim
Flávio Arns (Podemos-PR)- Sim
Flávio Bolsonaro (PL-RJ)- Sim
Giordano (MDB-SP) – Sim
Humberto Costa – não compareceu
Irajá (PSD-TO) – Sim
Izalci Lucas (PSDB-DF) – Sim
Jader Barbalho (MDB-PA) – Sim
Jaques Wagner (PT-BA) – Sim
Jarbas Vasconcelos (MDB-PE) – Sim
Jayme Campos (DEM-MT) – Sim
Jean Paul Prates (PT-RN) – Abstenção
Jorge Kajuru (PODEMOS-GO) – Sim
Jorginho Mello (PL-SC) – não compareceu
José Aníbal (PSDB-SP) – Sim
Kátia Abreu (PP-TO) – Sim
Lasier Martins (PODEMOS-RS) – Sim
Leila Barros (CIDADANIA-DF) – Não
Lucas Barreto (PSD-AP) – Sim
Luis Carlos Heinze (PP-RS) – Sim
Luiz do Carmo (MDB-GO)- Sim
Mailza Gomes (PP-AC) – Sim
Mara Gabrilli (PSDB-SP)- Sim
Marcelo Castro (MDB-PI)- Sim
Marcio Bittar (MDB-AC)- Sim
Marcos Rogério (DEM-RO)- Sim
Marcos do Val (PODEMOS-ES)- Sim
Maria Eliza (MDB-RO) – Sim
Maria do Carmo Alves (DEM-SE)- Sim
Mecias de Jesus (REPUBLICANOS-RR)- Sim
Nelsinho Trad (PSD-MS)- Sim
Nilda Gondim (MDB-PB)- Sim
Omar Aziz (PSD-AM)- Sim
Oriovisto Guimarães (PODEMOS-PR)- Não
Otto Alencar (PSD-BA)- Sim
Paulo Paim (PT-RS)- Sim
Paulo Rocha (PT-PA)- Sim
Plínio Valério (PSDB-AM)- Sim
Randolfe Rodrigues (REDE-AP)- Não
Reguffe (PODEMOS-DF)- Não
Renan Calheiros (MDB-AL)- não compareceu
Roberto Rocha (PSDB-MA)- Sim
Rodrigo Cunha (PSDB-AL)- Sim
Rodrigo Pacheco (DEM-MG) – presidente do Senado não votou
Rogério Carvalho (PT-SE) – Sim
Romário (PL-RJ) – não compareceu
Rose de Freitas (MDB-ES) – Sim
Simone Tebet (MDB-MS) – Sim
Soraya Thronicke (PSL-MS) – Sim
Styvenson Valentim (PODEMOS-RN) – Não
Sérgio Petecão (PSD-AC) – não compareceu
Telmário Mota (PROS-RR) – Sim
Vanderlan Cardoso (PSD-GO)- Sim
Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) – Sim
Wellington Fagundes (PL-MT) – Sim
Weverton (PDT-MA) – Não
Zenaide Maia (PROS-RN) – Sim
Zequinha Marinho (PSC-PA) – ausente em

Imperdível! Adquira sua casa própria com a Construtora Branco e Oliveira, com parcelas a partir de R$ 480,00 mensal.

Sabe aquele investimento imobiliário que há muito tempo habita seus pensamentost? Chegou a hora de transforma-lo em realidade. Para isso a Construtora Branco e Oliveira conta com muitas oportunidades para você adquirir sua casa própria. São imóveis novos, planejados, com uma localização ideal, que lhe oferece conforto e aconchego, além do preço acessível.
Temos casas com 2 quartos, 2 banheiros, sendo 1 suíte, cozinha, área de serviço, varanda e jardim. Casas localizadas na Rua Francisco Alves Lisbino, e Rua 20 de Janeiro no Novo Milênio, em uma área com pavimentação asfáltica, água e energia elétrica.
Venha nos fazer uma visita, e comprove que seu sonho pode se tornar realidade.
Para maiores informações, procure – nos na Rua Tiradentes, nº 1881 A, São Pedro – Codó – MA, ou pelo telezap (99) 99953-7418.

Indivíduo com passagens por tráfico de drogas, é executado com tiros na cabeça

O corpo de Francisco Fábio dos Santos de Jesus, vulgo “Fabão”, de 37 anos de idade, foi localizado na tarde desta quarta-feira (01/12), por volta das 17h, próximo a um campo de futebol na Rua da Piçareira em Pedreiras – MA. “Fabão” foi executado com dois tiros cabeça.

Uma guarnição da Polícia Militar do 19º BPM foi ao local e colheu as primeiras informações. Em seguida, a Polícia Civil da 14ªDRPC assumiu o caso para dar início as investigações.

O corpo do homem foi removido do local pelo Serviço Funerário Municipal,
e levado para o Hospital Geral de Pedreiras.

“Fabão”, que residia na Rua Beira-Rio, bairro do Diogo, tinha sido preso em 12 de dezembro de 2017, por tráfico de drogas, onde também cumpriu pena na Penitenciária de Pedreiras pela prática criminosa.

Equatorial corta energia do Centro Pop de Codó por falta de pagamento

O governo municipal está indo ladeira a baixo. A saúde parada, a gestão engessada e as políticas públicas sem rumo. A última de tantas denúncias que chegaram a redação do blog Codó Notícias trata de mais uma falha na assistência social. A equatorial cortou a energia do Centro Pop de Codó, locar destinado a receber pessoas em vulnerabilidade social.

Talvez essa inoperância do poder público possa ser um dos principais motivos para que boa parte da população em vulnerabilidade social esteja ocupando espaços públicos, como a favelização que está acontecendo na praça Ferreira Bayma, bem em frente a prefeitura.

Dezembro com bandeira tarifaria verde para famílias baixa renda

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) anunciou que os consumidores cadastrados no Programa Tarifa Social de Energia Elétrica (famílias de baixa renda) terão bandeira tarifária verde no mês de dezembro, ou seja, sem custo extra na conta. Para os demais consumidores, a bandeira tarifária vigente até abril de 2022 é a de Escassez Hídrica, no valor é de R$ 14,20 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

Com a chegada do mês de dezembro, as decorações natalinas tomam conta da cidade. Por isso, é importante estar atento para evitar o desperdício de energia, economizando no que for possível. Segundo o Técnico de Segurança da Equatorial, Carlos Prazeres, “investir em pisca-pisca com lâmpada de LED é a melhor opção de decoração, além de mais bonitas são bem mais econômicas, eficientes, duráveis e ecológicas”, pontua. Na escolha de aparelhos, priorize aqueles que possuem Selo Procel, classificação A. Ao sair de casa, evite deixar luzes e equipamentos ligados.

As famílias beneficiadas pelo Tarifa Social de Energia Elétrica têm direito a descontos de 10% a 65%, dependendo da faixa de consumo. Para realizar o cadastro, os clientes da Equatorial Maranhão que estão aptos a receberem o benefício podem entrar em contato com a Clara, assistente virtual da distribuidora. O cliente titular da conta deverá informar alguns dados como o número da conta contrato e número do NIS (Número de Inscrição Social). Já para o beneficiário que não é titular da conta, será necessário informar, além do número do NIS, outras informações do titular do NIS como nome completo, CPF, RG, data de nascimento e o nome da mãe.

Nesse momento de escassez hídrica, a Equatorial Maranhão mantém o alerta aos clientes sobre a necessidade de continuar consumindo energia de maneira consciente, sem desperdícios, seguindo as dicas de economia de energia.

Evite:
•Deixar aparelhos em modo stand-by;
•Colocar o celular para carregar a noite;
•Deixar lâmpadas acesas durante o dia ou em ambientes que não estão sendo utilizados;
•O “abre e fecha” da geladeira ao longo do dia.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão

Senado aprova André Mendonça para o STF

O Plenário do Senado aprovou, nesta quarta-feira (1º), o nome de André Mendonça para ocupar o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Foram 47 votos a favor, seis além do mínimo necessário, e 32 contrários. Mais cedo, André Mendonça teve seu nome aprovado em sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), em uma reunião que durou cerca de oito horas.

A relatora da indicação na CCJ, senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), defendeu a capacidade técnica do indicado. Ela reconheceu que a indicação veio carregada de polêmica e discussão, principalmente por conta do aspecto religioso. A senadora disse, porém, que ninguém pode ser vetado por sua condição religiosa e afirmou que não foi esse o critério para sua indicação.

— É uma votação simbólica para o Brasil. [André Mendonça] é um servidor federal, com muita dedicação ao serviço público. Mendonça tem todas as condições técnicas de ser ministro do STF — declarou.

Polêmicas

Entre a indicação pelo presidente Jair Bolsonaro e a votação no Plenário do Senado, André Mendonça teve de esperar quase cinco meses. A indicação ocorreu no dia 13 de julho. No dia 18 de agosto, a CCJ recebeu a mensagem oficial de indicação. No entanto, houve muita demora para a marcação da sabatina na comissão. Muitos senadores cobraram uma posição do presidente da CCJ, Davi Alcolumbre (DEM-AP), sobre a urgência da questão. No entanto, a sabatina só foi marcada na semana do esforço concentrado para a votação de autoridades – convocada pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco.

André Mendonça também teve que explicar sua posição religiosa, já que o presidente Bolsonaro o classificou como “terrivelmente evangélico”. Em seu parecer, a senadora Eliziane Gama disse considerar a sabatina um momento importante para afirmar princípios republicanos e também para superar, segundo ela, preconceitos, muitos deles “artificiais e reforçados por falas enviesadas do próprio presidente da República”. Durante a sabatina, Mendonça defendeu o Estado laico e disse que “na vida, a Bíblia; no Supremo, a Constituição”.

Quando ocupou o cargo de ministro da Justiça, Mendonça recebeu críticas pela produção de um relatório, dentro do ministério, sobre a atuação de 579 professores e policiais identificados como antifascistas. Segundo Mendonça, o relatório não tinha cunho investigativo. Ele também foi criticado pelo uso da Lei da Segurança Nacional (LSN – Lei 7.170, de 1983) contra críticos do presidente Jair Bolsonaro. A LSN terminou sendo revogada pela Lei 14.197, de 2021.

Quem é

André Luiz de Almeida Mendonça nasceu em Santos (SP), no dia 27 de dezembro de 1972. Formado pela Faculdade de Direito de Bauru (SP), tem também o título de doutor em Estado de Direito e Governança Global e mestre em Estratégias Anticorrupção e Políticas de Integridade pela Universidade de Salamanca, na Espanha. Pastor da Igreja Presbiteriana, ocupou os cargos de chefe da Advocacia-Geral da União (AGU) e ministro da Justiça no governo Bolsonaro. Mendonça é casado e tem dois filhos.

Fonte: Agência Senado

Pesquisa revela que gestão do prefeito Dr. Júnior tem 84% de aprovação da população de Peritoró

Pesquisa do Instituto Exata, de São Luís, divulgada nesta quarta-feira (1) mostra que o prefeito de Peritoró, Dr. Júnior chega ao fim de seu primeiro ano de mandato com recorde de aprovação e popularidade de 84%. O instituto ouviu 352 entrevistados em diferentes localidades do município.

A pesquisa avaliou a popularidade do gestor e o desempenho da administração em diversas áreas como saúde, educação, infraestrutura, assistência social, entre outras políticas públicas adotadas pelo governo O Progresso Chegou.

A alta popularidade do prefeito Dr. Júnior e a aprovação de sua gestão devem-se ao grande número de obras de infraestrutura realizadas no município, a revitalização completa da rede pública de ensino, reforma das unidades de saúde e o combate efetivo a Covid-19, o fomento a produção agrícola, incentivo a cultura e a execução eficiente dos programas da assistência social. A visível e expressiva recuperação de Peritoró também está atraindo grande número de empresas e investidores para região.

Asscom – PMP

Deputado Zito Rolim solicita ao governo Ambulância de Suporte Avançado para UPA de Codó

O deputado estadual Zito Rolim (PDT) protocolou na Mesa Diretora da Assembleia Legislativa e teve aprovada a Indicação de número 5703/2021, solicitando uma Ambulância de Suporte Avançado (USA) para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município de Codó. Trata-se de um pedido do parlamentar encaminhado ao governador Flávio Dino e ao secretário de Saúde, Carlos Lula, para garantir o maior acesso à saúde a Comunidade Codoense em geral, devido ao aumento da demanda de pessoas que precisam do novo equipamento e eficientes serviços na Unidade de Pronto Atendimento.

“A demanda por serviços de saúde e o número de pessoas que precisam ser atendidas são muito grande em Codó e região. A necessidade de novos equipamentos e a aquisição de veículos devidamente equipados para a urgência e emergência dos atendimentos é cada vez mais uma constante. Por isso solicitamos ao governo uma nova Ambulância de Suporte Avançado, que ajudará muito atender a crescente demanda em todo município e região”, justificou o deputado.