Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

VIDEO URGENTE: Três suspeitos ja estão na delegacia de Codó

Neste momento a  Policia Militar de Codó isolou as ruas próximas ao Banco do Brasil onde pode sendo mantido sequestrado o gerente com explosivos no seu corpo.

As informações que colhemos de uma pessoa da familia, de que é a segunda vez que o gerente e sua familia passa por esse epsodio, quando o mesmo era gerente em Lago da Pedra.

Os bandidos abandonaram o veículona proxima a cidade de Caxias e evadiram para o mato.

Jaja mais informacoes aguardem..

 

Barroso pede que PF investigue ataque hacker ao sistema do TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, pediu hoje (16) que a Polícia Federal (PF) investigue ataques cibernéticos aos sistemas da Corte.

Durante coletiva de imprensa no início da noite, Barroso disse que há suspeitas de articulação de grupos para desacreditar o sistema de votação.

Ontem (15), durante o horário da votação, o sistema de informática do TSE foi alvo um ataque de múltiplos acessos. No entanto, o ataque foi neutralizado pelo sistema de defesa e não houve vazamento de dados, segundo o tribunal.

As tentativas de invasão foram feitas por meio de servidores localizados no Brasil, Estados Unidos e Nova Zelândia. Esse sistema não tem relação com a apuração dos votos, que ocorre por meio de uma rede privada.

No mesmo dia, foram divulgados na internet dados pessoais de ex-servidores e ex-ministros. Segundo o presidente, os dados são antigos e foram liberados em sites da internet para tentar desacreditar a segurança da votação.

“Os dados vazados tinham mais de dez anos de antiguidade e divulgação foi feita no dia das eleições para procurar causar impacto e trazer a impressão de fragilidade no sistema. Ao mesmo tempo que esses dados foram vazados, milícias digitais entraram imediatamente em ação tentando desacreditar o sistema. Há suspeitas de articulação de grupos extremistas que se empenham em desacreditar as instituições, clamam pela volta da ditadura, e muitos deles são investigados pelo STF”, afirmou.

Sobre o atraso de três horas na divulgação dos resultados, Barroso disse que a Oracle, empresa responsável pelo computador que apresentou defeito, será acionada para tentar resolver o problema para o segundo turno.

A forma de totalização (soma dos votos) centralizada no TSE vai continuar no segundo turno. Nas eleições passadas, a totalização era feita pelo tribunais regionais eleitorais e foi alterada por motivos de segurança e de custos.

As informações são da Agência Brasil

Pandemia provoca taxa recorde de abstenções em Codó,16.039 eleitores não compareceram para votar

Jose Francisco Lima Neres (PSD), 53, é o novo prefeito de Codó (MA). Com 52,80% dos votos válidos, um total de 28.331 votos, na eleição deste domingo (15), Dr Zé Francisco foi o vencedor com 100% das urnas apuradas.

Jose Rolim Filho (PDT) que ficou em segundo, com 45,32%, seguido por Reinaldo Bezerra da Silva (PTC), 1,87%. Do total de votantes, 623 eleitores (1,10%) votaram em branco, enquanto outros 2.606 (4,58%) anularam o voto. O número de eleitores que não votou foi de 16.039, equivalente a 22,00% do eleitorado. A soma de brancos, nulos e abstenções é de 19.268, ou 26,42% dos aptos a votar.

 

Candidato a vereador de Ipojuca descobre no dia da eleição que divulgou número errado durante a campanha

Um candidato a vereador em Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco, descobriu, no domingo (15), dia das eleições municipais, que havia divulgado o número de votação errado aos eleitores. Durante a campanha, Rodolfo Cornetinha (Avante) pediu votos para o número 70963, sendo que o número correto da sua candidatura era 70936.

De acordo com Cornetinha, foram feitas músicas, santinhos e outros materiais com o número errado. Em uma mensagem postada no Instagram no dia da votação, ele pediu ajuda aos eleitores e disse que foi avisado por um amigo, que foi pesquisar o número do candidato e descobriu o erro.

“Eu quero dar uma notícia não muito agradável. […] esse tempo todo eu divulgando o meu número de divulgação e o número está errado. O número é 70936. Esse tempo todo divulgando meu número, pedindo para o pessoal votar em mim e, agora, em cima da hora, a eleição é hoje, domingo, 15 de novembro de 2020, eu peço a vocês que me ajudem. É 70936”, disse, na rede social.

Candidato a vereador em Ipojuca divulgou número de votação errado aos eleitores — Foto: Reprodução/WhatsApp

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rodolfo Cornetinha obteve 30 votos e não foi eleito. Ele tem 27 anos e se candidatou pela primeira vez a um cargo eletivo nas eleições de 2020. No pleito, apoiou o candidato Gaúcho, também do Avante, que ficou em quinto lugar na disputa pela prefeitura de Ipojuca, com 317 votos, o equivalente a 0,51% dos votos válidos.

De acordo com Cornetinha, houve um erro do partido no momento da solicitação do número dele ao TRE-PE. Em Ipojuca, segundo o candidato, ele é conhecido por trabalhar como palhaço em eventos. O Palhaço Cornetinha, assim, se agregou ao nome de Rodolfo.

“Esse negócio da campanha, eu peguei o pessoal de surpresa, porque o pessoal pensava que era brincadeira. Eu trabalho como palhaço cornetinha. O número era 70963. Fiz duas músicas autorais, falando o número errado. O pessoal do partido que eu estava era para me ajudar, mas eu não me liguei. Eu não sei quem foi que errou. O número que eu pedi era o 70963. Tem os santinhos comigo”, afirmou.

Fonte:G1

Vírus mortal encontrado na Bolívia é transmissível entre humanos

Um vírus encontrado na Bolívia que causa febre hemorrágica com sintomas semelhantes aos do ebola pode ser transmitido entre humanos, afirmam pesquisadores do CDC (Centros de Controle e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos, em uma publicação divulgada nesta segunda-feira (16).

No documento, que faz parte do relatório anual da ASTMH (Sociedade Americana de Medicina Tropical e Higiene), os cientistas detalham evidências de que o mammarenavírus de Chapare se espalhou entre profissionais de saúde no país em 2019.

“Nosso trabalho confirmou que um jovem residente médico, um médico de ambulância e um gastroenterologista contraíram o vírus após encontros com pacientes infectados — e dois desses profissionais de saúde morreram mais tarde”, disse Caitlin Cossaboom, epidemiologista da Divisão de Patógenos e Patologia de Alta Consequência do CDC.

O grupo diz acreditar que fluidos corporais podem carregar o vírus. Ao menos cinco casos da febre hemorrágica causada pelo vírus de Chapare foram registrados no ano passado perto da capital La Paz.

Até então, o único registro desse vírus datava de 2004, justamente na província que lhe deu o nome, a cerca de 600 km a leste de La Paz.

O surto do ano passado deixou autoridades sanitárias locais e regionais em alerta. Pesquisadores do CDC e da Opas (Organização Pan-Americana da Saúde) imediatamente viajaram à Bolívia atrás de mais informações sobre o vírus mortal.

Eles constataram que o Chapare é da família dos arenavírus, que incluem outros patógenos perigosos, como o vírus Lassa, que mata milhares de pessoas todos os anos na África Ocidental, e o vírus Machupo, que também já atingiu a Bolívia e provocou mortes.

Os sintomas da infecção pelo vírus estudado são semelhantes aos do vírus ebola: febre, dores abdominais, vômitos, sangramento nas gengivas, erupção cutânea e dor atrás dos olhos.

Como não há tratamento específico, os pacientes recebem suporte, na esperança de que o corpo consiga se defender do vírus.

Origem

Vírus é associado a roedores silvestres

Os pesquisadores tentam agora descobrir qual é o hospedeiro primário do vírus. Algumas provas genéticas compararam o RNA encontrado em humanos com o de roedores, mostrando grande semelhança com a espécie Oligoryzomys microtis.

Esses ratos analisados foram encontrados perto da casa do primeiro paciente do surto de 2019, um trabalhador agrícola que também morreu.

Entretanto, não houve como comprovar, até o momento, que os roedores eram capazes de transmitir o vírus.

Cientistas acreditam que o vírus Chapare esteja circulando na Bolívia há vários anos, mas os pacientes infectados podem ter sido erroneamente diagnosticados como portadores de dengue, uma doença comum na região e que pode produzir sintomas semelhantes.

Fonte:R7

Gracilene agradece as 333 pessoas que acreditaram em suas propostas

Hoje venho somente agradecer à Deus por ter sustentado eu e minha família durante essa caminhada pois o senhor me deu forças, saúde e determinação para caminhar e conhecer pessoas que vou ser grata por toda minha vida como minha equipe de garra que estiveram ao meu lado durante todos esses dias as pessoas que eu tive a oportunidade de visitar e conhecer a realidade de muitas obrigada, não só pelo o apoio e sim pelo o carinho que eu recebi até agora, Obrigada meus amigos e amigas queridos que estiveram comigo em visitas em orações que nunca me deixaram sozinha.
Por fim, agradeço às 333 pessoas que acreditaram nas minhas propostas, que depositaram nas urnas a esperança da minha representatividade, que defenderam a minha história e trajetória , Sinto muito não poder representa-los. Obrigado a cada pessoa que trabalhou comigo nesta campanha a cada voluntário, sem dar nomes para não ser injusta.
Agradeço de todo meu coração por essa campanha linda e limpa com muita dedicação e determinação de cada um de vocês a campanha acabou mais a amizade que fizemos permanecerá👏🤝🙌🙏💙