Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Ex-vereador é morto a pauladas dentro de casa em São Luís Gonzaga

O comerciante e ex-vereador Francisco Gomes Pereira, conhecido por Chico Gomes, foi covardemente assassinado a pauladas nesta madrugada de sexta-feira (09/04), dentro de sua residência, em São Luís Gonzaga do Maranhão.

De acordo com os relatos, o crime teria características de latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

Ainda de acordo com as informações, a dupla suspeita de cometer o bárbaro crime, um homem e uma mulher já foram presos pela polícia.

O clima é de tristeza, consternação e revolta em São Luís Gonzaga com a morte violenta do ex-vereador Chico Gomes, que já tinha mais de 80 anos de idade.

A qualquer momento mais informações.

Foragido há 8 anos, acusado de matar mulher em Davinópolis MA por medo de feitiço é preso no Piauí

Foi preso pela Polícia Civil do Piauí, em cumprimento a mandado de prisão preventiva pelo crime de feminicídio, Francisco Nogueira Santos. Ele estava foragido desde o dia 14 de março de 2013, quando matou a facadas Teresinha Veloso Lima, de 60 anos, na cidade de Davinópolis, no Maranhão, distante 649 km de São Luís.

Francisco foi capturado nessa quinta-feira (8/04), entre os municípios de Pau d’Arco do Piauí e Teresina. A casa na qual ele estava, na zona rural, era de difícil acesso e os policiais precisaram atravessar um rio para prendê-lo.

O delegado Odilo Sena disse, em entrevista ao Portal Meio Norte, que o homem era casado com uma sobrinha de Teresinha Veloso, que não aprovava o relacionamento dos dois. O acusado teria relatado ter certeza que a vítima estaria tramando fazer um trabalho de feitiçaria contra ele.

A mulher foi morta com quatro facadas, que a atingiram na costela, rosto, peito e no pescoço, onde a arma usada ficou enfiada.

A vítima morava sozinha, e Francisco aproveitou ter ido fazer uma cobrança em uma residência vizinha para cometer o crime. Ele fugiu e só foi encontrado ontem, oito anos depois.

Policia Civil e Militar cumprem 35 Mandados de prisões em São José de Ribamar MA pela operação Maré Baixa

A Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), com o apoio da Polícia Militar e o Centro Tático Aéreo (CTA) realizou o cumprimento dos vários Mandados de Prisões e de Busca e Apreensão na região de São José de Ribamar. A ação aconteceu nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (09/04), e logrou na prisão de 35 acusados. Destes, 21 foram presos na Operação Maré Baixa realizada hoje (09/04).

A operação Maré Baixa é fruto de um trabalho resultante de uma investigação de 06 meses dando cumprimento aos diversos Mandados de Prisão e Busca e Apreensão.
Outros 14 foram presos anteriormente, mas foram alvos desta mesma operação Maré Baixa. Os outros 14 já se encobtram no presídio de São Luís.

A operação coordenada pela SPCC e com o apoio da PM e o CTA, resultou no cumprimento de buscas e apreensões e nas 35 prisões dos acusados. As ações visam na manutenção da ordem pública e no cumprimento de expedição dos mandados. O resultado final será repassado pelo superintendente da capital, o Delegado Carlos Alessandro e o Comandante CPM, o Cel. Aritanã.

Policia Militar prendeu dois assaltantes com armas de fogo, veiculo furtado e drogas em Codó

Na manhã da última quinta-feira (08) um homem compareceu ao quartel do 17º BPM informando que havia sido vítima de um assalto na noite do dia anterior, ele conseguiu identificar os autores atrases de uma fotografia postado em uma rede social.
A situação foi repassada para a equipe da Força Tática do 17º BPM, que constatou que de acordo com o relatado pela vítima do roubo, esse homem da fotografia é um comparsa realizaram outros assaltos na noite de quarta-feira, em codó.
A GU deslocou até a residência do acusado, que já era conhecido por possuir passagens pela prática de crimes; no local, o homem avistou a equipe e tentou evadir-se. O mesmo retornou pra a residência e ,com a autorização de sua esposa, a equipe adentrou a residência e o localizou. Com o envolvido “A” foram encontrados apenas dois aparelhos celulares. Ele informou que as armas de fogo e outros produto msm de roubo encontravam -se com seu comparsa.
Em seguida, os militares deslocaram até a residência do indivíduo “B”, que também tentou fugir porém foi abordado. O homem confessou a autoria dos crimes, informou o local onde havi escondido as armas de fogo e celulares. Além de tal material, foram encontradas porções de substância similar à maconha, material pra abalar droga, armas brancas (facas) , cédulas em dinheiro e outro.
A dupla informou o local onde havia escondido a motocicleta utilizada para a prática dos assaltos, ela foi localizada em um matagal próximo à dois bairros da cidade, o veículo encontrava-se com a placa alterada. Os dois autores também confessaram ter roubado outra motocicleta BROS, poucos dias antes, porém a abandonaram no bairro codó novo pois viram suas imagens em noticiários.
Os dois foram encaminhados pra a Delegacia Regional de Codó, onde as medidas cabíveis deverão ser adotadas.
*MATERIAL APREENDIDO *
01 motocicleta Honda bros preta vermelho
02 celulares da Marca Samsung sendo um de cor vermelhe e outro rosê
01 celular acatel preto
01 celular LG prata
01 celular Motorola de cor azul
01 celular da Marca semp de cor preta
02 celulares Samsung de cor preta
12 reais em cédulas de dois reais
10 porções de maconha pronta para venda
01 rolo de papel filme que serve para acondicionar droga
02 bengala de moto
03 chave de roda
02 aparelho de dvd
07 capinha de celular
05 facas
01 revólver calibre 32 Número 443089
03 munições intactas
01 arma de fogo tipo bereta

*17°BPM, SUA SEGURANÇA É NOSSA MISSÃO.*
*⚠️☎️ DISQUE DENÚNCIA: 98857-2397*

Suspeito de estuprar criança de 5 anos é espancado até a morte

Um homem ainda não identificado foi assassinado a chutes, socos, pauladas e pedradas na noites desta quinta-feira (8) na rua Benício Leão, na comunidade Paraíso Verde, na Zona Norte de Manaus. O estupro foi revelado à mãe da vítima pela irmã de 3 anos, que acusou o vizinho de passar as mãos nas partes íntimas da irmãzinha de 5 anos.

A mãe afirma que o suspeito chamou suas filhas para dentro da casa dele com o pretexto de dar umas roupas velhas. Foi aí que o estupro teria acontecido. Policiais da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram ao local, mas já era tarde demais. O caso agora ficará a cargo da Delegacia de Homicídios e Sequestros.

Fonte:Expressoam

Policia Federal vai à residência de Lula Fylho, ex-secretário de Saúde de São Luís, sobre fraude na compra de máscaras

Em desdobramento da Operação Tempo Real, a Polícia Federal cumpriu nesta quinta-feira (8/04) um mandado de busca e apreensão no endereço ligado ao ex-secretário de saúde de São Luís, Lula Fylho, em um condomínio do bairro Olho d’Água, área nobre da cidade.

Um outro mandado foi cumprido na casa do dono da empresa contratada pela Prefeitura de São luís em 2020, e que teria participado de um esquema de fraude e superfaturamento na aquisição de equipamentos destinados ao combate à pandemia da Covid-19 em São Luís.

PF deflagra operação contra ex-servidores municipais de São Luís

A operação é um desdobramento de outras investigações de combate à corrupção na pandemia durante a gestão Edivaldo Holanda Jr que, segundo a PF, não tem ligação com o suposto esquema criminoso.

De acordo com as investigações, a Secretaria Municipal de Saúde contratou uma empresa para compra de 20 mil máscaras de proteção contra o coronavírus em valores superfaturados. Ex-servidores informaram ainda que o ex-secretário municipal sabia das informações das ações fraudulentas e comandava um esquema de desvio de dinheiro.

“Em uma determinada ocasião, ex-servidores foram ouvidos em operações anteriores e afirmaram que tudo que acontecia na parte técnica da secretaria, o líder da organização tinha conhecimento de tudo em ‘tempo real’. Ou seja, ele tinha uma participação muito participativa. Não era só um dirigente que ficava distante dos fatos. Ele realmente gerenciava todo o funcionamento da organização”, afirmou o delegado da Polícia Federal, Leandro Ribeiro.

O G1 entrou em contato com o ex-secretário Lula Fylho para comentar as acusações da Polícia Federal, mas não houve retorno.

 

Os investigados podem responder por fraude a licitação, superfaturamento e associação criminosa. Também nesta quinta (8), os policiais federais apreenderam documentos, joias, veículo, arma e R$ 200 mil em espécie. O prejuízo aos cofres públicos, segundo a PF, foi de R$ 478 mil, mas os valores podem aumentar no decorrer das investigações.

 

Ao todo, na Operação Tempo Real foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e cinco mandados de constrição patrimonial, expedidas pela 1ª Vara Federal de São Luís. Além disso, os investigados também foram alvos de medidas cautelares diversas da prisão, como proibição de contratação com o Poder Público, proibição de acesso à Secretaria Municipal de Saúde e proibição de manter contato uns com os outros.

A operação foi denominada “Tempo Real”, em referência à expressão utilizada por um dos investigados em depoimento, ocasião em que afirmou que o líder da organização criminosa tinha informação em tempo real de todas as aquisições fraudadas pela antiga gestão da Secretaria Municipal de Saúde e pelos fornecedores.

Fonte: G1

Video: Homem se joga do elevador Lacerda em Salvador/BA

Na manhã de quinta-feira, dia 8 de abril de 2021, um homem cometeu suicídio se jogando do Elevador Lacerda, na Cidade de Salvador, capital da Bahia.

Pessoas que estavam circulando pelo local no momento do tráfico acontecimento, ficaram traumatizadas com o ocorrido.

“É lamentável e muito triste presenciar algo desse tipo, em um momento tão difícil pelo qual estamos vivendo. Não sei o motivo que levou esse rapaz a fazer isso, mas eu espero que os governantes percebam que não tem sido nada fácil atravessar um momento tão delicado pelo qual vivemos nessa pandemia onde só os próprios governantes têm comida boa na mesa” Declarou uma senhora que ficou muito triste com o ocorrido na manhã se hoje.

Polícia Civil prende quatro suspeitos por tráfico de drogas e venda de armas de fogo em Lago da Pedra e Lago dos Rodrigues

Uma operação de combate à criminalidade, deflagrada pelas Delegacias de Lago da Pedra e Lago dos Rodrigues, no início da manhã desta quarta-feira, 07/04, resultou na prisão de quatro pessoas por tráfico de drogas e comercialização de armas de fogo.

Com o apoio da equipe da Polícia Civil da 14ª Delegacia Regional de Pedreiras, da Força Especial Integrada de Segurança Pública (FEISP) e da Guarda Municipal de Lago da Pedra, a Operação Pessach deu cumprimento a nove mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara de Lago da Pedra.

Os mandados derivam de investigação realizada pela Polícia Civil a fim de apurar homicídios ocorridos no início deste ano. Conforme investigações, tais homicídios teriam como principal motivação a disputa entre facções criminosas rivais, por pontos de venda de drogas na região.

Durante a operação, foram presos em flagrante quatro indivíduos ligados à prática de tráfico ilícito de entorpecentes. Contando com as prisões efetuadas nesta quarta, desde o início das investigações, oito indivíduos já foram presos este ano, em resposta aos crimes supracitados.

Nos locais foram encontrados e devidamente apreendidos inúmeros instrumentos ou produtos de crime, como por exemplo:

19 porções de cocaína; 14 tofes de maconha, além de outras porções; 01 pedra de crack, além de diversas porções fracionadas; 03 armas de fogo (espingardas); 10 smartphones; 01 notebook; 01 motocicleta modelo Honda Pop, de cor vermelha; 01 veículo automotor Fiat, de cor preta; 03 balanças de precisão e aproximadamente R$ 7.000,00, em espécie, além de apetrechos para a fabricação, embalagem e venda de substâncias entorpecentes.

Foi dada voz de prisão e, após as formalidades, os presos serão encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedreiras, onde ficarão à disposição da Justiça.

Video: Jovem é encontrado executado pelo ‘Tribunal do Crime’ em Timon

Na manhã desta quarta-feira(07/04), um homem como aparência de 25 a 30 aproximadamente foi encontrado morto em um local ermo no prolongamento da Avenida Teresina, nas proximidades da Vila Elda Maria, em TimonIML e DHPPEquipes do IML(Instituto de Medicina Legal) e da DHPP(Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa) estiveram no local logo nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira fazendo a perícia na área, fazendo levantamentos preliminares e já deram inícios as investigações.

Concernente à informações de um Agente da Segurança Pública do Maranhão/Timon, o corpo do homem do homem já se encontrava enrijecido, fato que aponta que o homicidio ocorreu na noite da terça-feira(06/04), com os pés e as mãos amarrados e marcas de tiros nas costas, nos joelhos e na cabeça. “Uma típica assinatura do Tribunal do Crime”, salientou um experiente investigador de Polícia Civil da DHPP/Timon.

O corpo do jovem foi levado para Instituto de Medicina Legal e aguarda o reconhecimento por parte da família.

Uma tatuagem com o nome MARIA ELOISA estampada no braço esquerdo deve ajudar na identificação do corpo.

Polícia prende homem envolvido na morte do tenente-coronel da PM em São Luís


Leonardo Matos de 30 anos foi preso casa da mãe (Foto: PCMA)
Já encontra-se preso Leonardo Matos Brandão, de 34 anos, acusado de participar do crime de latrocínio (roubo seguido de morte) do tenente-coronel da Polícia Militar, Ronilson Gomes Pinto, ocorrido no fim de janeiro de 2021.

As investigações apontam que o acusado dirigia o veículo Peugeot 207, cor grafite usado pelo bando criminoso que acabou matando a vítima na porta de casa no Residencial Pinheiros, no bairro do Turu, em São Luís.

A Polícia Civil prendeu o envolvido na porta da casa da mãe dele, no bairro da Cohab, quando saía no período da tarde de segunda-feira (5/05).

O suspeito já responde por alguns crimes de roubo e tem como característica fazer os levantamentos dos possíveis alvos. Fora ele estar guiando o veículo no dia, ele também teria feito o levantamento daquele local para escolher residências suscetíveis, mas a ação acabou culminando com a morte do tenente-coronel, disse Felipe César da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP).

O  delegado ressaltou que o indivíduo preso nesta segunda-feira, também é responsável por conseguir os veículos  e armamentos para serem utilizados nos mais variados crimes. Depois de ser ouvido na sede da SHPP, o homem foi levado para o Sistema Penitenciário de Pedrinhas, onde passou a ficar à disposição da Justiça.

Apesar de ter pilotado o carro no dia do crime, Leonardo Matos não é o proprietário do automóvel, este que também encontra-se preso pela prática de outros crimes, mas não está descartado a participação do dono do veículo no crime de latrocínio vitimando o Tenente.

A SHPP destaca que outros dois suspeitos de envolvimento na morte do militar seguem foragidos, no entanto a polícia tem realizado constantes diligências a fim de prender os indivíduos.

 

Com informações do Jornal Pequeno