Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

HANDEBOL:Equipe codoense Hollanda estreia com vitória na fase final do Campeonato Brasileiro Júnior em Anapólis (GO)

Da redação, Santo André (SP) – A fase final do Campeonato Brasileiro Júnior de Handebol começou nesta terça-feira (26), com as partidas no Ginásio Internacional Newton de Faria, em Anápolis (GO). Pelo masculino, oito equipes estão divididas em duas chaves, e o feminino tem cinco times  em chave única.

Na rodada de ontem do masculino, o Sport Clube Recife/J (PE) venceu o SATC/Nacional Handebol Clube (SC) por 29 a 22, e o ACEU/Univalle/Femel (SC) bateu o HFT (PA) por 33 a 26 no grupo A. Na outra chave, o CAIC/Hollanda/GHC/M. de Nassau Codó (MA) levou a melhor sobre o Trindade/Gov. Goiás/Handesfa (GO) por 31 a 25, enquanto o FME/FLA/Campos/IFF (RJ) fez 35 a 29 na Arenc – Nova Crixás (GO).

Pelo feminino, o Português/Aeso (PE) venceu o Colégio Francisco Xavier (PA) por 47 a 20, e o Fumguaru/Guarulhos (SP) bateu o BGH (MA) por 47 a 26.

Equipe do Flamengo RJ

O Campeonato Brasileiro Júnior segue até o próximo sábado (30), quando serão conhecidos os campeões das duas categorias. No masculino, os dois melhores de cada chave avançam às semifinais, enquanto a disputa do feminino é por pontos corridos.

Serviço
Campeonato Brasileiro Júnior – Fase Final
Data: 26 a 30 de setembro
Local: Ginásio Internacional Newton de Faria
Avenida Senador José Lourenço Dias, s/nº – Anápolis (GO)

Masculino
Chave A: ACEU/Univalle/F Mel (SC), SATC/Nacional Handebol Clube (SC), Sport Clube Recife/J (PE) e HFT (PA)

Chave B: CAIC/Hollanda/GHC/M. de Nassau Codó (MA), FME/FLA/Campos/IFF (RJ), Arenc – Nova Crixás (GO) e Trindade/Gov. Goiás/Handesfa (GO)

Feminino
Chave única: Português/Aeso (PE), Fumguaru/Guarulhos (SP), BGH (MA), Força Atética/Gov de Goiás/Estácio de Sá (GO) e Colégio Francisco Xavier (PA)

Ciclista Codoense fica em terceiro lugar na Segunda Etapa IV Copa de Ciclismo Movimenta Pedreiras

Os ciclistas estão na pista, na IV Copa Pedreirense de Ciclismo. Neste domingo (24/09), foi realizada a segunda etapa do evento, com um percurso de 50 quilômetros, entre Pedreiras e o povoado São Pedro (Lima Campos).

O Codoense Messias fez bonito e terminou a prova em terceiro lugar, ao todo a cidade de Codó foi representado pos 04 Ciclistas.

A primeira etapa foi realizada no dia 19 de agosto e a próxima será no dia 28 de outubro. Com as duas etapas disputadas a classificação da IV Copa Pedreirense de Ciclismo está assim:

1º – Macaxeira – Pedreiras – 17 pontos

2º – Celso Sampaio – Trizidela do Vale – 16 pontos

2º – Messias – Codó – 16 pontos

3º – Aragão – Trizidela do Vale – 14 pontos

4º – Prancha – Pedreiras – 11 pts

4º – Joel – Codó – 11 pts

5º – Francisco (Irmão) – Codó – 10 pts

5º – Roberto – Pedreiras – 10 pts.

7º – Ricardo – Codó – 4 pts

A IV Copa Pedreirense de Ciclismo é uma organização dos ciclistas Alan, Marquinhos e Rebeca, com o apoio da Prefeitura de Pedreiras por meio da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer.

Fonte:pedreirasoficial

COPA BR:Seleção de Codó vence a Seleção de Igarapé Grande por 4X0 e segue invicta

Seleção Codoense

A Seleção de Codó (MA) venceu a seleção de Igarapé Grande pelo placar de 4 x 0 e segue invicta na Copa BR de Seleções. O jogo aconteceu no sábado à tarde no Estádio René Bayma em Codó.

A seleção de Codó mostrou entrosamento, com belos toques rápidos de Jackson e Robinho que deixou a equipe adversária sem levar perigo ao gol de Evandro.

Seleção de Igarapé

O jogo

Que primeiro tempo! Se alguém esperava algum tipo de cautela das equipes, os primeiros 45 minutos mostraram que só a vitória interessava para ambos. O jogo começou corrido. Os donos da casa assustaram mais. No primeiro tempo, do time codoense, efetuando lances que levou perigo ao gol, contou com experiência do jogador Jackson que ainda joga um bolão.

O jogo seguiu quente ambas as equipes criando várias oportunidades de gols, mas a equipe de Codó tinha as melhores chances e aproveitou.

Já no segundo tempo a seleção coodoense voltou com vontade de matar o jogo e um dos jogadores que não jogou bem na primeira etapa o jovem Muri, voltou a mostrar seu belo futebol e logo resolveu deixar a sua marca, no final do jogo,a seleção de Codo com os gols de Jackson,Muri e dois de Robinho venceu a seleção de Igarapé Grande.

Codó:

Evandro
Mury
Jefferson
Leone
Ranan
Edson
M Pimentel
Sean
Jackson
Robinho
Tec Marcelo Sá

IGARAPE GRANDE
Buranga
Leonilson
Caio
Leo
Bruno
Idelvan
Papú
Junior
Clinton
Shelton
Thacone
Tec Wagner Sousa

Como ganhar dinheiro na roleta

A roleta é um dos jogos de cassino mais famosos tanto nos estabelecimentos físicos como nas plataformas online. E isso acontece em todo o mundo por se tratar de um jogo de excelente qualidade, fácil de entender e de se jogar e também muito divertido. Mas, como sabemos o quanto é difícil contar com a sorte e ganhar alguma coisa nesses jogos decidimos trazer para vocês algumas táticas e métodos para se ganhar dinheiro na roleta.

1- Sempre jogue na roleta europeia

Você com certeza já ouviu essa dica de várias pessoas e, provavelmente, nunca entendeu porque que as pessoas diziam sempre para você jogar na roleta europeia. Então vamos lá explicar de maneira fácil e rápida: a vantagem da casa na roleta europeia é de 2.63%, a menor de todos os tipos de roleta. A roleta americana, por sua vez, tem a casa com uma vantagem de 5.26% e na francesa a casa tem uma vantagem de 4.25%. Então, se você quer ganhar dinheiro na roleta o melhor é apostar no modelo europeu que te oferece mais chances de ganho se comparadas com os outros modelos de jogos.

2- Sempre que possível faça apostas fora

Sim, é claro que nós sabemos que as apostas de dentro são bem mais difíceis que as apostas de fora. Mas, ao contrário do óbvio, e que todos pensaram, as apostas de fora não são as menos sortudas. Na verdade, as apostas chamadas de “apostas e fora” tem mais chances de ganhar do que as de dentro. Por isso, o truque é jogar nas apostas de fora e torcer os dedos para dar certo.

3- Mantenha a calma sempre

Um dos grandes motivos para as pessoas perderem muito dinheiro e a casa ganhar também muito dinheiro, é que as pessoas perdem a paciência com a roleta. Quando você perde a paciência você começa então a fazer apostas burras e começa então a perder dinheiro de forma rápida e repentina. Por isso, se você realmente quer ganhar algum dinheiro é melhor manter a calma e a paciência e não se estressar nem se afobar, tudo ao seu tempo, lembre se sempre disso! E se não consegue manter a calma, o melhor a fazer é não jogar!

4- Sempre jogue em cassinos reconhecidos e confiáveis

Já pensou se você coloca o seu dinheiro no cassino, investe todas as moedas no seu jogo favorito e torce para a sorte estar do seu lado. De repente você ganha uma bolada de dinheiro e, na hora da retirada, o site diz simplesmente que está fora do ar ou que está com problemas, e decide não te pagar, o que será bem chato visto que você dedicou seu tempo, seu dinheiro e sua paciência para conseguir ganhar aquela grana. Então a nossa dica é que você sempre pesquise antes sobre a reputação do cassino antes de investir dinheiro no mesmo. Só assim você vai descobrir se ele é ou não confiável e, obviamente, se merece as suas apostas.

 

 

Jô marca com a mão e Vasco é derrotado pelo Corinthians em São Paulo

São Paulo – O Vasco fez uma partida de igual para igual com o líder do Brasileiro, o Corinthians, em São Januário. Porém, a equipe carioca acabou sendo derrotada por 1 a 0 em um lance extremamente polêmico.

Jô fez o único gol da partida em um toque de mão, após cruzamento de Marquinhos Gabriel. O lance gerou muita reclamação dos jogadores vascaínos em São Paulo.

Na próxima rodada, o Vasco joga contra o Sport, no Recife, em confronto que acontece apenas no próximo dia 25.

O JOGO

O Corinthians parecia desde o primeiro minuto imbuído a voltar a vencer na temporada. Empurrado pela torcida, o time se mostrava bem taticamente no duelo, mas tecnicamente alguns jogadores não apresentavam o mesmo brilho do primeiro turno do campeonato. A primeira boa jogada foi com Rodriguinho, que recebeu ótimo passe, invadiu a área, mas mandou para fora com muito perigo.

Aos 20, o lateral Guilherme Arana, que voltava à equipe após quatro partidas de ausência, arriscou de longe, mas a bola subiu demais. A partir daí o Vasco melhorou um pouco e teve uma chance com Nenê, que chutou forte, Cássio espalmou e no rebote nenhum jogador do Vasco alcançou.

Só que o domínio do time da casa era nítido e mesmo os cariocas incomodando com Nenê e Mateus Vital, o Corinthians ainda tinha as melhores chances. Pelo lado esquerdo, o incansável Romero era o motor da equipe e por pouco não abriu o marcador aos 29, quando chutou e a bola desviou na defesa rival.

Na base da pressão, o Corinthians manteve o ritmo forte e foi prejudicado pela não marcação de um pênalti em cima de Jô, aos 39. O jogador reclamou muito, mas a arbitragem mandou seguir. E pouco antes do intervalo, em um cruzamento de Romero, Rodriguinho cabeceou sozinho, de dentro da pequena área, mas mandou por cima do gol.

Na etapa final, o Corinthians voltou mais forte ainda e encurralou o Vasco. Rodriguinho teve nova chance, mas o goleiro Martín Silva fez ótima defesa. Depois, Jadson perdeu grande chance quase na marca do pênalti e na sequência foi a vez de Maycon desperdiçar. Aos 25, Jô mandou para o gol e Martín Silva fez ótima defesa.

Só que aos 28 não teve jeito. Carille havia sacado Jadson para a entrada de Marquinhos Gabriel. E não demorou para o jogador fazer bela jogada pela esquerda, cruzar e Jô mandar para o gol com a ajuda do braço. Os vascaínos reclamaram muito do corintiano no lance, mas a arbitragem validou o gol.

A partir daí, o Vasco tentou o empate de forma desorganizada e o Corinthians apostou nos contra-ataques. Teve até a chance de fazer o segundo, quando Jô cruzou e por pouco Rodriguinho não chegou na bola, mas atrás a defesa se portou bem e garantiu a festa do torcedores na arena em Itaquera.

Após o duelo deste domingo, o Corinthians atuará novamente na quarta-feira para enfrentar o Racing, na Argentina, no confronto de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Já o Vasco terá como próximo desafio a partida do dia 25 de setembro, uma segunda-feira, às 20 horas, na Ilha do Retiro, em Recife, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 VASCO

Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Público/renda: 41.235 pagantes/ R$ 2.436.134,70
Cartões amarelos: Romero (COR), Wagner e Breno (VAS)
Cartões vermelhos:
Gols: Jô (28’/2ºT) (1-0),

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Camacho e Maycon; Jadson (Marquinhos Gabriel, aos 21’/2ºT), Rodriguinho (Giovanni Augusto, aos 44’/2ºT) e Romero; Jô (Kazim, aos 46’/2ºT). Técnico: Fábio Carille.

VASCO: Martín Silva; Madson, Breno, Anderson Martins e Ramon; Gilberto (Escudero, aos 14’/2ºT), Jean (Éder Luis, aos 34’/2ºT), Wagner, Mateus Vital e Nenê; Andrés Ríos (Paulinho, aos 15’/2ºT). Técnico: Zé Ricardo.

Com informações do Estadão Conteúdo

Com gol no fim, Sampaio Corrêa vence o Volta Redonda fora de casa e fica perto do acesso

VOLTA REDONDA – Dono da melhor campanha geral do Campeonato Brasileiro Série C e com um excelente aproveitamento como visitante, o Sampaio Corrêa iniciou, na noite deste sábado (16), diante do Volta Redonda, a batalha por uma vaga nas semifinais da Terceirona e pelo tão sonhado acesso à Série B em 2018. No primeiro jogo das quartas de final, o Voltaço apostava as suas fichas no apoio da torcida, que compareceu em bom número ao Estádio Raulino de Oliveira, mas o Sampaio manteve a fama de visitante indigesto quando mais precisou: com a vitória por 1 a 0, a Bolívia Querida encerrou a invencibilidade do Volta Redonda como mandante na Série C e deu um passo gigantesco rumo ao acesso.

Com uma marcação implacável, no estilo que o consagrou nesta Série C, o Sampaio Corrêa contou com um herói improvável no Estádio Raulino de Oliveira. Escalado como titular de última hora, por causa da suspensão de Diego Silva, o volante Zaquel aproveitou cruzamento de Wellington Rato, aos 46 minutos do segundo tempo, e anotou o único gol da partida, que dá uma grande vantagem ao Tubarão na partida de volta.

Para garantir o acesso à Série B e a vaga nas semifinais da Série C, o Sampaio Corrêa precisa de uma nova vitória ou um simples empate na segunda partida contra o Volta Redonda, que será no próximo sábado (23), às 16h30, no Estádio Castelão. Para avançar, o Voltaço precisa derrotar o Bolivão por dois ou mais gols de diferença, ou por um gol de diferença a partir de 2 a 1. Um triunfo dos visitantes por 1 a 0 leva a decisão da vaga para os pênaltis.

O jogo

Contando com o apoio da torcida no Raulino de Oliveira, o Volta Redonda esboçou uma pressão nos primeiros minutos de partida, principalmente com os avanços de Dija Baiano pela esquerda, mas o Sampaio Corrêa, com uma marcação sólida, impedia qualquer tentativa mais clara de gol por parte dos donos da casa. O Tubarão, por sua vez, encontrou dificuldade na saída de bola e não levou perigo ao gol de Andrey no início de jogo.

Como estava difícil chegar ao ataque no toque de bola, o Volta Redonda arriscou em um lance de bola parada. Aos 21 minutos, Dija Baiano cobrou falta para a grande área, Luan se antecipou aos defensores do Sampaio Corrêa e desviou de cabeça, para fora. A resposta da Bolívia Querida veio aos 23: após receber passe de Fernando Sobral, Felipe Marques cortou a marcação e arriscou o chute, que passou muito perto do canto esquerdo de Andrey. Pouco depois, aos 29, Isac deu belo passe, e Hiltinho chutou em cima da zaga do Voltaço.

Sofrendo para passar pela marcação do Sampaio Corrêa, a equipe do Volta Redonda insistiu nos lançamentos para a grande área. Em uma dessas jogadas, aos 35 minutos, o Voltaço levou perigo: após cruzamento de João Cleriston, Luan conseguiu o desvio, e Alex Alves fez a defesa. Bem posicionado na defesa, o Sampaio ainda teve a chance de abrir o placar aos 44 minutos, mas Andrey evitou que o passe de Pedro encontrasse Isac, que estava livre na pequena área.

Sampaio fecha espaços e garante vitória nos acréscimos

Depois de um primeiro tempo sem muitas emoções, Volta Redonda e Sampaio Corrêa voltaram do intervalo com posturas bem mais agressivas. Em menos de cinco minutos, Dija Baiano arriscou três chutes em direção ao gol do Sampaio, mas Alex Alves salvou todas as tentativas do atacante do Voltaço. O Tubarão chegou com perigo aos nove minutos, em finalização de longa distância de Fernando Sobral, que foi defendida por Andrey.

Com o Volta Redonda se lançando mais ao ataque, o Sampaio Corrêa começou a encontrar espaços na defesa dos donos da casa e teve a sua melhor oportunidade de gol aos 10 minutos. Após jogada de Felipe Marques, Isac recebeu livre na pequena área, cara a cara com Andrey, mas chutou por cima e perdeu um gol inacreditável. A resposta do Volta Redonda veio aos 12 minutos: após finalização de longa distância de Luiz Gustavo, Alex Alves fez grande defesa, e Michel Benhami chutou a sobra para fora.

Com as mudanças de seus treinadores, Volta Redonda e Sampaio Corrêa voltaram a concentrar as disputas de bola no meio-campo, sem criar grandes oportunidades de gol. Quando o empate sem gols parecia certo, o Tubarão surpreendeu o Voltaço e foi ao ataque: aos 44 minutos, Marlon aproveitou o contragolpe e chutou colocado, para grande defesa de Andrey. Pouco depois, aos 46, Wellington Rato jogou a bola para a grande área e Zaquel, livre de marcação, fez o desvio, colocou a bola no canto direito de Andrey e garantiu a vitória do Sampaio em Volta Redonda.

FICHA TÉCNICA

VOLTA REDONDA: Andrey; Luiz Gustavo, Luan, Daniel Felipe e Michel Benhami; Bruno Barra, João Cleriston e Marcelo (Higor Leite); Dija Baiano, Adriano (Henrique) (Euller) e David Batista. T: Felipe Surian

SAMPAIO CORRÊA: Alex Alves; Pedro, Odair, Maracás e Esquerdinha; Zaquel, Diego Valderrama, Fernando Sobral (Jerffeson Recife), Hiltinho (Marlon) e Felipe Marques (Wellington Rato); Isac. T: Francisco Diá.

Fonte: Imirante

Botafogo bate o Santos em casa e sobe no grupo que disputa vaga na Libertadores

Num duelo entre dois times bem modificados, levou a melhor aquele que se poupou menos. O Botafogo, que começou com cinco reservas, despachou sem dificuldades o Santos, que escalou apenas um titular: Vanderlei. O goleiro, aliás, fez boas defesas e evitou que sua equipe sofresse ainda mais do que os 2 a 0, neste sábado, no Nilton Santos, pela 24ª rodada do Brasileirão. 

BOLA NA REDE

Rodrigo Lindoso e Guilherme, ambos reservas, marcaram os gols do Botafogo. Os outros suplentes escalados por Jair Ventura foram: Luis Ricardo, Emerson Silva e Marcelo.

QUE PEIXE É ESSE?

No Santos, o técnico Levir Culpi resolveu poupar quase todo mundo. Todos os jogadores de linha neste sábado eram reservas. Na lateral-esquerda, Orinho fez sua estreia. E foi mal.

Apesar da derrota, o Santos terminará a rodada na terceira posição. Tem 41 pontos e não será ultrapassado pelo Palmeiras,que tem 37 e joga neste domingo. Já o Botafogo, também com 37, fica momentaneamente na quinta posição. Veja a classificação clicando aqui

POR QUE O BOTAFOGO VENCEU

O Botafogo aproveitou-se do desentrosamento dos reservas do Santos para abrir vantagem no primeiro tempo. O time de Jair Ventura teve mais qualidade nos passes e nos arremates. No segundo tempo, administrou o resultado.

POR QUE O SANTOS PERDEU

O Peixe sofreu com a má qualidade técnica de seus suplentes. Sem um pingo de lucidez e mal posicionados, os santistas deixaram enormes espaços para os adversários, que souberam se aproveitar bem.

Caiu o invicto

Com a derrota no Rio, o Santos interrompe a série de 17 jogos consecutivos sem derrotas.

É QUARTA-FEIRA!

Botafogo e Santos agora voltam suas atenções às quartas de final da Taça Libertadores. Na próxima quarta, o Peixe encara o Barcelona-EQU, na Vila Belmiro; o Bota vai a Porto Alegre para encarar o Grêmio. Os dois jogos serão às 21h45 (horário de Brasília).

 

Codoense conquista medalha de Prata no Atletismo nos Jogos da Juventude em Curitiba

Medalha de Prata no Jogos Escolares da Juventude

O Maranhão a sua segunda medalha nos Jogos Escolares da Juventude -JEJ 2017,etapa infantil (12 a 14 anos), que acontecem na cidade de Curitiba (PR).O codoense Luis Ricardo de 14 anos foi medalha de prata no atletismo, categoria 250m livres.

O Atleta que participa pela segunda vez dos jogos, falou da sensação de conquistar a segunda medalha para seu estado.”Estou feliz com o segundo lugar. Realizei meu sonho de ir para a final e conseguir a medalha foi melhor ainda.Tenho tido resultado expressivos; ano que vem espero esta na categoria infanto e trazer mais medalhas para o Maranhão” disse Luis Ricardo.

A delegação Maranhense dos JEJ é composta por 185 componentes

Terceiro Melhor revezamento Escolar do Barsil

entre atletas,técnicos e dirigentes.Até o dia 21 de Setembro os atletas disputarão 11 modalidades, entre elas individuais e coletivas.

A delegação de representantes de Arari,Governador Edson Lobão,João Lisboa,Imperatriz,São Luis,Timon e Codó. Nas modalidades coletivas o Maranhão disputará no Voleibol,Basquetebol,Handebol e Futsal  de 17 a 21 deste mês.

Codó mais oito equipes avançam para a terceira fase do Copão da BR de Seleções

Time do Codó

A segunda fase do Copão da BR de Seleções, teve inicio no ultimo final de semana com a realização de nove jogos, em diversos campos pelo interior do estado.

No sábado (9), a  bola rolou para seis jogos. Igarapé do Meio enfrentou Satubinha e venceu pelo placar de 1×0, Lago Açu no tempo normal empatou com Bom Jardim em 2×2, nos pênaltis  Bom Jardim venceu por 4×2, Bom Jesus das Selvas empatou com  Pindaré em 2×2, nos pênaltis  Bom Jesus venceu por 9×8, Viana jogo contra São Bento e empatou 1×1, nos pênaltis Viana venceu por 4×2, Matinha derrotou Arari por 3×0 Arari e Pirapemas derrotou Miranda do Norte por 2×0. No domingo (10),  Araguanã encarou Cajarí e venceu por 2×1, Monção  enfrentou Santa Luzia e venceu por 2×1 e Buriticupu derrotou   Santa Inês por 3×2.

O complemento da segunda fase do Copão da BR, será realizado nos dias 16 e 17. No dia 16, Maracaçumé enfrenta Carutapera, Godofredo Viana joga contra Presidente Medici, Codó enfrenta Pedreiras,Zé Doca enfrenta Turiaçu.No dia 17, Igarapé Grande enfrenta  Caxias e Santa Helena encara Santa Luzia do Paruá.

O Copão da BR de Seleções de 2017 é organizado pelo Departamento Autônomo de Futebol da Região do Alto Turi – DAFRAT.A competição conta com a participação das Seleções representando os municípios de Alto Alegre do Maranhão, Araguanã, Arari, Bernardo do Mearim, Boa Vista do Gurupi, Bela Vista do Maranhão, Bom Jardim, Bom Jesus da Selva, Buriticupu, Cajarí, Capinzal do Norte, Carutapera, Caxias, Centro Novo do Maranhão, Codó, Coroatá, Godofredo Viana, Governador Newton Bello, Igarapé Grande, Igarapé do Meio, Itapecuru Mirim, Lago Açu, Lago Verde, Maracaçumé, Maranhãozinho, Matinha, Miranda do Norte, Monção, Paulo Ramos, Pedreiras, Peritoró, Pio XII, Pindaré Mirim, Pirapemas, Presidente Médici, São Bento, São Luís Gonzaga, São Vicente de Ferrer, Santa Helena, Santa Inês, Santa Luzia do Paruá, Santa Luzia do Tide, Santo Antônio dos Lopes, Satubinha, Turiaçu, Viana, Vitoria do Mearim e Zé Doca.

Por Igor Leonardo