Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

Levi Pontes sai em defesa de Waldir Maranhão: “Não recebeu como fantasma”

levi-pontes-e1463541590650-1024x540
O deputado estadual governista e pré-candidato a prefeito de Chapadinha, Levi Pontes (PCdoB), saiu em defesa do presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), e afirmou que o parlamentar federal “não recebeu como fantasma” pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema). Para Levi, que leu uma nota divulgada após a descoberta da sinecura, tudo não passou de uma “falha no lançamento” de pagamentos do sistema da própria universidade .
“Extraio desta nota de esclarecimento que o professor Waldir não recebeu como fantasma. O salário dele foi pago nesse período em razão da falha no lançamento no sistema do período do seu afastamento”, declarou Pontes, nessa terça-feira 17.
Aliado do governador Flávio Dino (PCdoB), Maranhão se locupletou em quase R$ 400 mil em salários da Universidade Estadual do Maranhãode fevereiro de 2014, último ano de governo da peemedebista Roseana Sarney, até janeiro de 2016, quando o Palácio dos Leões já estava sob comando de Dino. Ele é lotado no Departamento de Patologia do Centro de Ciências Agrárias da Uema como professor adjunto, e embolsava religiosamente cerca de R$ 16 mil mensais sem precisar ir trabalhar.
O pagamento era recebido de forma criminosa, pois o servidor público que assume cargo de deputado tem que ser afastamento imediatamente para só em seguida começar a exercer seu mandato parlamentar e ser remunerado.
Em fevereiro deste ano, após uma auditoria, Maranhão foi descoberto e notificado pela Uema a ressarcir aos cofres públicos o dinheiro que embolsou irregularmente. Um mês depois, ainda chegou a requerer da universidade o cálculo atualizado do valor a ser devolvido ao erário estadual, bem como a forma de proceder a referida devolução, porém até hoje não deu prosseguimento ao ressarcimento da verba e ainda posa de herói da democracia e da Constituição Federal sob os aplausos e direcionamentos do governador Flávio Dino, de quem se tornou mais próximo desde a iminência do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).
Apesar do recebimento marginal de salário por Waldir, o deputado Levi Pontes defendeu ainda que o presidente interino da Câmara não estaria agindo a margem da lei. A defensa de Pontes tem por base, segundo ele, no prazo estabelecido para a devolução dos quase R$ 400 mil embolsados por Maranhão como fantasma da Uema, que vai até o dia 10 de junho. Apesar da universidade ou a própria Secretaria de Transparência e Controle do governo Flávio Dino não ter denunciado o caso ao Ministério Público do Maranhão – que abriu investigação por conta própria, após tomar conhecimento do fato pela imprensa –, Pontes disse acreditar que o Palácio dos Leões não tentou esconder o crime do aliado dentro de seu próprio governo.
“A Uema adotou as medidas de bloqueio do salário e as cobranças do ressarcimento muito antes de ser divulgado pela mídia. Portanto, o deputado Waldir Maranhão tem até o dia 10 de junho para efetuar a devolução. Não houve nenhuma tentativa de obstruir, panos quentes ou omissão. A Uema agiu dentro da lei e com responsabilidade”, declarou o deputado.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Iltamar da Saúde participa de festa em homenagem ao dia das mães no Povoado Axixa

IMG-20160518-WA0017 Itamar da Saúde esteve na localidade Axixá, juntamente com a direção da Associação dos Moradores e famílias do povoado, para participar de um dia de atividades alusivas ao Mês da Mulher. O evento aconteceu no último dia 15 de maio. Pela manhã, Itamar participou de um café da manhã com as mães da localidade, que também passaram o dia participando de um dia de beleza, com corte de cabelo para as mães e também para os homens. Para as mães também foram ofertados serviços de escova.IMG-20160518-WA0018
Na parte da tarde aconteceu uma festa para as mamães, com distribuição de presentes e sorteio de vários brindes, brindando com muita alegria o dia das mães do povoado Axixá.  “É um prazer muito grande estar com nossas amigas da localidade Axixá, celebrando um dia inteiro de atividades para as mães. É um momento especial que precisamos celebrar”, comentou Itamar.IMG-20160518-WA0016

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Acusado de matar escrivã será julgado em Caxias

1O julgamento do acusado de matar, Loane Maranhão da Silva Thé, 32, está marcado para o dia 7 de junho, em Caxias-MA.

A escrivã foi morta no dia 15 de maio de 2014 dentro da Delegacia da Mulher de Caxias. Loane trabalhava no município há cerca de quatro anos.
O crime ocorreu enquanto a vítima tomava o depoimento de Francisco Alves Costa, 43. Ele foi levado para a delegacia sobre acusação de está abusando sexualmente das próprias filhas.
Durante o depoimento, ele pegou uma faca sobre uma mesa e golpeou Loane no pescoço. Uma companheira dela que estava em outra sala também foi atingida.
As duas foram socorridas e levadas para o HGM, mas Loane não resistiu aos ferimentos e morreu. Após praticar o crime, o elemento ainda conseguiu fugir, mas foi preso na rodoviária da cidade Ano passado, Francisco Costa foi condenado a mais de 70 anos de prisão por abusar das filhas, de 17 e 20 anos.
Fonte: Via whatsApp
 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Prefeitura de Peritoró lança seletivo para Agentes Comunitário de Saúde com salário de R$ 1.014,00

1423602147A Prefeitura de Peritoró, também tornou público a realização do processo seletivo simplificado para provimento de 14 vagas de ACS – Agentes Comunitários de Saúde, do quadro de pessoal do município. De acordo com o edital n° 001/2016, esses profissionais devem ter nível fundamental, com salário de R$ 1.014,00 em carga horária de 40 horas por semana.
As inscrições serão realizadas até 19 de maio de 2016.
Maiores informações podem ser consultadas no site da Prefeitura www.peritoro.ma.gov.br

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Lobão recusou participar de acareação com ex-diretor da Petrobras

senador-edison-lobao-pmdb-pi-e-um-dos-alvos-da-operacao-catilinariaEx-ministro de Minas e Energia, o senador Edison Lobão (PMDB-MA) recusou participar de acareação com o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, um dos delatores do esquema de corrupção na estatal.

Lobão é investigado neste inquérito pela suspeita de que o ex-diretor lhe pagou R$ 1 milhão “em razão de suas funções como ex-diretor de Abastecimento […] atendendo a solicitação do” próprio beneficiário não só por ser do PMDB, mas também se valendo de suas funções como ministro de Minas Gerais, instância política da Petrobras”.

A investigação apura se o dinheiro teria saído do caixa referente ao PP no esquema, sendo que “a doação se efetivou por meio do doleiro Alberto Youssef, valendo-se de operações fictícias, como artifícios, em contexto de possível processo de ocultação e dissimulação de sua origem.”

Advogado do senador, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, disse que Lobão tinha interesse em fazer, mas foi orientado pela defesa.

O criminalista afirmou que o Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Yousseff fizeram acareações, mas os dois “estão em franca contradição” no caso.

“É a própria negação da essência da delação, que é o compromisso de dizer a verdade. Ora se dois delatores se contradizem as delações não podem valer e o Ministério Público teria o compromisso ético de pedir a nulidade das delações”.

O senador ainda é alvo de outra apuração no Supremo, ao lado de líderes do PMDB, por suspeita de ser beneficiado com o pagamento de propina para a construção da usina de Angra 3.

O STF já autorizou a quebra dos sigilos bancário e fiscal de Lobão, de André Serwy, apontado por delatores como operador do ex-ministro de Minas e Energia na Lava Jato, e de duas empresas.

Na época, a defesa do senador Lobão informou que, por ser um homem público, suas contas estão “naturalmente abertas” e que ele próprio colocou seus sigilos à disposição da Polícia Federal quando prestou depoimento.

Sua defesa nega o recebimento de propina pelo senador.

Segundo a delação premiada do dono da UTC, Ricardo Pessoa, Lobão, no comando do ministério, pediu R$ 30 milhões em propina para financiar o PMDB nas eleições de 2014. O empresário contou aos investigadores que pagou R$ 1 milhão ao senador para que fizesse “ingerência” em favor do consórcio da UTC para construção da usina nuclear Angra.

O dinheiro foi pago em três parcelas, sendo que em duas, Serwy foi receber pessoalmente no escritório da UTC. Em uma delas, o empresário teria voltado para Brasília de carro, para evitar possíveis problemas no aeroporto, em razão das quantias em dinheiro vivo.

De acordo com delatores, parentes de Serwy trabalhariam para Lobão no Senado e seu pai teria sido sócio de Lobão em uma empresa.

Fonte:Folha de São Paulo

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Justiça bloqueia R$ 235 mil do filho de Waldir Maranhão

IMG_20160518_062045O juiz Douglas Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da capital, concedeu na noite de ontem (16) liminar em ação popular protocolada pelos advogados Pedro Leonel Pinto de Carvalho e Aristóteles Duarte Ribeiro (reveja) e determinou o bloqueio de R$ 235 milem bens de Thiago Augusto Maranhão, filho do presidente interino da Câmara, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), e o recadastramento de servidores do Tribunal de Contas do Estado (TCE) do Maranhão.
Baixe aqui a íntegra da decisão.
Thiago tinha cargo de assessor no gabinete do conselheiro Edmar Cutrim, mas trabalha e estuda em São Paulo e estava fora do Maranhão desde 2011.
No seu despacho, Douglas Martins argumenta que o bloqueio dos bens no valor correspondente ao que ele recebera entre novembro de 2013 e abril de 2016 “se destina a conservar a higidez de eventual sentença condenatória, pressuposto da tutela cautelar pretendida”.
Sobre o recadastramento, o magistrado alega que o procedimento pode dar ao TCE-MA a chance de identificar outros casos de funcionários fantasmas e cessar as irregularidades.
“A existência de um servidor recebendo pagamentos sem que estivesse efetivamente trabalhando, tal como noticiado nestes autos, levantou a suspeita de que esta prática pode ser comum. Com o recadastramento, o próprio Tribunal de Contas terá condições de corrigir outras eventuais irregularidades que venham a ser constatadas”, despachou.

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

BOMBA! Secretaria de Saúde do governo deve R$ 100 milhões aos fornecedores

Saúde-pública-no-governo-Flávio-Dino-enfrenta-um-caos-financeiroA Secretaria de Estado da Saúde (SES) está passando por uma grave crise financeira, resultado da ineficaz gestão do governador Flávio Dino (PCdoB).
O caos é tão grande que a pasta está devendo R$ 100 milhões aos fornecedores, que estão agonizando com a falta de pagamento do Estado.
Por disso, entre outras coisas, é que a falta de medicamentos na FEME (Farmácia Especial de Medicamentos Excepcionais do Maranhão).
O que ninguém consegue entender – nem mesmo os aliados do governador, é que todo “mundo” acusa o ex-secretário Ricardo Murad de desviar dinheiro da Saúde, que funcionava em sua gestão. Já no atual governo com pessoas que se dizem “honestas” comandando a pasta, não tem dinheiro e nada funciona.
Como assim!? Quer dizer então que antes tinha dinheiro para “roubar” e ainda fazer uma boa administração, agora que só tem gente que não “rouba”, não tem recurso para a Saúde Pública?
Cadê o dinheiro da Saúde Pública do Maranhão, governador? Essa é a pergunta que milhões de maranhenses – que necessitam de um atendimento de qualidade, querem saber.
Fonte:Luis Pablo

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Fundação Itaú Social lança edital de apoio aos Fundos da Infância e Adolescência

itac3ba-socialA Fundação Itaú Social disponibiliza o Edital para a Destinação de Recursos aos Fundos da Infância e Adolescência (FIA). Os Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente de todo o País podem inscrever, até o dia 05 de agosto, propostas focadas em educação integral.
Os recursos serão destinados ao Fundo para apoiar ações, serviços, programas ou projetos educacionais voltados ao acesso à cultura, à arte, à ciência, à tecnologia, ao lazer e ao esporte. Os valores são provenientes da destinação de 1% do imposto de renda devido das empresas do Conglomerado Itaú Unibanco Holding S.A.
“Os recursos devem ser aplicados em projetos inovadores que inspirem caminhos para políticas públicas”, explica a Coordenadora de Mobilização Social da Fundação Itaú Social, Claudia Sintoni. “Este ano, além da documentação já usual, estamos solicitando também a planilha de orçamento da proposta, para que seja analisada a sua consistência e viabilidade”.
Para efetuar a inscrição das propostas, os Conselhos devem enviar a Carta de Encaminhamento, o Formulário de Inscrição de Proposta e a planilha de Orçamento da Proposta. As inscrições recebidas serão analisadas durante os meses de agosto a outubro e o resultado final tem previsão de divulgação para 30 de novembro.
A íntegra do edital e a relação de documentação necessária estão disponíveis no site da Fundação Itaú Social (www.fundacaoitausocial.org.br).
__________________________________
Informações
Assessoria de imprensa Fundação Itaú Social
Tamer Comunicação
Ana Claudia Bellintane – 11 3031-2388 – ramal 238 – 11 96909-4407

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Suspeito fica preso ao tentar invadir casa pelo telhado em Campo Maior

whatsapp-image-20160516-1Um homem identificado como Valdinar Cardoso Santos, de 37 anos, ficou preso no telhado de uma residência ao tentar invadi-la. A casa fica localizada no bairro Santa Cruz, em Campo Maior. O suspeito foi socorrido por policiais e levado ao 1º Distrito Policial, onde foi autuado em flagrante.
O caso aconteceu na noite dessa segunda-feira (16/05). Valdinar tentou entrar na casa pelo telhado, mas não esperava ficar enganchado entre as ripas.
A Polícia Militar foi acionada pelos vizinhos, já que os proprietários não estavam na residência. Os policiais conseguiram retirar o rapaz do incomodo lugar onde se encontrava pendurado e depois o levaram para a delegacia.
Fonte:180 graus
 

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.

Mulher atacada por tubarão, fica com ele preso ao braço dela

1_20160516101423149700u-281489Miami, Estados Unidos -Uma mulher atacada por um tubarão enquanto se banhava na Flórida, no sudeste dos Estados Unidos, foi levada à emergência do hospital com o animal ainda preso ao seu braço, informou a imprensa local.
O pequeno tubarão-enfermeiro de 60 cm de comprimento tinha seus dentes totalmente incrustados no braço da mulher. Para levá-la ao hospital, os socorristas improvisaram uma maca especial que sustentava o braço e o tubarão ao mesmo tempo, disse o South Florida Sun-Sentinel.
A vítima foi mordida enquanto se banhava em uma praia da cidade de Boca Raton.
Quando chegou ao posto de salva-vidas, acompanhada de seu companheiro, o tubarão respirava pouco, mas ainda seguia agarrado ao corpo da mulher, segundo o Sun-Sentinel.
O jornal Palm Beach Post informou que após o ataque um homem que estava na praia matou o tubarão. No entanto, ninguém conseguiu soltá-lo do braço da mulher, que foi enviada de urgência ao hospital quando disse que estava com falta de ar.
A presença de tubarões-enfermeiro – que chega a três metros de comprimento na fase adulta – é comum na costa Atlântica da Flórida. No entanto, geralmente estes tubarões não representam perigo. São animais noturnos que se alimentam de pequenos peixes e de outras criaturas marinhas. Durante o dia, podem ser vistos em águas pouco profundas.
Uma testemunha citada pelo Sun-Sentinel declarou ter visto antes do ataque alguns turistas importunando o tubarão.
Por: Correio Braziliense

 
Acompanhe o Codó Notícias também pelo Facebook , YouTube e Instagram.