Codó Notícias - O melhor e mais completo site da Região dos Cocais

As leis de trânsito mais estranhas do mundo

As leis de trânsito são muito importantes e quem desrespeitá-las está sujeito a multas e punições. Elas são idealizadas para proporcionar maior segurança aos condutores e tudo que está envolvido ao seu redor: automóveis, motocicletas, pedestres e ciclistas.

Mas nem sempre as leis de trânsito aparentam fazer sentido. Ao redor do mundo existem regulamentos tidos como bizarros. Já ouviu falar da proibição de ‘dirigir’ camelos na rodovia? E amarrar um animal de estimação no teto do carro? Você já fez isso?

Veja as leis de trânsito mais bizarras do mundo:

Arábia Saudita

  • Até agosto de 2017, as mulheres eram proibidas de dirigir.

Cingapura

  • Quem para a menos de 50 metros do pedestre que está atravessando a rua fica sujeito a uma notificação

Dinamarca

  • Antes de funcionar o carro, checar freios, buzina, direção e faróis e também conferir se… há alguém escondido sob o veículo.

Espanha

  • É proibido dirigir sem óculos escuros em dias ensolarados.

Grécia

  • Quem estaciona o carro em local proibido corre o risco de ter a placa do veículo levada embora por… Policiais

Romênia e Rússia

  • Dirigir um carro muito sujo rende multa. Mas a definição de “muito sujo” depende do policial.

Suíça

  • É proibido lavar carros aos domingos.

 As leis de trânsito mais estranhas dos Estados Unidos

Alabama

  • Todos os carros devem ser equipados com limpadores de para-brisa.
  • Dirigir com olhos vendados é ilegal.
  • É proibido lançar melecas ao vento.

Alasca

  • Cidade de Anchorage: ninguém pode amarrar o animal de estimação no teto do carro. Também: É ilegal estender um fio atravessado na estrada.

Califórnia

  • Cidade de San Francisco: é proibido usar uma cueca usada para secar carros em car wash.

Carolina do Sul

  • Ao se aproximar de um cruzamento de quatro vias ou uma interseção cega, o veículo não puxado a cavalo deve parar a 30 metros e disparar tiros para advertir o tráfego de cavalos.

Geórgia

  • Membros da Assembleia Legislativa não podem ser multados por excesso de velocidade quando a assembleia estiver em sessão.

Idaho

  • Cidade de Coeur d’Alene: se o policial se aproximar de um carro e suspeitar que os ocupantes estão fazendo sexo, ele deve buzinar ou dar sinal de luz e esperar três minutos antes de abordar o carro.

Indiana

  • Um homem, com mais de 18 anos, pode ser preso por estupro se a passageira em seu carro tiver menos de 17 anos e estiver sem meias e sapatos
  • É contra a lei ultrapassar um cavalo na rua.

Kansas

  • Para cruzar rodovias, pedestres devem usar lanternas traseiras.
  • Cidade de Lawrence: qualquer carro, ao entrar na cidade, precisa buzinar para alertar os cavalos sobre sua chegada.

Kentucky

  • Cidade de Fort Thomas: cachorros não podem molestar carros.

Maryland

  • Cidade de Rockville: É proibido xingar em uma rodovia.

Massachussets

  • Motoristas de táxi não podem fazer sexo no banco dianteiro durante o turno de trabalho.
  • É proibido transportar gorilas no banco traseiro do carro.

Michigan

  • Na lei estadual, dentistas são oficialmente classificados como mecânicos.
  • É proibido vender carros aos domingos.
  • Cidade de Detroit: Casais são proibidos de fazer amor no carro, a não ser que ele esteja estacionado da propriedade do casal.

Minnesota

  • É obrigatório usar camisa para dirigir motocicleta.

Montana

  • É ilegal transportar um carneiro na cabine da camionete, sem um acompanhante.

Nova Jersey

  • Quando, no trânsito, um policial fizer a pergunta padrão “você sabe por que mandei você encostar?” e o motorista responder “se você não sabe, não sou eu que vai lhe dizer”, este será automaticamente multado em US$ 300.
  • Motoristas devem advertir a quem quiser ultrapassar nas estradas, antes de fazê-lo.
  • Quem for condenado por dirigir intoxicado nunca mais receberá uma placa de veículo personalizada.

Ohio

  • É obrigatório buzinar ao ultrapassar outro carro.

Oklahoma

  • É proibido molestar um automóvel.
  • É contra a lei ler revista de histórias em quadrinho, quando se está dirigindo um carro.
  • Proibido transportar peixes em aquário no ônibus.
  • Papel higiênico não pode ser encontrado na traseira de um carro.
  • Carros precisam ser amarrados do lado de fora de um prédio público.

Oregon

  • O motorista deve testar sua resistência física ao dirigir em uma rodovia.
  • Motoristas devem dar preferência a pedestres em pé na calçada.
  • A porta de um carro não pode ficar aberta por mais tempo do que o necessário.

Pensilvânia

  • É proibido vender veículos motorizados aos domingos.
  • Ao dirigir em uma estrada estadual durante a noite, o motorista deve parar, soltar um rojão e esperar dez minutos, para que os animais se afastem da estrada.

Rhode Island

  • O motorista deve fazer barulho ao ultrapassar um carro pela direita.

Tennessee

  • É violação da lei dirigir dormindo.

Utah

  • Pássaros têm preferência em todas as rodovias estaduais.

Virgínia

  • Uso de radar pela polícia é ilegal.

Washington

  • É proibido cuspir dentro do ônibus.

Canadá abre 200 vagas para brasileiros; salário anual médio é de R $ 403 mil

Desaparecida há dois anos, mulher é resgatada viva do mar; veja

A vítima se jogou no mar na tentativa de escapar dos abusos físicos e psicológicos que sofria do ex-marido.

Uma mulher de 46 anos que estava desaparecida há dois anos foi  resgatada viva do mar por um pescador, na Colômbia. O corpo estava a cerca de 2,5 quilômetros da costa.

De acordo com as autoridades do país, Angelica Gaitán estava com hipotermia e muito debilitada, após ficar cerca de oito horas no mar. A vítima chegou ao hospital da cidade em estado de choque.

O pescador Rolando Visbal, contou a uma rádio colombiana que, inicialmente, pensou que tivesse avistado um tronco de árvore, e só percebeu que se tratava de Angelica quando viu o corpo dela se mexer.

Segundo a própria vítima, ela não tem contato com a família, que a considerava desaparecida há dois anos. Em entrevista à rádio RCN, Angelica disse que se jogou no mar com a intenção de tirar a própria vida, na tentativa de escapar dos abusos físicos e psicológicos que sofria do ex-marido, com quem viveu por 20 anos. “As agressões começaram na minha primeira gravidez, ele me batia e era violento”, contou Angelica.

A mulher relata que no dia que decidiu deixar a casa em que morava com o ex-marido, em setembro de 2018, ele quebrou os ossos de sua face e tentou a matar: “Graças a Deus consegui escapar”, disse. “Fiquei vagando pelas ruas por quase 6 meses, depois fui buscar ajuda e me mandaram para um abrigo”, explicou.

Porém, segundo a vítima, ela foi informada na última sexta-feira (25) de que a medida protetiva contra o homem havia perdido a validade e que ela deveria sair do abrigo que estava, em Barranquilla. Foi quando decidiu se jogar no mar.

Assim que soube do resgate de Angelica, a família entrou em contato com ela. “Eu renasci”, disse ela.

Fonte:IG

Bebê nasce durante voo e ganha viagens de graça pelo resto da vida

No meio de um voo, que seguia do Cairo, capital do Egito, a Londres, na Inglaterra, uma mulher entrou em trabalho de parto e teve o bebê a bordo. O fato ocorreu na quinta-feira (17/9) da semana passada e a criança ganhou da companhia aérea viagens de graça pela vida inteira.

O voo da EgyptAir tinha duração de cinco horas. Segundo a companhia, o piloto pediu um pouso de emergência em Munique, na Alemanha, quando soube que a mulher estava tendo contrações. Mas o bebê nasceu antes do pouso. Um médico que estava a bordo que fez o parto.

A mãe se chama Hiyam Nasr Naji Daaban e é do Iêmen. A companhia anunciou no Twitter o presente para o novo cliente.

Fonte Correio Brasiliense

Israel firma acordos de paz históricos com Bahrein e Emirados Árabes Unidos

Hoje o primeiro ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e os ministros de relações exteriores dos Emirados Árabes Unidos, Sheikh Abdullah bin Zayed Al Nahyan, e do Bahrein, Abdullatif Al assinaram acordos históricos de paz, em uma cerimônia na Casa Branca, em Washington, com a presença de Donald Trump, articulador da iniciativa.

“Pela primeira vez, dois acordos de paz e normalização são declarados em menos de 30 dias, um fato inédito que certamente entrará para história, 25 anos após a última declaração de paz proclamada na região, entre Jordânia e Israel”, afirma André Lajst, cientista político especialista no conflito árabe-israelense e no Oriente Médio, doutorando em Ciências Políticas e Sociais pela Universidade de Córdoba e diretor-executivo da StandWithUS Brasil.

Agora somam-se 4 os países árabes a reconhecerem e normalizarem relações com Israel: Egito, Jordânia, Emirados Árabes Unidos e Bahrein.

Em 1979, o Egito, liderado pelo presidente Anwar Sadat foi o primeiro país árabe a quebrar o tabu e firmar um acordo de paz com Israel. A famosa foto de Menachem Begin e de Sadat apertando as mãos acompanhados por Jimmy Carter, então presidente dos EUA, entrou para a história. Egito e Israel dividem uma larga fronteira e lutaram diversas guerras. Desde 1979, Egito e Israel tem cooperado intensivamente para a estabilidade e prosperidade da região. O acordo rendeu às partes o prêmio Nobel da Paz.

Em 1993, os acordos de Oslo foram assinados na mesma Casa Branca, desta vez entre Israel e a Organização para Libertação da Palestina (OLP). O Primeiro Ministro de Israel, Ytzhak Rabin e o líder palestino Yasser Arafat declaram mútuo reconhecimento e a formação de um acordo preliminar que criou a Autoridade Nacional Palestina. Apesar de a disputa ainda existir entre as partes, desde os acordos de Oslo os palestinos possuem pela primeira vez na história um governo autônomo. Esse acordo, mediado pelo então presidente Bill Clinton, também rendeu às partes o prêmio Nobel da Paz.

Já em 1995 foi a vez da Jordânia, país vizinho e frequentemente hostil à Israel – que também se envolveu em diversas guerras contra o Estado Judeu – firmar a paz. Em um acordo firmado em Aqaba, na Jordânia, Rabin e o Rei Hussein da Jordânia assinaram um acordo histórico, terminando com décadas de estado de guerra e beligerância entre as partes.

“Vinte e cinco anos passaram sem novas declarações de paz, apesar de ter sido reportado diversas vezes na mídia internacional um aquecimento e aproximação entre Israel e diversos países árabes e islâmicos por vários motivos: o perigo do programa nuclear iraniano; o aumento do terrorismo global e a necessidade de trocas de inteligência; o desenvolvimento tecnológico de Israel em diversas áreas, incluindo segurança, agricultura e medicina; a estagnação do processo de paz entre Israel e os palestinos; e as inúmeras denúncias de corrupção e falta de visão política dos líderes palestinos em tentar resolver o conflito com Israel”, afirma André. “As famosas fotos de apertos de mão e paz sendo firmada na Casa Branca ganharão hoje mais um exemplar, 27 anos após a última foto ter sido tirada, em 1993. Estamos presenciando a maior mudança no Oriente Médio há décadas”, ele afirma.

Dono da Amazon é a 1ª pessoa a alcançar fortuna superior a US$ 200 bilhões

Jeff Bezos: participação de cerca de 11% de Bezos na Amazon representa mais de 90% de sua fortuna (Mario Tama/Getty Images)

O empresário bilionário Jeff Bezos, que já é o homem mais rico do mundo, teve seu patrimônio avaliado em mais de 200 bilhões de dólares nesta quarta-feira, algo inédito no ranking de bilionários da revista americana Forbes. O valor da fortuna foi alcançado com a valorização das ações da Amazon, empresa da qual ele é CEO e fundador.

As ações subiram mais de 2% nesta tarde, levando a fortunda de Bezos, de 56 anos, para 204,6 bilhões de dólares, um ganho de 4,9 bilhões. O montante é cerca de 90 bilhões mais alto que o do filantropo Bill Gates, fundador da Microsof, e segundo homem mais rico do mundo. Gates, durante muito tempo, esteve na primeira posição.

Com a bolha da internet, nos anos 90, Bill Gates chegou a alcançar uma fortuna de 158 bilhões de dólares, em valores corrigidos, um valor que ainda seria 40 bilhões abaixo do que Bezos alcançou nesta quarta.

Estimuladas pelas mudanças nos hábitos de consumo como resultado da pandemia do novo coronavírus, as ações da Amazon aumentaram quase 80% desde o início de 2020, e o patrimônio líquido de Bezos, que era de cerca de US$ 115 bilhões em 1º de janeiro, acompanhou.

De acordo com a Forbes, a participação de cerca de 11% de Bezos na Amazon representa mais de 90% de sua fortuna. O empresário também é dono do jornal Washington Post e da empresa aeroespacial Blue Origin.

Bezos seria ainda mais rico se não tivesse feito o acordo de divórcio mais caro da história no ano passado. Quando ele se separou de MacKenzie Scott, concordou em dar a ela 25% de sua participação na Amazon, um naco de ações que agora vale 63 bilhões de dólares.

Mesmo depois de doar 1,7 bilhão em presentes de caridade no início deste ano, Scott é atualmente a 14ª pessoa e a segunda mulher mais rica do mundo, atrás da herdeira da L’Oréal Françoise Bettencourt Meyers, graças às ações da companhia.

Explosão em Beirute: TV estatal libanesa anuncia morte de líder partidário 18 min atrás

A emissora de TV estatal libanesa NNA anunciou a morte do líder partidário Nizar Najarian, secretário-geral do Partido Kataeb (conhecido como Falanges Libanesas), vítima de ferimentos causados pela forte explosão ocorrida hoje na região portuária de Beirute, capital do Líbano. Segundo a emissora, Najarian estava em seu escritório no momento da explosão.

De acordo com autoridades do país, pelo menos 30 pessoas morreram em decorrência da explosão. Além disso, o incidente deixou mais de 2,2 mil feridos, que estão sendo encaminhados para hospitais da cidade. Uma gigantesca coluna de fumaça pode ser vista de toda a cidade, segundo testemunhas relataram e registraram em vídeos publicados nas redes sociais.

Duas fontes de segurança disseram à Reuters que a explosão ocorreu na área portuária que contém armazéns. A explosão abalou várias áreas da capital, quebrando janelas e portas e danificando veículos.

“Vi uma bola de fogo e fumaça subindo sobre Beirute. Pessoas estavam gritando e correndo, sangrando. Sacadas foram arrancadas de edifícios. O vidro dos prédios se partiu e caiu nas ruas”, disse uma testemunha da Reuters.

* Com informações da Reuters

A Igreja Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias dias é processada após denunciar abuso sexual relatado em confissão; entenda

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias , conhecida informalmente como Igreja Mórmon, está sendo processada pela esposa de um homem que está preso após ter sido denunciado por membros da igreja, em Stayton , no Oregon , Estados Unidos . Durante confissão a um líder mórmon, o marido dela admitiu ter cometido abuso sexual , o que motivou a denúncia.

No processo, Kristine Johnson pede 9,5 milhões de dólares por perda de renda, sofrimento emocional e perda da companhia do marido Timothy Samuel Johnson. Os dois pertenciam a uma congregação Mórmon quando ela descobriu sobre o caso de abuso do marido, em 2017.

Ao ficar sabendo, Kristine acompanhou Timothy até a igreja para que ele fizesse a confissão. Depois de tomarem conhecimento do relato, os líderes mórmons resolveram acionar a Justiça.

Defesa

O advogado do casal, Bill Brandt, alega que uma confissão tem tem que ser confidencial e que, por isso, a igreja violou as próprias regras. “Está sendo devastador para a família. Eles perderam um pai e um marido”, disse Brandt ao jornal New York Post.

Timothy Joston foi sentenciado a 15 de anos prisão, em 2018, por ter abusado sexualmente de uma menor de idade, e está preso em Pendleton, no Oregon.

Fonte IG

Máscara que mata novo coronavírus é desenvolvida em Portugal

Enquanto não surge uma vacina capaz de imunizar a população contra o novo coronavírus, o único jeito de manter algum contato social nos ambientes públicos ou de trabalho é com o uso de máscaras. Agora, cientistas de Portugal desenvolveram um equipamento que pretende tornar essa convivência ainda mais segura. A colaboração entre várias empresas e centros de pesquisa e acadêmicos resultou no desenvolvimento de uma máscara que mata o SARS-CoV-2, causador da Covid-19.

A máscara, chamada MOxATech, conta com um revestimento que neutraliza o vírus no momento do contato. Fabricada em um tecido branco, ela tem várias camadas diferentes e é reutilizável.

O projeto foi desenvolvido pela empresa têxtil Adalberto em parceria com a varejista MO, o centro de tecnologia CITEVE, o Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes de Lisboa (iMM) e a Universidade do Minho.

O equipamento está disponível para venda desde abril, mas a capacidade de inativar o vírus só foi confirmada agora, após uma série de testes realizados pelo iMM, informaram em comunicado as entidades que integram a iniciativa.

O tecido foi analisado após ser embebido por uma solução que contém o coronavírus, de modo a medir a viabilidade da máscara ao longo do tempo. O virologista do iMM Pedro Simas, que coordenou os testes, afirmou que “foi demonstrada uma eficaz inativação do SARS-CoV-2 mesmo depois de 50 lavagens, observando-se uma redução viral de 99% após uma hora de contato com o tecido”.

PUBLICIDADE

Antes, o Instituto Pasteur de Lille, na França, já havia testado com êxito as características antimicrobianas do equipamento contra o vírus H1N1, o coronavírus e o rotavírus. A Direção-Geral de Empresas da França certificou a máscara e apontou uma retenção de partículas de 96%, mesmo após 50 lavagens.

Até o momento, a máscara está disponível para compra apenas nas lojas da marca portuguesa MO, mas o projeto foi aberto para que outras marcas em Portugal e no exterior possam distribuir o equipamento.

(com EFE)

Cientistas chineses identificam novo vírus da gripe em porcos

Pesquisadores chineses identificaram uma nova variante do vírus da gripe, com potencial para se espalhar com facilidade entre a população mundial, no organismo de porcos criados em diversas províncias do país asiático.

O vírus suíno detectado pelos cientistas tem algumas características preocupantes. De um lado, as atuais vacinas contra gripe não parecem conferir proteção significativa contra ele; de outro, apesar da origem em animais, ele não tem dificuldades para infectar células humanas. Alguns dos criadores de porcos da China, ao que tudo indica, já pegaram o vírus e se recuperaram, a julgar pela presença de anticorpos em seu sangue.

Dados sobre a nova cepa do vírus influenza, como também é conhecido o causador da gripe, acabam de ser publicados na revista da Academia Nacional de Ciências dos EUA (PNAS), em pesquisa coordenada por George Gao, do Centro Chinês de Controle e Prevenção de Doenças.

Gao e seus colegas integram um esforço de mapeamento epidemiológico dos vírus influenza em porcos que, entre 2011 e 2018, coletou quase 30 mil amostras de muco do focinho de porcos em dez províncias chinesas que abrigam grandes populações de suínos. Ironicamente, o trabalho foi encaminhado para publicação em dezembro de 2019, pouco antes que a crise de saúde pública causada pelo novo coronavírus ganhasse corpo na China.

Ficar de olho na evolução dos vírus de porcos é uma medida lógica porque o organismo desses mamíferos domésticos é considerado um “misturador” natural de diferentes cepas de gripe, como as que circulam em aves (tanto selvagens quanto domésticas) e em seres humanos.

Não é por acaso que a pandemia de influenza de 2009 ganhou o apelido de “gripe suína”, e sabe-se inclusive que, durante aquele episódio pandêmico, houve transmissão de mão dupla, com a gripe passando de humanos para porcos.

Diferentes formas do vírus da gripe frequentemente “embaralham” seu material genético dentro do organismo de seus hospedeiros, um processo que costuma dar origem a novas combinações, as quais podem pegar de surpresa as defesas de futuras vítimas. É o que parece ter acontecido com as novas variantes identificadas pelos pesquisadores chineses, apelidadas por eles de G4 (genótipo 4).

Assim como o vírus da gripe de 2009, os vírus G4 são classificados como H1N1 (sigla de duas moléculas importantes que compõem o vírus, responsáveis por sua entrada e saída das células infectadas). Mas eles sofreram tantas mutações que a vacina contra os vírus H1N1 já conhecidos não é capaz de neutralizá-los.

Além disso, outras moléculas do vírus vêm de misturas genéticas com duas outras cepas, uma similar à gripe de aves e outra que circulava na América do Norte. Trata-se, portanto, de uma junção de três formas anteriores do vírus influenza, numa combinação que não tinha sido vista até agora.

Experimentos feitos com células humanas e com furões (animais muito usados para estudar a evolução da gripe) mostraram que os vírus G4 infectam com facilidade esse tipo de célula e causam sintomas típicos de gripes relativamente graves. Uma análise de anticorpos no sangue dos que trabalham com criação de porcos nas mesmas províncias chineses, um grupo de mais de 300 pessoas, revelou que 10% delas parecia ter tido contato com a nova cepa.

Os especialistas defendem a intensificação do monitoramento e do controle entre suínos para evitar que o novo vírus, que tem potencial pandêmico, consiga se espalhar mais entre os seres humanos.

Fonte : O Tempo